Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11130
Título: Controle genético do indice de colheita no feijoeiro
Título(s) alternativo(s): Genetic control harvest index in common bean
Autor : Pinto Junior, Ricardo Andrade
Lattes: http://lattes.cnpq.br/1137535784278883
Primeiro orientador: Ramalho, Magno Antonio Patto
Primeiro membro da banca: Abreu, Ângela de Fátima
Segundo membro da banca: Condé, Aurinelza Batista Teixeira
Palavras-chave: Genética quantitativa
Feijão - Melhoramento genético
Genética de populações
Quantitative genetics
Beans - Breeding
Population genetics
Data da publicação: 10-Mai-2016
Agência(s) de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: PINTO JÚNIOR, R. A. Controle genético do índice de colheita no feijoeiro. 2016. 49 p. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
Resumo: O índice de colheita (IC) isto é, a proporção de matéria seca dos grãos e da matéria seca total da planta, é uma medida de eficiência biológica. Esse índice é influenciado por inúmeros fatores, mas espera-se que ele seja maior nas cultivares mais recentemente obtidas. Esse trabalho teve como objetivo verificar se o IC é maior nas cultivares mais modernas, se sua estimativa varia com o ciclo da planta, o pool gênico de origem da cultivar e com as condições ambientais. Adicionalmente obter informações a respeito do controle genético do IC, por meio de cruzamento dialélicos, de linhagens com ampla variação na origem e outras características. Para isso foi realizado um dialelo completo sem considerar os recíprocos, utilizando seis linhagens. Os 21 tratamentos foram avaliados em três safras/gerações - F2, F3 e F4 – durante o ano de 2015. O delineamento experimental utilizado foi o blocos casualizados com quatro repetições. A parcela era constituída de 3 linhas com 4 m. Na linha central foi colocado um receptáculo de tela de 1 m de comprimento, visando coletar as folhas, vagens e outras partes da planta que caiam antes da colheita. A coleta do material vegetal que caia, era feita a cada três dias, após o florescimento, no fundo do receptáculo. Os caracteres avaliados foram: matéria seca total das plantas, número de dias para o florescimento, a produtividade de grãos por planta (PG) e o IC. Os dados de IC e PG foram submetidos a análise de variância conjunta. Utilizando as médias procedeu-se a análise dialélica por geração e conjunta utilizando a metodologia de Griffing, (1956). O IC foi maior nas cultivares modernas e também na safra cuja semeadura foi realizada em fevereiro. Para a PG a capacidade geral de combinação (CGC) explicou a maior parte da variação, indicando a predominância de efeitos aditivos. Já para o IC a heterose foi negativa permitindo inferir que ocorre dominância no sentido de reduzir a expressão do caráter. Os genitores diferiram na CGC para IC e PG. As cultivares mais modernas estiveram entre as de maior CGC para ambos os caracteres.
Abstract: The harvest index (IC), the proportion of grain dry matter and total plant dry matter weight, is a measure of biological efficiency. This index is influenced by numerous factors, but it is expected to be higher in the cultivars more recent obtained. This study aimed to verify if IC is higher in modern cultivars, if its estimate varies with the plant cycle, the origin gene pool of the cultivar and environmental conditions. Additionally, get information about the IC genetic control, through diallel crossing, from lines with wide variations in origin and other characteristics. For this, was performed a complete diallel without considering the reciprocal, using six lines. The 21 treatments were evaluated in three harvests/generations - F2, F3 and F4 - during 2015. The experimental design was a randomized block with four replications. The plot consisted of 3 lines with 4 m. In the central line was placed a screen receptacle 1 m long aimed to collect leaves, pods and other plant parts falling before harvest. The collection of the falling plant material was made every three days, after flowering, on the receptacle bottom. The characters evaluated were: plant total dry matter, number of days to flowering, grain yield per plant (PG) and IC. The IC data and PG were subjected to analysis of variance. Using the means, proceeded the diallel analysis per generation and combined using the methodology Griffing, (1956). The IC was greater in modern cultivars and also in crop whose seeds were sown in February. For PG general combining capacity (GCG) explained most of the variation, indicating the predominance of additive effects. As for IC the heterosis was negative leading to infer that occur dominance to reduce the character expression. The parents differed in CGC for IC and PG. The most modern cultivars were among the highest CGC for both characters.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11130
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções:DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Controle genético do índice de colheita no feijoeiro.pdf880,36 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.