Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11585
metadata.artigo.dc.title: Análise energética em sistema de produção de suínos com aproveitamento dos dejetos como biofertilizante em pastagem
metadata.artigo.dc.title.alternative: Energy analysis in a swine production system with use of manure as biofertilizer in pasture
metadata.artigo.dc.creator: Souza, Cássio V.
Campos, Alessandro T.
Buen, Osmar C.
Silva, Enilson B.
metadata.artigo.dc.subject: Suinocultura
Instalações
Tratamento de dejetos
Lagoas de estabilização
Brachiaria decumbens
Energia
Swine
Buildings
Manure treatment
Stabilization ponds
Energy
metadata.artigo.dc.publisher: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola
metadata.artigo.dc.date.issued: 2009
metadata.artigo.dc.identifier.citation: SOUZA, C. V. et al. Análise energética em sistema de produção de suínos com aproveitamento dos dejetos como biofertilizante em pastagem. Engenharia Agrícola, Jaboticabal, v. 29, n. 4, p. 547-557, out./dez. 2009.
metadata.artigo.dc.description.resumo: O objetivo deste trabalho foi estimar a quantidade de energia para a produção de suínos, em ciclo completo, e o balanço energético do sistema com reaproveitamento dos resíduos gerados como biofertilizante, em área de pastagem, utilizando dados médios de cinco ciclos, em granja comercial no município de Diamantina - MG. Quantificou-se o coeficiente energético de cada componente envolvido no processo produtivo de suínos terminados, tratamento dos resíduos e produção de pastagem de Brachiaria decumbens, nas formas de ração, trabalho humano, energia elétrica, máquinas e equipamentos, combustíveis e lubrificantes, instalações, produção de suínos vivos e produção de Brachiaria decumbens. A quantidade média de energia para produzir 1 kg de suíno vivo foi de 53,35 MJ. De toda energia empregada no sistema, 76,03% (1.067.106,07 MJ) referem-se às entradas e 23,97% (331.400 MJ) às saídas, resultando em coeficiente de eficiência energética de 0,31. A energia transformada em suínos para abate correspondeu a 55,58% (184.200 MJ) das saídas, ao passo que a pastagem de Brachiaria decumbens assumiu o valor de 44,42% (147.200 MJ).
metadata.artigo.dc.description.abstract: This work objective was to esteem the amount of energy employed in a complete cycle swine production and the energy balance of the system with utilization of the generated manure as biofertilizer in pasture area, by using five cycles’ average data, in a commercial farm in Diamantina municipal district - MG Brazil. The energy coefficient of each involved component was quantified in the productive process of finished swine, residues treatment and Brachiaria decumbens pasture production, in the form of ration, human labor, electric power, machines and equipments, fuel and lubricants, buildings, finished swine production and Brachiaria decumbens production. The average quantity of energy to produce 1 kg of alive swine was of 53.35 MJ. Of total employed energy in the system 76.03% (1,067,106.07 MJ) refers to the inputs and 23.97% (331,400 MJ) refers to the outputs, resulting in an energy efficiency coefficient of 0.31. The energy converted in swine for abate corresponded to 55.58% (184,200 MJ) of the outputs, while the pasture of Brachiaria decumbens reached a value of 44.42% (147,200 MJ).
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11585
metadata.artigo.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DEG - Artigos publicados em periódicos



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons