Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11730
Título: Relações interorganizacionais no agronegócio do leite em Minas Gerais: análise de uma netchain
Título(s) alternativo(s): Interorganizational relations in the milk agribusiness in Minas Gerais: a netchain analysis
Autor : Sousa, Jorgiane Suelen de
Lattes: http://lattes.cnpq.br/5610022393573493
Primeiro orientador: Antonialli, Luiz Marcelo
Primeiro membro da banca: Castro, Cleber Carvalho de
Segundo membro da banca: Santos, Antônio Carlos dos
Terceiro membro da banca: Tana, Warlei
Quarto membro da banca: Muylder, Cristiana Fernandes de
Palavras-chave: Relações interorganizacionais
Netchain
Cadeia produtiva
Indústria de laticínios
Inter-organizational relationships
Production chain
Dairy products industry
Data da publicação: 6-Set-2016
Agência(s) de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Referência: SOUSA, J. S. de. Relações interorganizacionais no agronegócio do leite em Minas Gerais: análise de uma netchain. 2016. 544 p. Tese (Doutorado em Administração)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
Resumo: A presente pesquisa teve como objetivo compreender as relações interorganizacionais entre os agentes envolvidos em uma netchain do leite em Minas Gerais. Para isso focou-se em caracterizar a netchain, identificando os agentes e elos envolvidos; em descrever e avaliar as relações interorganizacionais entre os agentes que compõem a netchain; em identificar os benefícios potenciais e pontos críticos derivados da interação das empresas envolvidas na netchain; e em propor um modelo teórico-analítico das relações interorganizacionais entre os agentes envolvidos na netchain que possam melhorar sua eficiência. No desenvolvimento da pesquisa buscou-se avaliar as relações ocorridas entre diversos atores sociais envolvidos na referida netchain: produtores rurais, cooperativas singulares, cooperativa central, fornecedores de embalagens e insumos para produção de leite UHT e seus principais compradores. O estudo apoiou-se em avaliar uma netchain do leite em Minas Gerais, utilizando-se técnicas qualitativas de levantamento de dados, a partir de análise documental, análise de dados secundários, pesquisa bibliográfica e entrevistas semiestruturadas com 44 representantes dos elos da netchain estudada, as quais foram todas gravadas e transcritas, utilizando-se um questionário semiestruturado elaborado para cada elo da netchain, buscando-se levantar e analisar: as características dos entrevistados, a frequência e a especificidade das relações, o poder e a dependência, os tipos de contratos, os riscos e incertezas e os benefícios competitivos a partir das relações existentes. Para análise dos dados, idealizou-se um modelo teórico-analítico que contempla as relações interorganizacionais, a economia dos custos de transação e as estratégias competitivas e colaborativas. A partir dos resultados da pesquisa foi possível constatar que a relação da cooperativa Central com as cooperativas singulares é de competição e oportunismo, em que não se busca o crescimento conjunto e os agentes envolvidos não procuram desenvolver marcas e produtos unificados, sendo uma relação de puro interesse comercial. A relação das cooperativas singulares com os cooperados está enfraquecida , e estas não estão realizando ações efetivas para manter e/ou ampliar seus associados (produtores rurais). Percebeu-se um enfraquecimento do cooperativismo e uma perda de cooperados para empresas multinacionais que atuam na região. A relação entre a cooperativa Central com seus fornecedores poderia ser mais bem aproveitada, caso a Central diminuísse sua preocupação com ganhos financeiros e valorizasse mais a parceria existente entre os mesmos. A relação com o Comprador C é mais estreita devido à produção de sua marca própria pela cooperativa Central, porém esta relação é regida por um contrato que, se não cumprido, rompe a relação imediatamente. A relação com o Comprador E (cooperativa singular D) é considerada crítica, por este ser um dos maiores compradores e, ao mesmo tempo, o maior acionista da cooperativa Central. Tal relação deveria ter maiores benefícios, contudo o que se percebe é uma relação de oportunismo, pois a Central sabe que este comprador depende da venda de seus produtos para ampliar seu faturamento. Como principal conclusão da pesquisa constatou-se críticas às relações interorganizacionais existentes entre a cooperativa Central, as cooperativas singulares e seus cooperados, e estas devem adotar estratégias de colaboração e cooperação para fortalecer e alcançar resultados conjuntos.
Abstract: The present research aimed to understand the inter-organizational relations among the agents involved in a milk netchain in Minas Gerais. For this focused on characterizing the netchain, identifying the agents and links involved; describing and assessing the inter-organizational relations among agents who assemble the netchain; identifying the potential benefits and critical points arise from the interaction of the companies involved in the netchain; and on proposing a theoretical analytical model of inter-organizational relations among those agents involved in this netchain which could improve its efficiency. In the development of the survey the aim was to evaluate the relationships between the various social actors involved in the netchain: farmers, cooperatives, central cooperative, suppliers of packaging and inputs for the production of UHT milk and its main buyers. The study relied on appraising a netchain of milk in Minas Gerais, using qualitative data collection techniques, from document analysis, secondary data analysis, bibliographical research and semi-structured interviews with 44 representatives of the links in the studied netchain, which were all recorded and transcribed using a Semistructured questionnaire drawn up for each link in the netchain, seeking to set up and analyze: the respondents' characteristics, the frequency and the specificity of the relationships, the power and dependency, the types of contracts, the risks and uncertainties and the competitive benefits from the existing relations. For data analysis, a theoretical analytical model was devised, which contemplates the inter -organizational relations, the economy of the transaction costs and the competitive and collaborative strategies. From the search results it was found that the rela tionship between the Central Cooperative with the natural cooperatives is a competition and opportunism one, in which the team growth is not aimed and the officers involved neither seek to develop unified brands nor products, being a purely commercial relationship. The relationship between the natural cooperatives with the cooperative members is weak, and these are not performing effective actions to maintain and/or expand their members (farmers). A weakening of the cooperatives and cooperative members to the multinational companies that operate in the region was perceived. The relationship between the Central cooperative with its suppliers could be better exploited, if Central decreases its concern about the financial gain and value more the existing partnership between them. The relationship with the Purchaser C is narrower due to the production of his own brand by the Central cooperative, however this relationship is governed by a contract that, if unfulfilled, breaks the relationship immediabut this relationship is governed by a contract that, if unfulfilled, immediately breaks the relationship. The relationship with the buyer E (singular cooperative D) is considered critical, because this is one of the largest buyers and, at the same time, the greatest shareholder of the Central cooperative. Such link should have greater benefits, but what is seen is a relationship of opportunism, because the Central knows how this buyer depends on the sale of their products in order to increase his earnings. As the main conclusion from this survey it was observed that the inter-organizational relations existing between the Central cooperative, the natural cooperatives and its members are critical and collaboration and cooperation strategies should be adopted so as to strengthen and achieve joint results.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11730
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções:DAE - Administração - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE_Relações interorganizacionais no agronegócio do leite em Minas Gerais.pdf3,42 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.