Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12069
Título : Estudo retrospectivo da raiva no estado da Paraiba, Brasil, 2004 a 2011
Autor: Andrade, José Sóstenes Leite de
Azevedo, Sérgio Santos de
Peconick, Ana Paula
Pereira, Stela Márcia
Barçante, Joziana Muniz de
Vilar, Ana Letícia Tôrres
Silva, Maria Luana Cristiny Rodrigues
Palavras-chave: Hidrofobia
Epidemiologia
Controle
Rabies
Epidemiology
Control
Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Data da publicação: 2014
Referência: ANDRADE, J. S. L. de et al. Estudo retrospectivo da raiva no estado da Paraiba, Brasil, 2004 a 2011. Brazilian Journal Veterinary Research and Animal Science, [S.l.], v. 51, n. 3, 2014.
Resumo : O objetivo desse trabalho foi realizar um estudo retrospectivo da raiva em herbívoros no estado da Paraíba, Brasil, avaliando aspectos epidemiológicos da doença no período de 2004 a 2011. Foram utilizados os registros da notificação dos casos de raiva contidos no Sistema Continental de Vigilância Epidemiológica (SIVCONT). Durante o período avaliado, foram submetidas para diagnóstico amostras de 17.454 animais de todo o Brasil, das quais 43 (0,25%) foram procedentes do estado da Paraíba, e todas elas foram positivas para raiva. A frequência de focos de raiva por município variou de 2,3% a 11,6%. A distribuição dos casos variou conforme a espécie afetada, havendo predominância nos bovinos (93%), seguidos de equinos (4,7%) e um morcego (2,3%) (p < 0,001). Foi observada predominância de casos positivos nos quais a notificação foi efetuada por proprietários (53,5%), seguido de terceiros (39,5%) e vigilância (7%) (p = 0,001). Com relação aos meses de ocorrência dos focos em todos os anos do período avaliado, as frequências variaram de 4,7% no mês de agosto a 14% no mês de abril. Houve predominância de focos no ano de 2010 (41,9%), com diferença significativa entre os anos (p < 0,001). Em conclusão, sugere-se a adoção de medidas estratégicas de controle da raiva e vigilância continua das doenças nervosas no estado da Paraíba.
Abstract: The aim of this work was to perform a retrospective study of rabies in herbivores in the state of Paraíba, Brazil, in order to evaluate epidemiological aspects of the disease from 2004 to 2011. Data on notification of rabies cases included in the Continental Epidemiological Surveillance System (SIVCONT) were used. During the study period samples from 17,454 animals from Brazil were sent to rabies diagnosis, from which 43 (0.25%) samples from the state of Paraiba, and all of them were positive for rabies. The frequency of rabies outbreaks by county ranged from 2.3% to 11.6%. The distribution of cases ranged according to species affected, with predominance in cattle (93%), followed by horses (4.7%) and one bat (2.3%) (p < 0.001). It was observed a predominance of positive cases when the notification was made by owners (53.5%), followed by others (39.5%) and surveillance (7%) (p = 0.001). Related to occurrence of outbreaks by month in all years of the study period, the frequencies ranged from 4.7% in August to 14% in April. It was found predominance of outbreaks in 2010 (41.9%), with significant differences among years (p < 0.001). In conclusion, it is suggested the adoption of strategic measures for the control of rabies and continuous surveillance of nervous diseases in herbivores in the state of Paraíba
URI: http://www.revistas.usp.br/bjvras/article/view/74031
http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12069
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DMV - Artigos publicados em periódicos
DSA - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.