Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1052
Título: Métodos de secagem e armazenamento de sementes de berinjela submetidas ao condicionamento fisiológico
Autor : Reis, Rodrigo de Góes Esperon
Primeiro orientador: Guimarães, Renato Mendes
Primeiro membro da banca: Rosa, Sttela Dellyzete Veiga Franco da
Faria, José Márcio Rocha
Carvalho, Maria Laene Moreira de
Oliveira, João Almir
Área de concentração: Produção Vegetal
Palavras-chave: Solanum melongena L.
Qualidade fisiológica
Embalagem
Sistema antioxidante
Physiological quality
Package
Antioxidant system
Data da publicação: 2013
Agência(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Referência: REIS, R. de G. E. Métodos de secagem e armazenamento de sementes de berinjela submetidas ao condicionamento fisiológico / Rodrigo de Góes Esperon Reis. – Lavras: UFLA, 2013. 82 p. Tese (Doutorado em Produção Vegetal)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2013.
Resumo: Para facilitar o manuseio, a comercialização e a semeadura de sementes condicionadas, é necessária a realização de secagem, mas os efeitos do tratamento podem ser perdidos dependendo do método utilizado e a qualidade pode ser reduzida rapidamente durante o armazenamento. Objetivou-se verificar o método de secagem que melhor mantenha os efeitos benéficos do condicionamento fisiológico de sementes de berinjela durante o armazenamento. Foram realizados dois ensaios utilizando sementes de berinjela cv. Embu condicionadas em solução aerada de nitrato de potássio (-0,8 MPa) a 25 °C por 48 horas. No primeiro ensaio, as sementes foram submetidas à redução inicial do teor de água em aproximadamente 10%, ao choque térmico em banho-maria a 36 °C por 1 hora e à secagem lenta ou rápida, e a combinação desses procedimentos resultou nos seguintes tratamentos: testemunha (Test - sementes sem condicionamento), condicionadas (Cond - condicionadas e sem secagem), secagem lenta (SL), secagem rápida (SR), choque térmico + secagem lenta (CTSL), choque térmico + secagem rápida (CTSR), redução inicial do teor de água + secagem lenta (rSL), redução inicial do teor de água + secagem rápida (rSR), choque térmico + redução inicial do teor de água + secagem lenta (rCTSL), choque térmico + redução inicial do teor de água + secagem rápida (rCTSR). No ensaio 2, foram utilizadas os melhores métodos de secagem do ensaio 1 (SL, SR, rSL e rSR), acondicionadas em embalagens impermeáveis sob condição de vácuo e atmosfera normal e armazenadas por 0, 30 e 60 dias, em dois ambientes (10 e 25 °C). Pelo ensaio 1, conclui-se que o potencial fisiológico das sementes de berinjela obtido com o condicionamento é mantido após secagem; o sistema antioxidante e as proteínas resistentes ao calor são reduzidos após condicionamento e são reativados quando as sementes são secadas; o condicionamento fisiológico promove reorganização de membranas de sementes de berinjela; a secagem de sementes de berinjela condicionadas pode ser realizada de forma lenta, preferivelmente, ou rápida e com ou sem redução do teor de água; o de choque térmico prejudica a integridade das membranas de sementes de berinjela. Pelo ensaio 2, conclui-se que: sementes de berinjela submetidas ao condicionamento e secadas devem ser acondicionadas em embalagem a vácuo; os efeitos do condicionamento são mantidos durante o armazenamento independente de a secagem ser lenta ou rápida e com ou sem redução inicial do teor de água; a diminuição da qualidade fisiológica das sementes de berinjela ao longo do armazenamento está relacionada com a redução da atividade do sistema antioxidante.
To facilitate handling, marketing, and mechanized sowing of primed seeds, a drying is necessary, but the effects of the treatment might be lost depending on the method used and the seed quality might be reduced rapidly along the storage. It was aimed to verify the dry-back method which can maintain the effects of priming of eggplant seeds along storage. Two essays were realized with eggplant seeds cv. Embu primed in aerated solution of potassium nitrate (-0.8 MPa) at 25 °C for 48 hours. At the first essay, the seeds were submitted to an initial reduction of the water content in almost 10%, to a heat shock in bain-marie at 36 °C for 1 hour, and to slow or fast drying. The combination of these proceedings resulted in the following treatments: control (Test – seeds without priming), primed seeds (Cond – primed seeds without drying), slow drying (SL), fast drying (SR), heat shock + slow drying (CTSR), heat shock + fast drying (CTSR), reduction of seed moisture content + slow drying (rSL), reduction of seed moisture content + fast drying (rSR), heat shock + reduction of seed moisture content + slow drying (rCTSL), and heat shock + reduction of seed moisture content + fast drying (rCTSR). At the second essay, the best methods from the first essay were used (SL, SR, rSL, and rSR), packed in impermeable packages under vacuum and normal atmosphere, during 0, 30, and 60 days, in two environments (10 and 25 °C). By the results observed in the first essay, it is concluded that the physiological potential of eggplant seeds obtained with priming is maintained after drying; the antioxidant system and heat resistant proteins are reduced after priming and are reactivated when the seeds are dried; the priming promotes reorganization of membrane of eggplant seeds; the drying of primed eggplant seeds can be done slowly, preferably, or fast, and with or without initial reduction of seed moisture content; the use of heat shock damages the integrity of membranes of eggplant seeds. According the results from second essay, it is concluded that: eggplant seeds submitted to priming and dried must be packed in vacuum package; the benefic effects of priming are maintained along the storage independently of drying being slow or fast, or with or without initial reduction of seed moisture content; the decrease of physiological quality of eggplant seeds along the storage is related to the reduction of antioxidant system activity.
metadata.teses.dc.description: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Agronomia/Fitotecnia, área de concentração em Produção Vegetal, para a obtenção do título de Doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1052
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE_Métodos de secagem e armazenamento de sementes.pdf807,53 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.