Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCF - Departamento de Ciências Florestais >
DCF - Programa de Pós-graduação >
DCF - Engenharia Florestal - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11051

Título: Conflitos entre usos e proteção de espécies vegetais nas unidades de conservação da Serra de São José, Minas Gerais
Título Alternativo: Conflict between uses and plant species protection in protected areas in Serra de São José, Minas Gerais
Autor(es): Silveira Junior, Wanderley Jorge da
Lattes: http://lattes.cnpq.br/7083630018901697
Orientador: Fontes, Marco Aurélio Leite
Coorientador: Oliveira, José Emílio Zanzirolani de
Coorientador: Carvalho, Warley Augusto Caldas
Membro da banca: Pereira, José Aldo Alves
Membro da banca: Oliveira, José Emílio Zanzirolani de
Membro da banca: Carvalho, Warley Augusto Caldas
Assunto: Extrativismo
Conservação da natureza
Conhecimento tradicional
Etnobotânica
Extractivism
Conservation of nature
Traditional knowledge
Ethnobotany
Data de Defesa: 23-Fev-2016
Data de publicação: 18-Abr-2016
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: SILVEIRA JUNIOR, W. J. da. Conflitos entre usos e proteção de espécies vegetais nas unidades de conservação da Serra de São José, Minas Gerais. 2016. 93 p. Dissertação (Mestrado em Engenharia Florestal)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
Resumo: As Áreas Protegidas, Área de Proteção Ambiental Serra de São José e o Refúgio Estadual de Vida Silvestre Libélulas da Serra de São José, localizadas na região de Tiradentes-Minas Gerais apresentam grande diversidade biológica, distribuídas em três fitofisionomias, Cerrado, Floresta Estacional Semidecidual e Campos Rupestres. Além de protegerem legalmente uma importante biodiversidade, abrigam também moradores que ainda fazem uso de espécies vegetais extraídas nos limites das referidas áreas. Como a legislação aplicada às Áreas Protegidas tende a restringir o uso direto dos recursos biológicos, os conflitos ambientais foram inevitáveis, e a perda do conhecimento tradicional uma consequência. Com o objetivo de conhecer, descrever e analisar os usos passados e presentes de espécies vegetais extraídas nas Unidades de Conservação em questão, levantar os conflitos existentes em todo contexto e identificar as possíveis contribuições da etnobotânica para gestão das UC em estudo, foram realizados levantamentos etnobotânicos por meio de turnês guiadas em três trilhas utilizadas por dois extrativistas e aplicado questionário semiestruturado, que apontaram as espécies utilizadas, suas aplicações e as partes empregadas. A análise dos dados contou com a abordagem qualitativa baseada na “Análise de Conteúdo”. Concluiu-se que existe conhecimento tradicional sobre as espécies vegetais, sendo o uso medicinal o de maior indicação. Os conflitos ambientais foram confirmados, todavia, podem auxiliar na construção de politicas públicas inclusivas. Estudos etnobotânicos também podem contribuir na criação de programas de desenvolvimento com preservação da biodiversidade na Serra de São José.
Abstract: The Environmental Protection Area Serra de São José and the State Refuge of Wild Life Libélulas of Serra de São José, located in the region of Tiradentes, Minas Gerais-Brazil, are preservation areas that have a great biological diversity, distributed in three vegetation types, Cerrado, Semideciduous Forest and Rupestrian Fields. Which in addition to legally protect important biodiversity, also shelter residents who still make use of plant species extracted in the boundaries of those areas. As the Protected Areas legislation tends to restrict the direct use of biological resources, environmental conflicts are inevitable, and the loss of traditional knowledge is a consequence. Aiming to know, describe and analyze the past uses and plant species presently extracted in the protected areas in question, even as the disagreement in every context and identify possible contributions of ethnobotany to the named Conservation Unit management, the methodological tools were used, as well as ethnobotanical survey through three conducted tours on trails used by two extractors, and the application of semi structured questionnaire, which it was determined the species used, their applications and the used parts. Were identified data analysis included the qualitative approach based on the "Content Analysis", grounded on data obtained from semi-structured questionnaires and guided tours. It was concluded that there is traditional knowledge intrinsically linked to plant species, usually indicated for medicinal purposes. Environmental conflicts have been confirmed. However, they may help build inclusive public policies. Ethnobotanical studies may help in creating development programs to preserve biodiversity in Serra de São José.
Informações adicionais: Arquivo retido a pedido do(a) autor(a) até abril de 2017.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11051
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DCF - Engenharia Florestal - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback