Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10426
metadata.teses.dc.title: Ajuste do procedimento de agrupamento de médias Scott-Knott para experimentos não-balanceados
metadata.teses.dc.creator: Conrado, Thiago Vincenzi
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Maluf, Wilson Roberto
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Ferreira, Daniel Furtado
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Nunes, José Airton
metadata.teses.dc.contributor.referee3: Bueno Filho, Julio Sílvio de Sousa
metadata.teses.dc.contributor.referee4: Mateus, Nazaré Barata
metadata.teses.dc.subject: Erro tipo I
Simulação de Monte Carlo
Type I error
Monte Carlo simulation
metadata.teses.dc.date.issued: 25-Sep-2015
metadata.teses.dc.description.sponsorship: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
metadata.teses.dc.identifier.citation: CONRADO, T. V. Ajuste do procedimento de agrupamento de médias Scott-Knott para experimentos não-balanceados. 2015. 58 p. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Plantas) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
metadata.teses.dc.description.resumo: Este trabalho apresenta uma revisão da evolução dos procedimentos de comparação de medias mais difundidos, juntamente com o procedimento de agrupamento de medias proposto por Scott & Knott (1974) e uma solução satisfatória para uso desta análise de agrupamentos em experimentos não balanceados. Uma vez que o teste original foi desenvolvido para atuar em delineamento balanceados, a simples perda de uma parcela pode aumentar em alguns casos significativamente a taxa de Erro Tipo I. Para contornar esse controle possivelmente ineficiente das taxas de erro, na ocorrência de perda de parcelas, propomos um ajuste que deve manter proteção similar ao teste original. A solução proposta foi validada a partir de um conjunto de dados com mais de 40 milhões de experimentos simulados seguindo a metodologia de Monte Carlo. O resultado foi uma perda mínima de Poder com um controle satisfatório dos Erros Tipo I. Também foram mantidas as características originais do teste. Com o objetivo de tornar mais amigável a implementação do ajuste proposto também disponibilizamos uma macro SAS.
metadata.teses.dc.description.abstract: This paper presents a review about the evolution of the most broadly disseminated means comparison procedures and of the clustering means procedure proposed by Scott & Knott (1974) with a solution to use it even under unbalanced experiment designs. Since the original test was developed to be used specifically under complete designs, the loss of a single plot can increase the Type I Error Rate. To avoid inefficient Error control in the missing plot scenario we propose an adjustment that should maintain a similar protection of the original. The proposed solution was validated over more than 40 million of simulated experiments following the Monte Carlo method. As results a minimal loss of power and a satisfactory Type I Error control was observed with the original procedure features maintained. In order to make easier the implementation of the adjustment, a SAS System macro with minor hardcoding requirement is provided as well.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10426
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: por
Appears in Collections:DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Doutorado (Teses)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE_Ajuste do procedimento de agrupamento....pdf3,58 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.