Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DEN - Departamento de Entomologia >
DEN - Programa de Pós-graduação >
DEN - Entomologia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11948

Título: Influência de três cultivares de milho, Zea mays Linnaeus e do numero de ovos de Helicoverpa zea (Boddie, 1850) (Lepidoptera: Noctuidae) no parasitismo destes por Trichogramma atopovirilia Oatman & Platner, 1983 e Trichogramma pretiosum Riley, 1879 (Hymenoptera: Trichogrammatidae)
Autor(es): Paron, Maria José Fachini de Oliveira
Orientador: Ciociola, Américo Iório
Membro da banca: Cruz, Ivan
Membro da banca: Carvalho, César Freire
Assunto: Milho
Corn
Lagarta da espiga
Milho - Doenças e pragas
Controle biológico
Biological control
Parasitóide
Parasitoids
Trichogramma atopovirilia
Resposta funcional
Functional response
Data de Defesa: 1-Set-1995
Data de publicação: 2016
Referência: PARON, M. J. F. de O. Influência de três cultivares de milho, Zea mays Linnaeus e do numero de ovos de Helicoverpa zea (Boddie, 1850) (Lepidoptera: Noctuidae) no parasitismo destes por Trichogramma atopovirilia Oatman & Platner, 1983 e Trichogramma pretiosum Riley, 1879 (Hymenoptera: Trichogrammatidae). 1995. 64 p. Dissertação (Mestrado em Entomologia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 1995.
Resumo: Trabalhos de laboratório, destinados a avaliar as respostas de Trichogramma pretiosum e T. atopovirilia frente ao aumento da densidade dos parasitóides e da densidade dos ovos hospedeiros. As densidades de 1, 3, 5 e 10 fêmeas de T. atopovirilia e T pretiosum por tubo de ensaio foram combinadas com as densidades de 30,60, 90,120 e 150 ovos de H zeaTodos os parâmetros foram afetados com o aumento da densidade de ovos do hospedeiro, assim como com o aumento da densidade do parasitóide em ambas espécies de Trichogramma estudadas. Para ambas espécies de Trichogramma, em baixas densidades de ovos, houve interferência mútua, resultando num menor número de ovos parasitados por fêmea em tratamentos com mais de uma fêmea por tubo. No parâmetro número de ovos parasitados por fêmea, a densidade acima da qual não houve mais a interferência mútua foi, para T atopovirilia, 120 ovos (no mínimo 12 ovos disponíveis por fêmea) e para T pretiosum 90 ovos (no mínimo 9 ovos disponíveis por fêmea). No parâmetro número total de ovos parasitados, acima de 5 parasitóides por tubo, foram observadas respostas quadráticas com o aumento da densidade de ovos. A porcentagem de parasitismo foi inversamente proporcional ao aumento da densidade de ovos do hospedeiro para ambas espécies. No trabalho de campo foi estudada a influência de diferentes cultivares de milho sobre o parasitismo de ovos de H zea por Trichogramma spp., baseando-se em infestações naturais da praga e do parasitóide presentes nos campos experimentais do Centro Nacional de Pesquisa de Milho e Sorgo da EMBRAPA, em Sete Lagoas (MG),. Foram empregados as cultivares: BR 205, BR 451 e BR 400. Na primeira modalidade de plantio, com as cultivares florescendo em intervalos de tempo diferentes, não houve diferença significativa na infestação e no parasitismo de ovos de H. zea por Trichogramma spp.Na segundamodalidade de plantio, com as cultivares florescendo sincronizadamente, houve maior parasitismo na cultivar BR 451 (62,4%), que diferiu significativamente da BR 400 (34,1%). A cultivar BR 205 (47%) obteve taxas de parsitismo intermediária às das outras cultivares. Conclui-se que características físicas, químicas e morfológicas podem estar afetando, combinadas ou isoladamente, a ação do parasitóide.
Abstract: Laboratory studies aiming to evaluate the response of Trichogramma pretiosum and T atopovirilia to the increase of both host and parasitoid densities to respectively 1, 3, 5 and 10 females, and 30, 60, 90, 120 and 150 eggs per vial demonstrated that in densities above 90 eggs for T pretiosum and 120 for T. atopovirilia there was no mutual interference. In lower densities to both species, there was fewer eggs parasitised by female. Percent parasitism was lower with the increment ofegg density for both species. Field studies with three corn cultivars (BR 451, BR 400 and BR 205) under two planting schedules demonstrated that when ali cultivars were planted in the same date there was unsincronyzed flowering and no significant differences were found in both pest density and egg parasitism. On the otherhand, when planting dates were established as to synchronize flowering and therefore optimize chances ofparasitism, highervalue was found for BR 451 (62.4%), which differed from BR 400 (34.1%) cultivar. The BR 205 (47.0%) was intermediate among the other two cultivars. Physical, chemical and morphological factors of the cultivars acting isolated or in combination may have had influence in the results obtainedbut they were not measured.
Informações adicionais: Esta dissertação/tese está disponível online com base na Resolução CEPE nº 090, de 24 de março de 2015, disponível em http://www.biblioteca.ufla.br/wordpress/wp-content/uploads/res090-2015.pdf, que dispõe sobre a disponibilização da coleção retrospectiva de teses e dissertações online no Repositório Institucional da UFLA, sem autorização prévia dos autores. Parágrafo Único. Caberá ao autor ou orientador a solicitação de restrição quanto à divulgação de teses e dissertações com pedidos de patente ou qualquer embargo similar. Art. 5º A obra depositada no RIUFLA que tenha direitos autorais externos à Universidade Federal de Lavras poderá ser removida mediante solicitação por escrito, exclusivamente do autor, encaminhada à Comissão Técnica da Biblioteca Universitária./ Arquivo gerado por meio da digitalização de material impresso. Alguns caracteres podem ter sido reconhecidos erroneamente.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/11948
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DEN - Entomologia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Influência de três cultivares de milho....pdf6,94 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback