Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10543
Título: Condicionamento fisiológico e armazenamento de sementes de girassol
Título(s) alternativo(s): Physiological conditioning and sunflower seeds storage
Autor : Faria, Gabrielle de
Lattes: http://lattes.cnpq.br/9867584034140951
Primeiro orientador: Guimarães, Renato Mendes
Primeiro membro da banca: Fraga , Antônio Carlos
Segundo membro da banca: Castro Neto , Pedro
Terceiro membro da banca: Vieira, Antônio Rodrigues
Quarto membro da banca: Veloso, Alessandro Vieira
Palavras-chave: Priming
Vigor
Viabilidade
Viability
Data da publicação: 28-Out-2015
Agência(s) de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: FARIA, G. de. Condicionamento fisiológico e armazenamento de sementes de girassol. 2015. 116 p. Tese (Doutorado em Agronomia/Fitotecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: O condicionamento fisiológico das sementes é uma técnica que visa a recuperação do sistema de membranas celulares e propicia uma maior uniformidade e velocidade de germinação dos lotes. Em relação ao armazenamento de sementes condicionadas osmoticamente, a preocupação é em manter a qualidade fisiológica e para as sementes condicionadas após o armazenamento aumentar a qualidade fisiológica. Objetivou -se nessa pesquisa verificar o comportamento fisiológico das sementes de girassol condicionadas antes do armazenamento e também quando condicionadas após o armazenamento. O estudo foi realizado no Laboratório Central de Sementes, e no Laboratório de Óleos, Gorduras e Biodiesel ambos da Universidade Federal de Lavras e foram utilizadas sementes de girassol híbrido 251 produzidas pela Empresa Heliagro Agricultura e Pecuária Ltda. No experimento 1 foram utilizadas sete soluções com e sem ácido giberélico (500 ppm) para o condicionamento osmótico: Ácido ascórbico (75 mg L -1 ), Sacarose (75 mg L -1 ), Tocoferol (0,1930 ml L -1 ) , Ácido ascórbico (75 mg L -1 ) + Sacarose (75 mg L -1 ), Ácido ascórbico (75 mg L -1 ) + Tocoferol (0,1930 ml L -1 ), Sacarose (75 mg L -1 ) + Tocoferol (0,1930 ml L -1 ) e Ácido ascórbico (75 mg L -1 ) + Sacarose (75 mg L -1 ) +Tocoferol. Após o condicionamento as sementes foram secadas a 35°C por 24 horas e armazenadas em sacos de papel multifoliados em câmera fria por 45 dias. Os testes de germinação, emergência, índice de velocidade de emergência e condutividade elétrica foram realizados a cada 15 dias. No experimento 2, as sementes foram armazenadas em sacos de papel multifoliado na câmera fria por um período de até oito meses. A cada quatro meses, as sementes foram submersas nas mesmas sete soluções do experimento anterior, com e sem ácido giberélico (500 ppm) para o condicionamento osmótico. Após o condicionamento as sementes foram secadas a 35°C por 24 horas e realizados os testes fisiológicos: germinação, emergência, índice de velocidade de emergência e condutividade elétrica. Conclui-se nessa pesquisa que o uso do ácido giberélico nas soluções de condicionamento proporcionou efeito positivo na qualidade das sementes, o condicionamento fisiológico antes do armazenamento melhorou a qualidade das sementes armazenadas por 15 dias e o efeito do condicionamento foi mantido até o 30º dia de armazenamento. Para as sementes condicionadas após o armazenamento, verificou melhora da qualidade fisiológica nas épocas quatro e oito meses de armazenamento.
Abstract: The priming of seeds is a technique that foccus at recovering the membrane system and propitiates a greater uniformity and speed of germination of the samples. Regarding the storage of seeds osmotically conditioned, the concern is to maintain the physiological quality and the seeds conditioned after storage to increase the physiological quality. This study aimed to verify the physiological performance of sunflower seeds conditioned prior to storage and also when conditioned after storage. The study was conducted at the Seed Center Laboratory and Laboratory Oils, Fats and Biodiesel Federal University of Lavras and sunflowers seeds hybrid 251 produced by Heliagro Agricultura e Pecuária LTDA were used. In experiment 1 were repeated seven solutions with and without gibberellic acid (500 ppm) for priming: Ascorbic acid (75 mg L-1), Sucrose (75 mg L-1), Tocopherol (0.1930 ml L-1) ascorbic acid (75 mg L-1) + Sucrose (75 mg L-1), ascorbic acid (75 mg L-1) + Tocopherol (0.1930 ml L-1), Sucrose (75 mg L-1) + Tocopherol (0.1930 ml L-1) and ascorbic acid (75 mg L-1) + Sucrose (75 mg L-1) + Tocopherol. After conditioning the seeds were dried at 35 ° C for 24 hours and stored in multiwall paper bags in cold chamber for 45 days. Germi nation tests, emerging, emerging speed rate and electrical conductivity were performed every 15 days. In experiment 2, the seeds were stored in multiwall paper bags in the cold chamber for a period of up to eight months. Every four months, the seeds were submerged in the same seven solutions used on the first experiment with and without gibberellic acid (500 ppm) for priming. After conditioning the seeds were dried at 35 ° C for 24 hours and performed the physiological testing: germination, emerging, emerging speed index and electrical conductivity. It is concluded in this study that the use of gibberellic acid in the conditioning solutions provided positive effect on the quality of seeds, priming before storage improved the quality of seeds stored for 15 days and the effect of the conditioning was continued until the 30th day of storage. For the seeds conditioned after storage, it was found improved physiological quality in four seasons and eight months of storage.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10543
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções:DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE_Condicionamento fisiológico e armazenamento de sementes de girassol.pdf1,21 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.