Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11665
Título : Determinação da época de liberação de Lysiphlebus testaceipes (Cresson,1880) (Hymenoptera: Aphidiidae) após aplicação de diferentes fungos entomopatogênicos para controle integrado de Schizaphis graminum (Rond., 1852) (Hemiptera: Aphididae)
Título(s) alternativo(s): Determination of release time of Lysiphlebus testaceipes (Cresson, 1880) (Hymenoptera: Aphidiidae) after application of various entomopathogenic fungi for integrated control of the Schizaphis graminum (Rond., 1852) (Hemiptera: Aphididae)
Autor: Cavalcanti, Ricardo Sousa
Moino Junior, Alcides
Loureiro, Elisângela de Souza
Mendonça, Lúcia Aparecida
Arnosti, André
Palavras-chave: Agentes no controle biológico de pragas
Parasitóide
Fungos entomopatogênicos
Biological pest control agents
Parasitoids
Entomopathogenic fungi
Schizaphis graminum
Lysiphlebus testaceipes
Beauveria bassiana
Metarhizium anisopliae
Paecilomyces fumosoroseus
Lecanicillium lecanii
Publicador: Instituto Biológico, São Paulo
Data da publicação: 2-Mar-2009
Referência: CAVALCANTI, R. S. et al. Determinação da época de liberação de Lysiphlebus testaceipes (Cresson,1880) (Hymenoptera: Aphidiidae) após aplicação de diferentes fungos entomopatogênicos para controle integrado de Schizaphis graminum (Rond., 1852) (Hemiptera: Aphididae). Arquivos do Instituto Biológico, São Paulo, v. 76, n. 2, p.251-257, abr./jun. 2009.
Resumo : As interações entre patógenos e parasitóides devem ser avaliadas para um possível controle das pragas, sendo observada a interrupção ou não do desenvolvimento larval quando um hospedeiro parasitado é infectado ou quando um hospedeiro infectado é oferecido ao parasitóide. O objetivo deste trabalho foi avaliar o melhor tempo de liberação do parasitóide Lysiphlebus testaceipes e a melhor concentração dos fungos Beauveria bassiana, Metarhizium anisopliae, Paecilomyces fumosoroseus e Lecanicillium lecanii no controle do pulgão Schizaphis graminum. Os parasitóides foram liberados às 0, 24, 48 e 72 horas após aplicação de duas concentrações (104 e 108 conídios/mL) dos fungos B. bassiana, M. anisopliae, P. fumosoroseus e L. lecanii. Na testemunha foi pulverizada água destilada esterilizada. O fungo entomopatogênico L. lecanii é altamente prejudicial ao desenvolvimento do parasitóide na maior concentração. Para a utilização conjunta dos fungos B. bassiana, M. anisopliae e P. fumosoroseus com L. testaceipes no controle de S. graminum, a melhor época de liberação do parasitóide é logo após a sua aplicação (0h).
Abstract: The interactions between pathogens and parasitoids must be evaluated for possible pest control, taking into consideration the occurrence or not of the interruption of the larval development when a parasitized host is infected or when an infected host is offered the parasitoid; and, in addition, evaluating whether these relationships are harmful to the parasitoid or the host. The aim of this study was to evaluate the best release time of the parasitoid Lysiphlebus testaceipes and the best concentration of the fungi Beauveria bassiana, Metarhizium anisopliae, Paecilomyces fumosoroseus and Lecanicillium lecanii in the control of the aphid S. graminum. The parasitoid was released at 0, 24, 48 and 72 hours after the application of two concentrations (104 and 108 conidia/mL) of B. bassiana, M. anisopliae, P. fumosoroseus, and L. lecanii. As a control treatment, sterilized distilled water was sprayed. The entomopathogenic fungus most harmful to the development of the parasitoid was L. lecanii at the higher concentration. For the use of the fungus B. bassiana, M. anisopliae and P. fumosoroseus combined with L. testaceipes to control S. graminum, the best time of parasitoid release was immediately after the application of the fungus (0h).
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11665
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DEN - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_Determinação da época de liberação de Lysiphlebus testaceipes....pdf465,84 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons