Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
BU - Biblioteca Universitária >
BU - Trabalhos apresentados em eventos >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10469

Título: Migração das teses e dissertações do BDTB/TEDE para o RI/DSPACE
Autor(es): Ribeiro, Nivaldo Calixto
Bernardes, Eliana José
Assunto: Metadados - Padrão
Migração de sistema
Tede
Dspace
Data de publicação: 2-Out-2015
Referência: RIBEIRO, N. C.; BERNARDES, E. J. Migração das teses e dissertações do BDTB/TEDE para o RI/DSPACE. In: CONFERÊNCIA LUSO-BRASILEIRA DE ACESSO ABERTO, 6., 2015, Salvador. Anais... Salvador: UFBA, 2015.
Resumo: O conhecimento oriundo de pesquisas precisa estar disponível para a sociedade para que sirva de subsídios para novas pesquisas e assim contribuir para a evolução científica. No âmbito das instituições federais brasileiras, cujas pesquisas são custeadas com recursos públicos, há vários dispositivos legais que incentivam os pesquisadores a divulgarem seus trabalhos. Um desses dispositivos é a implantação de bibliotecas digitais, que foi iniciada no Brasil em 2001 através dos esforços do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT) (IBICT, 2015). A biblioteca universitária, cumprindo sua função de depositária da produção técnica e científica gerada na Universidade Federal de Lavras (UFLA), disponibiliza as dissertações e teses defendidas na UFLA desde 2005, época em que foi implantada a Biblioteca Digital de Teses e Dissertações (BDTD). Naquela ocasião, o software utilizado era o TEDE Modular, o qual exigia a colaboração do autor, do secretário de pós-graduação e do bibliotecário para que o trabalho fosse disponibilizado. Posteriormente, em 2009 o sistema foi migrado para o TEDE Simplificado cujo diferencial era a publicação feita somente pelo bibliotecário, dispensando o autor e o secretário (BERNARDES et al., 2010). Entre 2009 e 2011 o TEDE Simplificado foi utilizado, entretanto apresentando problemas de suporte, falhas de segurança, excesso de campos a serem preenchidos e falta de atualizações. Os problemas se agravaram, culminando na suspensão das submissões em 2012. Em 2013 foi implantado o Repositório Institucional da UFLA (RIUFLA) em consonância com as políticas públicas de acesso aberto à produção científica. A implantação do RIUFLA foi resultado do projeto de mestrado profissional em Administração Pública, da bibliotecária Simone Assis Medeiros. Desta forma, são disponibilizados diversos tipos de documentos: livros e capítulos de livros, artigos, trabalhos apresentados em eventos, monografias, dissertações e teses. Logo que o RIUFLA foi implantado, as dissertações e teses de 2012 foram disponibilizadas em tempo hábil. Neste momento foi necessário manter dois sistemas para recuperar os trabalhos: a BDTD para trabalhos defendidos entre 2006 e 2011 e o RIUFLA para trabalhos defendidos entre 2012 e 2013. Isto foi necessário pelo fato de que no momento a biblioteca não dispunha de tecnologia para a migração automática dos dados. Era sabido que a equipe de uma universidade federal brasileira fizera a migração manualmente, e seguindo este exemplo a migração foi realizada entre julho e agosto de 2014. Nesta tarefa, colaboraram seis bibliotecários e nove servidores de outras coordenadorias (setores) da biblioteca. Os servidores da Coordenadoria de Produtos e Serviços ficaram responsáveis por manter o depósito das teses e dissertações recentes. Inicialmente, houve um treinamento com os envolvidos nesse processo sobre uso da BDTD e das submissões no RIUFLA. Os servidores e alguns dos bibliotecários efetuaram o depósito e os bibliotecários fizeram a conferência dos metadados. Havia um total de 2391 teses e dissertações, divididas em 20 programas de pós-graduação, as quais foram distribuídas entre as equipe de depósito. Cada servidor ficou responsável pela migração de aproximadamente 341documentos. A migração foi resultado de um trabalho em equipe, com servidores com atribuições distintas e que demonstraram empenho em finalizar a tarefa. Ao final do trabalho foi possível unificar o sistema de guarda e recuperação das teses e dissertações defendidas na UFLA, além de garantir a qualidade dos metadados padronizados.
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: BU - Trabalhos apresentados em eventos

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
EVENTO - Migração das teses e dissertações da BDTBTEDE para o RIDSPACE.pdf151,12 kBAdobe PDFVer/abrir

Este item está licenciado com Licença Creative Commons
Creative Commons

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback