Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Botânica Aplicada - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10486

Título: Aspectos ecofisiológicos de Vochysia thyrsoidea POHL. em Cerrado Rupestre no sul de Minas Gerais
Título Alternativo: Ecophysiological aspects of Vochysia thyrsoidea Pohl. in a "Cerrado Rupestre" in the South of Minas Gerais
Autor(es): Melo, Nayara Cristina de
Lattes: http://lattes.cnpq.br/6023014561595496
Orientador: Barbosa, João Paulo Rodrigues Alves Delfino
Membro da banca: Polo, Marcelo
Membro da banca: Rodrigues, Marcelo
Membro da banca: Barbosa, Ana Carolina Maioli Campos
Membro da banca: Teodoro, Grazielle Sales
Assunto: Afloramentos rochosos
Disponibilidade hídrica
Radiação
Trocas gasosas
Adaptação
Rocky outcrops
Water availability
Radiation
Gas exchange
Adaptation
Data de Defesa: 24-Jul-2015
Data de publicação: 19-Out-2015
Agência de Fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: MELO, N. C. de. Aspectos ecofisiológicos de Vochysia thyrsoidea POHL. em Cerrado Rupestre no sul de Minas Gerais. 2015. 110 p. Tese (Doutorado em Botânica Aplicada)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: O domínio do Cerrado abrangia uma área de aproximadamente 2 milhões de Km 2 na porção central do Brasil. Entretanto, devido à intensa conversão de áreas naturais em áreas antropizadas é caracterizado como um hotspots para a conservação da biodiversidade. O Cerrado é marcado por uma estação seca bem definida, solos ácidos e pobres em nutrientes. Alémdisso, o fogo é um evento comum podendo afetar o crescimento e a distribuição das espécies. Dentre as diferentes fitofisionomias do domínio se encontra o cerrado rupestre, caracterizado por longos períodos de baixa disponibilidade hídrica, alta intensidade luminosa, altitudes elevadas e vegetação sobre afloramentos rochosos. Dentre as espécies, Vochysia thyrsoidea se destaca por sua alta capacidade de adaptação ao ambiente. Diante disso, o objetivo do trabalho foi avaliar as respostas fisiológicas e de crescimento de indivíduos de V. thyrsoidea em duas áreas de cerrado rupestre localizadas: no Parque Ecológico Quedas do Rio Bonito (PEQRB) e na Reserva Biológica Unilavras-Boqueirão (RBUB). Em cada área foram selecionados 30 indivíduos de portemédio e alto (> 2,50 m e DAP ≥5 cm) e 30 indivíduos de porte baixo (< 1,70 m e DAS < 3 cm). Avaliouse o crescimento radial, em altura, crescimento de ramos, emissão de folhas novas e características morfofisiológicas. Foi realizada a caracterização ambiental das áreas e o conteúdo de água no solo foi obtido através do cálculo de balanço hídrico climatológico. Os anos que compreenderam o estudo foram marcados por baixa precipitação pluviométrica e mesmo durante a estação seca foi possível notar que os indivíduos de V. thyrsoidea demonstraram aumento da fotossíntese líquida, condutância estomática e transpiração. Na RBUB foram observadas maiores taxas de crescimento radial em períodos de maior precipitação, demonstrando clara sazonalidade. Os resultados indicam que existe uma diferenciação em relação ao crescimento dos indivíduos de V. thyrsoidea das duas áreas. Os indivíduos de pequeno porte do PEQRB investiram mais no crescimento em altura e emissão de folhas, enquanto que nos indivíduos da RBUB observou-se maior alocação de carbono para o crescimento de ramos (cm), área foliar e diâmetro do caule. Mesmo com eventos de fogo na área da RBUB e chuva de granizo no PEQRB durante o período do estudo, a espécie demonstrou grande capacidade de recuperação. As diferentes estratégias morfofisiológicas apresentadas por V. thyrsoidea mostram que a espécie apresenta facilidade em colonizar o ambiente e se destaca por sua capacidade de ajuste ao meio, possuindo estratégias de adaptação para crescer e desenvolver frente às condições adversasque caracterizam o domínio do Cerrado.
Abstract: The Cerrado domain covered an area of approximately 2 million km 2 in the center of Brazil. However, due to the severe conversion of natural areas into anthropic areas it has been described as a hotspot for the conservation of the biodiversity. Cerrado is characterized by a well-defined dry season with acidic and nutrient-poor soils. Moreover, fire is a common disturbance affecting the growth and distribution of species. Within the different domain phytophysiognomies, there is the rocky cerrado, defined by long periods with low water availability, high luminous intensity, high altitudes, and vegetation on rocky outcrops. Among species, Vochysia thyrsoidea stands out for its high ability to adapt to the environment. Thus, this work aimed to evaluate the physiological and growth responses of V. thyrsoidea individuals in two rocky cerrado areas located in Parque Ecológico Quedas doRio Bonito (PEQRB) and in Reserva Biológica Unilavras-Boqueirão (RBUB). Ineach area, we selected 30 medium to high individuals (>2.50 m and DAP ≥5 cm) and 30 short individuals (<1.70 m and DAS < 3 cm). The radial growth, height, growth of branches, newleaf sprouting, and morphophysiological characteristics were evaluated. The environmental characterization of areas was performed and the water content in soil was obtained using the climatological water balance calculation. The years comprising the study were marked by low rainfall and even during the dry season it was possible to notice that V. thyrsoidea demonstrated increased net photosynthesis, stomatal conductance, and transpiration. In RBUB, higher radial growth rates were observed in periods with higher rainfall, showing a clear seasonality. Results indicate that there is a differentiation regarding the growth of V. thyrsoidea individuals from the two areas. Small PEQRB individuals invested more in height growth and leaf sprouting whereas RBUB individuals had a higher allocation of carbon to the growth of branches (cm), leaf area, and stem diameter. Even with fire episodes in RBUB areaand hailstorm in PEQRB during the study, the species exhibited a great recoverability. The different morphophysiological strategies exhibited by V. thyrsoideademonstrate that this species may easily colonize the environment and stands out for its easy adjustment to the environment, and it has some adaption strategies to grow and develop to face the adverse conditions which characterize the Cerrado domain.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10486
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DBI - Botânica Aplicada - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Aspectos ecofisiológicos de Vochysia thyrsoidea POHL. em Cerrado Rupestre no sul de Minas Gerais.pdf3,73 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback