Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Doutorado (Teses) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10989

Title: Suplementação de um probiótico para frangos de corte submetidos ao estresse térmico
Other Titles: Probiotic supplementation to broiler chickens submited to heat stress
???metadata.dc.creator???: Reis, Matheus de Paula
???metadata.dc.creator.Lattes???: http://lattes.cnpq.br/9949496138285212
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Rodrigues, Paulo Borges
???metadata.dc.contributor.advisor-co1???: Fassani, Edison José
???metadata.dc.contributor.advisor-co2???: Bertechini, Antonio Gilberto
???metadata.dc.contributor.referee1???: Fassani, Édson José
???metadata.dc.contributor.referee2???: Bertechini, Antonio Gilberto
???metadata.dc.contributor.referee3???: Geraldo, Adriano
???metadata.dc.contributor.referee4???: Schmidt, Carl J.
Keywords: Bacillus subtilis
DSM 17299
Avicultura
Poultry
???metadata.dc.date.submitted???: 7-Mar-2016
Issue Date: 1-Apr-2016
???metadata.dc.description.sponsorship???: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Citation: REIS, M. de P. Suplementação de um probiótico para frangos de corte submetidos ao estresse térmico. 2016. 122 p. Tese (Doutorado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
???metadata.dc.description.resumo???: Três experimentos independentes foram conduzidos com frangos de corte criados de 1 a 42 dias de idade, com o objetivo de avaliar o efeito da suplementação de um probiótico (Bacillus subtilis – DSM 17299) para frangos de corte. O experimento I foi conduzido em gaiolas de metabolismo e composto por dois tratamentos, com e sem a suplementação de probiótico. Foram avaliados o desempenho das aves semanalmente, o coeficiente de digestibilidade aparente ileal da proteína bruta (CDAPB) e da matéria seca (CDAMS) e os valores energéticos das dietas (EMA) referentes ao período inicial (18 a 21 dias) e final de criação (38 a 41dias). Avaliou-se ainda o pH dos conteúdos do trato gastro intestinal (TGI). Os experimento II e III foram conduzidos em casas coloniais composto de dois tratamentos até os 21 dias de idade (com e sem probiótico) e 4 tratamentos em esquema fatorial 2 x 2 (com e sem probiótico x com e sem estresse térmico (ET)) a partir de 22 dias de idade. As variáveis respostas estudas foram pH dos conteúdos do TGI, peso relativo de órgãos e comprimento relativo de segmentos do intestino delgado, o desempenho das aves e a morfologia do TGI. Houve uma influência positiva da suplementação do probiótico sobre os parâmetros de desempenho, no qual houve melhoras na conversão alimentar (CA), resultado de uma melhor eficiência alimentar das aves suplementadas com o probiótico. Foi possível observar diferença estatística para o pH dos conteúdos intestinais, no qual a suplementação de probiótico influenciou um aumento nesse parâmetro nas regiões do íleo aos 14 e 42 dias de idade. Aves suplementadas apresentaram redução no peso e comprimento do duodeno, com consequente aumento dos mesmos parâmetros no jejuno e íleo. Por meio do estudo da digestibilidade de nutrientes, foi possível observar uma melhora no aproveitamento da proteína bruta e da energia da dieta nas duas fases de criação. O estudo da morfologia intestinal demonstrou que as melhoras na absorção de nutrientes podem ter sido resultado de um aumento na superfície de absorção do TGI. Com exceção da profundidade de cripta aos 42 dias de idade, não houve interação entre os fatores estudados para nenhum parâmetro ou idade avaliada, demonstrando que o efeito do probiótico não foi alterado com o estresse das aves pelo aumento de temperatura. Os resultados do presente estudo demonstra que o probiótico composto por B. subtilis DSM 17299 possui um efeito benéfico, mesmo em aves submetidas a condições de temperatura elevada, contribuindo para o aumento da eficiência alimentar das aves, o que pode reduzir os custos de produção dos frangos de corte, trazendo maiores benefícios para a indústria avícola.
Abstract: Three independent trials were conducted with broiler chickens raised from one to 42 days old, in order to evaluate the effect of a probiotic supplementation (Bacillus subtilis - DSM 17299) for broilers chickens. The first trial was conducted in metabolic cages and consisting of two treatments, with and without probiotic supplementation. We evaluated the performance of the birds weekly, the apparent ileal digestibility of crude protein (ADCP) and dry matter (ADDM) and energy content of diets (AME) for two periods, 18-21 days and 38 to 41days. It also evaluated the pH of the gastro intestinal tract (GIT) contents. Trial II was conducted in colonial houses consisting of two treatments until 21 days of age (with and without probiotic) and 4 treatments in a factorial design 2 x 2 (with and without probiotic x with and without heat stress (HS)) from day 22. The response variables evaluated were the pH of the GIT contents, relative organ weight (RW) and relative length (RL) of the segments from small intestine. The third trial followed the same distribution as the trial II, however, the measurement evaluated were performance and the morphology of the GIT. A positive influence of the probiotic supplementation on performance measurements, in which there were improvements in feed conversion ratio (FCR), a result of an improvement on feed efficiency of birds supplemented with the probiotic. It was observed a statistical difference in the pH of the intestinal contents, where the pH measurements were increased by probiotic supplementation, mainly, on ileum at days 14th and 42sd. Supplemented birds showed a reduction in the weight and length of the duodenum, with a consequent increase of the same measurement in the jejunum and ileum. The study of intestinal morphology demonstrated that improvements in nutrient uptake might have been a result of an increase in absorptive surface of the GIT. Except for the crypt depth at 42 days of age, there was no interaction between the factors studied to any measurement or assessed age, demonstrating that the effect of probiotic has not changed with the stress of the birds by an increase of the temperature. The results of this study demonstrated that probiotic consisting of B. subtilis DSM 17299 has a beneficial effect, even in birds subjected to high temperature conditions, contributing to the increase in feed efficiency of the poultry, which can reduce production costs of broilers, bringing greater benefits for the poultry industry.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10989
Publisher: Universidade Federal de Lavras
???metadata.dc.language???: por
Appears in Collections:DZO - Zootecnia - Doutorado (Teses)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE_Suplementação de um probiótico para frangos de corte submetidos ao estresse térmico.pdf1.23 MBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback