Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAE - Departamento de Administração e Economia >
DAE - Programa de Pós-graduação >
DAE - Administração Pública - Mestrado Profissional (Dissertações/TCC) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10299

Title: Participação social na elaboração de estratégias para reduzir o consumo e gastos da administração pública com energia elétrica
???metadata.dc.creator???: Souza, Wagner Vilas Boas de
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Bermejo, Paulo Henrique de Souza
???metadata.dc.contributor.referee1???: Pereira, José Roberto
???metadata.dc.contributor.referee2???: Rezende, João Batista
???metadata.dc.contributor.referee3???: Brito, Mozar José de
???metadata.dc.contributor.referee4???: Brito, Valéria da Glória Pereira
Keywords: Administração pública
Public administration
Inovação
Innovation
Educação
Education
Crowdstorming
???metadata.dc.date.submitted???: 29-Jun-2015
Issue Date: 31-Aug-2015
Citation: SOUZA, W. V. B. de. Participação social na elaboração de estratégias para reduzir o consumo e gastos da administração pública com energia elétrica. 2015. 140 p. Dissertação (Mestrado em Administração Pública) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
???metadata.dc.description.resumo???: Diante da crescente demanda brasileira por energia elétrica, da insustentável situação da matriz energética mundial e da representatividade do gasto com o consumo de energia elétrica na Matriz de Orçamento de Outros Custeios e Capital (Matriz OCC) das Instituições Federais de Ensino (IFEs) no Brasil, neste trabalho, objetivou-se avaliar, por meio da participação social, ideias inovadoras que possibilitem às IFEs reduzirem os seus gastos com o consumo de energia elétrica. Desse modo, a questão de pesquisa foi: como reduzir os gastos com o consumo de energia elétrica nas Instituições Federais de Ensino, por meio da participação social? Para isso, foi criado, pelo Ministério da Educação (MEC), o Projeto Desafio da Sustentabilidade que consistiu em uma consulta pública baseada nos conceitos de participação social e crowdstorm direcionado às comunidades que se relacionam com as 104 IFEs brasileiras. Ao longo de 91 dias de consulta, o MEC identificou, por meio do envolvimento de 100% de suas IFEs, 9,6 mil ideias, que juntas receberam 1,1 milhão avaliações (curtidas) e 860 mil comentários. Um comitê técnico interdisciplinar avaliou, selecionou e priorizou esse conteúdo, possibilitando a edição pelo MEC de uma coletânea de soluções que foi instituída por meio da Portaria MEC nº 370, de 16 de abril de 2015 e lançada no Congresso Internacional de Gestão de Inovação da Educação do Setor Público (CIGISP), em Brasília. Os resultados desse projeto demonstraram que a participação social contribuiu, não só para identificar e prospectar soluções, mas também para mobilizar e conscientizar as comunidades, acadêmicas ou não, em prol do tema. Embora este trabalho não tenha contemplado a implementação das soluções, percebeu-se que a redução de gastos nas IFEs depende de ações que envolvam outros atores, além da própria instituição. Nesse sentido, a participação social pode contribuir diretamente para o envolvimento e engajamento desses atores.
Abstract: This work considers the increasing demand in Brazil for electric energy, as well as the unsustainable circumstances of worldwide energy matrix and representation of expenses with electric energy intake in the Other Costs and Capital Budget Matrix (OCC Matrix) of Federal Education Institutions (FEIs) in Brazil. We aimed at evaluating innovative ideas that allow the FEIs to reduce expenses with energy intake by means of social participation. Thus, the main issue of this research was: how to reduce expenses with energy intake in the Federal Education Institutions using social participation? To do this, the Ministry of Education (MEC) created the Sustainability Challenge Project, which constitutes of a public consultation based on the concepts of social participation and crowdstorm aimed at the communities that relate to the 104 Brazilian FEIs. Over 91 days of consultation, with the engagement of all FEIs, MEC identified 9.6 thousand ideas that, together, received 1.1 million evaluations (likes) and 860 thousand comments. An technical interdisciplinary committee evaluated, selected and prioritized this content, allowing editing by the MEC of a collection of solutions, instituted by the Decree MEC no 370, of April 16th of 2015, and launched in the International Congress of Education Innovation Management of the Public Sector (CIGISP), in Brasília. The results of this project showed that social participation contributes in not only identifying and prospecting solutions, but also to mobilize and raise awareness the communities, academics or otherwise, regarding the theme. Despite this work not contemplating the implementation of the solutions, we verified that the reduction in the expenses from the FEIs depends on actions involving other actors in addition to the institution. In this sense, social participation can directly contribute in involving and engaging these actors.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10299
???metadata.dc.language???: por
Appears in Collections:DAE - Administração Pública - Mestrado Profissional (Dissertações/TCC)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTACAO_Participação social na elaboração de estratégias para reduzir o consumo e gastos da administração pública com energia elétrica.pdf17.86 MBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback