Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11397

Título: Respostas fisiológicas em cana-de-açúcar submetida à aplicação de piraclostrobina
Título Alternativo: Physiological responses in sugarcane submitted pyraclostrobin application
Autor(es): Lopes, Amanda Moreira
Lattes: http://lattes.cnpq.br/0162916213005611
Orientador: Chalfun Júnior, Antonio
Coorientador: Costa Netto, Antônio Paulino da
Membro da banca: Dourado Neto, Durval
Membro da banca: Rodrigues, Joao Domingos
Membro da banca: Cirillo, Marcelo Angelo
Membro da banca: Bruzi, Adriano Teodoro
Assunto: Fungicidas
Estrobilurinas
Cana-de-açúcar
Fungicides
Strobilurins
Sugarcane
Saccharum spp.
Data de Defesa: 23-Fev-2016
Data de publicação: 5-Jul-2016
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: LOPES, A. M. Respostas fisiológicas em cana-de-açúcar submetida à aplicação de piraclostrobina. 2016. 68 p. Tese (Doutorado em Agronomia/Fisiologia Vegetal)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
Resumo: Com o aumento de pesquisas por fontes renováveis de energia, as plantas C4 têm ganhado destaque por serem fontes primárias, dentre elas temos a cana-deaçúcar (Saccharum spp.). Esta espécie é de grande importância econômica em decorrência de sua ampla aplicação no setor industrial, mas, principalmente, na produção de etanol. Com o interesse crescente pelo etanol, o investimento em tecnologia de nova geração, para incrementar a produção, tem sido de grande relevância. Portanto, o desenvolvimento de novas tecnologias com o objetivo de aumentar a produtividade é de crucial importância, uma vez que a energia é barata, limpa e renovável. Muitos estudos têm avaliado os possíveis efeitos benéficos de diferentes fungicidas, dentre eles o fungicida piraclostrobina do grupo das estrobilurinas. Estudos relatam que, após a aplicação de estrobilurina, as plantas apresentaram alterações fisiológicas, como folhas mais verdes, com mais clorofila, maior desenvolvimento, aumento da fotossíntese líquida, em virtude da redução da respiração; incremento da assimilação do nitrogênio, por meio do aumento da atividade da enzima redutase do nitrato, provocando melhor balanço hormonal, aumentando os níveis de ácido indolacético (AIA) e o ácido abscísico (ABA) e diminuindo a produção de etileno. Portanto objetivou-se avaliar as respostas fisiológicas em três cultivares de cana-de-açúcar submetidas à aplicação do fungicida à base de piraclostrobina. O experimento foi dividido em dois tratamentos sendo um o controle, sem a aplicação do fungicida, e o outro aplicado, com a aplicação do fungicida piraclostrobina na dose de 1,0 L ha -1 . As análises de trocas gasosas, biométricas, quantificação de pigmentos fotossintéticos, atividade das enzimas antioxidantes e analises de produtividade foram realizadas nos seguintes tempos: 0,1, 2, 4, 5, 15, 25, 35 e 65 dias após a aplicação do fungicida. As plantas tratadas com fungicida tiveram aumento na taxa fotossintética, a atividade das enzimas antioxidantes foi incrementada com a aplicação do fungicida piraclostrobina e apresentaram um maior teor de massa verde e TCH. Com base nos resultados obtidos, pode-se concluir que a aplicação de piraclostrobina promove um incremento da taxa fotossintética das três cultivares de cana-de-açúcar, ocasionando, assim, o maior acúmulo de biomassa. As plantas tratadas com o fungicida apresentaram maior crescimento que as plantas sem aplicação.
Abstract: With the increased search for renewable energy sources, C4 plants have gained prominence as primary sources, among which is the sugarcane (Saccharum spp.). This species is of great economic importance given its wide application in the industrial sector, and especially in the production of ethanol. Considering the increasing interest for ethanol, the investment in new generation technology to increment production have been of great relevance. Therefore, the development of new technologies with the objective of increasing productivity is of paramount importance, given that the energy is cheap, clean and renewable. Many studies have evaluated the possible advantages of different fungicides, among which is the pyraclostrombin, from the strobilurin group. Studies report that, after the application of strobilurin, plants presented physiological changes, such as greener leaves, with more chlorophyll, greater development, increase in liquid photosynthesis, due to the reduction in respiration,; increase of nitrogen assimilation by means of an increase in the activity of enzyme nitrate reductase, causing better hormonal balance, increasing the levels of indolacetic acid (IAA) and abscisic acid (ABA), also decreasing the production of ethanol. We aimed at evaluating the physiological responses of three sugarcane cultivars submitted to the application of the pyraclostrombin-based fungicide. The experiment was divided into two treatments. One was the control, without the application of the fungicide, and the other, applied, with the application of pyraclostrombin fungicide in the dose of 1.0 L ha -1 . Gas exchange, biometric, quantification of photosynthetic pigments, antioxidant enzyme activities and productivity analyses were performed at the following times: 0, 1, 2, 4, 5, 15, 25, 35 and 65 days after application of the fungicide. The plants treated with fungicide presented increase in photosynthetic rate, the activity of the antioxidant enzymes increased, and presented a higher content of green mass and TCH. Based on the results obtained, we conclude that the application of pyraclostrombin promotes an increment of the photosynthetic rate of all three sugarcane cultivars, causing higher biomass accumulation. The plants treated with the fungicide presented greater growth than the plants without the application.
Informações adicionais: Arquivo retido a pedido da autora até julho de 2017.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11397
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback