Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAG - Departamento de Agricultura >
DAG - Programa de Pós-graduação >
DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11266

Título: Metodologias para a avaliação do potencial fisiológico de sementes de tabaco
Título Alternativo: Methodologies for assessment of the physiological potential of tobacco seeds
Autor(es): Crivellari, Renata Pereira Luz
Lattes: http://lattes.cnpq.br/0843655220212183
Orientador: Carvalho, Maria Laene Moreira de
Membro da banca: Bruzi, Adriano Teodoro
Membro da banca: Dias, Denise Cunha Fernandes dos Santos
Membro da banca: Oliveira, João Almir
Membro da banca: Queiroz, Leidiane Aparecida Ferreira
Assunto: Testes de vigor
Nicotiana tabacum L.
Qualidade fisiológica
Vigor tests
Physiological quality
Data de Defesa: 19-Abr-2016
Data de publicação: 15-Jun-2016
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: CRIVELLARI, R. P. L. Metodologias para a avaliação do potencial fisiológico de sementes de tabaco. 2016. 103 p. Tese (Doutorado em Agronomia/Fitotecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
Resumo: Apesar do tabaco ser uma cultura que se propaga por sementes, ainda não há muitas informações sobre testes que permitam a distinção de lotes de germinação semelhante em diferentes níveis de vigor. A diversidade de cultivares disponíveis no mercado e algumas peculiaridades da espécie como a maturação desuniforme de flores, frutos e sementes, tamanho diminuto e dormência das sementes, são considerados obstáculos na obtenção de lotes de tabaco de alto potencial fisiológico. Assim, a pesquisa foi desenvolvida com o objetivo de adaptar testes de viabilidade e vigor para a avaliação do potencial fisiológico de lotes de sementes de tabaco. Foram utilizados nove lotes de sementes de tabaco da cultivar CSC 447 e nove lotes de sementes da cultivar BAT 2101 pertencentes aos grupos varietais Virginia e Burley, respectivamente. Inicialmente, foi realizado o teste de germinação para a caracterização do perfil dos lotes e, para a determinação da viabilidade e vigor das sementes, foram realizados os testes de germinação em diferentes temperaturas, emergência em condições controladas, condutividade elétrica, envelhecimento artificial e tetrazólio. Para a determinação de marcador isoenzimático relacionado à qualidade das sementes, foram realizadas análises das enzimas catalase, esterase, malato desidrogenase e álcool desidrogenase. Conclui-se que os testes de emergência à 25°C e envelhecimento artificial à 41°c por 72 horas são eficientes na discriminação de lotes de sementes de tabaco em diferentes níveis de vigor. Os testes de condutividade elétrica e germinação em diferentes temperaturas têm respostas variáveis em relação ao genótipo das sementes de tabaco. O teste de tetrazólio, utilizando-se a metodologia de pré-condicionamento em solução de hipoclorito de sódio 3,5% e posterior imersão em solução de tetrazólio 1,0% por 18 horas é eficiente na avaliação rápida da viabilidade de sementes de tabaco. A análise do perfil das enzimas catalase, esterase, malato desidrogense e álcool desidrogenase é eficiente como marcadores da qualidade de sementes de tabaco.
Abstract: Despite tobacco being a culture propagated by seeds, there is little information concerning tests that allow the distinction of similar germination lots in different levels of vigor. The diversity of cultivars available in the market, and a few peculiarities of the species, such as uneven maturation of the flowers, fruits and seeds, small size and seed dormancy, are considered obstacles for obtaining lots of tobacco of high physiological potential. Thus, this research was developed with the objective of adapting feasibility and vigor tests for evaluating the physiological potential of tobacco seed lots. We used nine lots of tobacco seeds of cultivar CSC 447 and nine lots of seeds of cultivar BAT 2101, belonging to variety groups Virginia and Burley, respectively. Initially, germination test was conducted to characterize the profile of the lots. For determining the feasibility and vigor of the tobacco seeds, germination tests were conducted in distinct temperatures, controlled emergence conditions, electric conductivity, artificial aging and in tetrazolium. For determining the isoenzymatic marker for seed quality, analyses were conducted with enzymes catalase, esterase, malate dehydrogenase and alcohol dehydrogenase. In conclusion, the emergence tests at 25oC and artificial aging at 41oC for 72 hours, are efficient in discriminating the lots of tobacco seeds in different levels of vigor. The electric conductivity and germination tests in different temperatures have distinct responses in relation to the genotype of the tobacco seeds. The tetrazolium test using the methodology with pre-conditioning in 3.5% sodium hypochlorite solution and subsequent emersion in 1.0% tetrazolium solution for 18 hours is efficient for the quick evaluation of the feasibility of tobacco seeds. The analysis of the profiles of enzymes catalase, esterase, malate dehydrogenase and alcohol dehydrogenase is efficient as markers for tobacco seed quality.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11266
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Metodologias para a avaliação do potencial fisiológico de sementes de tabaco.pdf1,1 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback