Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCS - Departamento de Ciência do Solo >
DCS - Programa de Pós-graduação >
DCS - Ciência do Solo - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11222

Título: Eficiência agronômica da ureia estabilizada com inibidores de urease e nitrificação na cultura do milho
Título Alternativo: Agronomic efficiency of stabilized urea application in corn production
Autor(es): Silva, André Leite
Lattes: http://lattes.cnpq.br/1382348288250075
Orientador: Silva, Douglas Ramos Guelfi
Coorientador: Faquin, Valdemar
Membro da banca: Figueiredo, Cícero Célio de
Membro da banca: Silva, Douglas Ramos Guelfi
Membro da banca: Carneiro, Marco Aurelio Carbone
Assunto: Fertilizantes nitrogenados
Fertilizantes – Tecnologia
Uréia como fertilizante
Amônia - Volatilização
Nitrogen fertilizers
Fertilizers – Technology
Urea as fertilizer
Ammonia - Volatilization
Data de Defesa: 18-Abr-2016
Data de publicação: 3-Jun-2016
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: SILVA, A. L. Eficiência agronômica da ureia estabilizada com inibidores de urease e nitrificação na cultura do milho. 2016. 71 p. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
Resumo: O nitrogênio (N) é o nutriente de maior demanda por plantas milho e para suprir essa exigência nas lavouras de alta produtividade são utilizados fertilizantes minerais, em especial a ureia. O inconveniente da ureia é a perda de N-NH3 para a atmosfera. Para reverter essa situação algumas tecnologias têm sido desenvolvidas, como os inibidores da urease e de nitrificação, que são utilizados como aditivos na ureia. Objetivou-se com trabalho avaliar a eficiência agronômica da ureia estabilizada com inibidores de urease e nitrificação aplicados em cobertura na safra de milho 2013/2014. Foram avaliados 11 fertilizantes nitrogenados aplicados em cobertura: ureia + PA (41,6% N; 3% Cu); ureia + PA (41,6% N; 1,5% Cu); ureia + PA (41,6% N; 3% Zn); ureia + PA (41,6% N; 1,5% Zn); ureia + PA (41,6% N; 0,34% Cu; 0,94% B); ureia + PA (41,6% N; 0,25% Cu; 0,68% B); ureia + PA (41,6% N); ureia (44,3% N; 0,15% Cu; 0,4% B); ureia (43% N; 0,1% Cu; 0,3% B; 0,05% Mo); ureia perolada (46% N); ureia + 0,8% DMPP (45% N) e o tratamento controle, que não recebeu adubação nitrogenada em cobertura. As avaliações realizadas foram: perdas de N por volatilização de amônia, teor e acúmulo de N, boro (B), cobre (Cu) e zinco (Zn) no florescimento, na massa seca da parte aérea e nos grãos e produtividade (palhada e grãos). Os fertilizantes estabilizados com inibidores da urease e de nitrificação não reduziram as perdas de amônia por volatilização em comparação à ureia perolada. A ureia com 0,8% do inibidor de nitrificação DMPP (3,4-dimetilpirazolfosfato) promoveu maior perda de N por volatilização, menor produtividade e eficiência agronômica em comparação à ureia perolada. O revestimento da ureia com Cu, B e Zn não aumentou o acúmulo desses nutrientes nos grãos e na MSPA das plantas. O uso dos fertilizantes estabilizados e revestidos com micronutrientes não promoveu aumento na produtividade e eficiência agronômica em comparação à ureia convencional.
Abstract: Nitrogen (N) is the most required nutrient for corn plants and, in order to supply this demand in highly productive crops, mineral fertilizers are used, especially urea. The disadvantage of urea is the loss of N-NH3 to atmosphere. To reverse this situation, some technologies have been developed, such as nitrification and urease inhibitors, which are used as additives to urea. This work aimed at evaluating the agronomic efficiency of urea stabilized with urease and nitrification inhibitors applied to cover the 2013/2014 corn crop. We evaluated 11 nitrogen fertilizer applied in coverage: urea + PA (41.6% N, 3% Cu); urea + PA (41.6% N, 1.5% Cu); urea + PA (41.6% N, 3% Zn); urea + PA (41.6% N, 1.5% Zn); urea + PA (41.6% N, 0.34% Cu, 0.94% B); urea + PA (41.6% N, 0.25% Cu, 0.68% B); urea + PA (41.6% N); urea (44.3% N, 0.15% Cu, 0.4% B); urea (43% N, 0.1% Cu, 0.3% B, 0.05% Mo); pearled urea (46% N); urea + 0,8% DMPP (45% N) and the control, which did not receive nitrogen topdressing. The evaluations were: Nitrogen losses through volatilization, content and accumulation of N, boron (B), copper (Cu) and zinc (Zn) to the dry matter of aerial parts, grains, and in straw and grain productivity. Fertilizers stabilized with urease and nitrification inhibitors did not reduce the volatilization of ammonia volatilization, when compared to pearled urea. Urea with 0.8% of DMPP nitrification inhibitor (3,4-dimethylpyrazole phosphate) provided higher loss by volatilization, lower productivity and agronomic efficiency compared to pearled urea. The coating of urea with Cu, B and Zn did not increase the accumulation of these nutrients in grains and MSPA plants. The use of fertilizers stabilized and coated with micronutrients did not increase the productivity and agronomic efficiency compared to conventional urea.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11222
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DCS - Ciência do Solo - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Eficiência agronômica da ureia estabilizada com inibidores de urease e nitrificação na cultura do milho.pdf1,09 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback