Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCF - Departamento de Ciências Florestais >
DCF - Artigos publicados em periódicos >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12154

Título: Phytosociology and diversity of arboreal species on squares in the central region of Gurupi, Tocantins state, Brazil
Título Alternativo: Fitossociologia e diversidade de espécies arbóreas das praças centrais do município de Gurupi-TO
Autor(es): Santos, André Ferreira dos
José, Anderson Cleiton
Sousa, Patrícia Aparecida de
Assunto: Trees
Urban forests
Green areas
Árvores
Arborização urbana
Áreas verdes
Publicador: Sociedade Brasileira de Arborização Urbana  
Data de publicação: 2013
Referência: SANTOS, A. F. dos; JOSÉ, A. C.; SOUSA, P. A. de. Phytosociology and diversity of arboreal species on squares in the central region of Gurupi, Tocantins state, Brazil. Revista da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana, Piracicaba, v. 8, n. 4, p. 33‐43, 2013.
Resumo: As praças quando apresentam diversidade fitogeográfica e são bem distribuídas no interior das cidades formam um sistema de áreas verdes, que pelos seus atributos tendem promover o conforto térmico, acústico e visual. Sabendo desta necessidade o presente trabalho, teve como objetivo avaliar a composição florística e a diversidade de espécies arbóreas presentes nas praças centrais do município de Gurupi, localizada na região sul do estado do Tocantins, com 11º43'45ʺ latitude sul e 49º04'07ʺ longitude oeste. O estudo foi realizado durante o ano de 2009, entre os meses de março e dezembro. Avaliaram-se as espécies arbóreas localizadas nas praças centrais do município. Encontrou-se 261 árvores de 33 espécies e 15 famílias nas três praças estudadas, sendo 12 espécies nativas do bioma cerrado, com 24 árvores e 12 espécies exóticas à região estudada, num total de 237 árvores. Os autores observaram que as espécies com maior número de indivíduos são exóticas à região (Caesalpinia peltophoroides e Licania tomentosa); que a dominância de poucas espécies contribuiu para redução dos índices de diversidade; e que o uso de maior número de espécies, de preferência nativas da região em substituição às espécies exóticas é uma alternativa para o aumento dos índices de diversidade.
Abstract: When squares show phytogeographical diversity and are well distributed within cities, they form a system of green areas, and their attributes promote thermal comfort, acoustic buffering and visual attractiveness. In this context, this study evaluated the floristic composition and diversity of tree species on central squares of the city of Gurupi, Tocantins State, Brazil (11º43'45" South latitude and 49°04'07" West longitude). The study was conducted between March and December in 2009. We identified 261 trees of 33 species and 15 families on the three squares studied, being 12 species native to cerrado (Brazilian savannah) with 24 trees, and 12 species exotic to the region studied, with 237 trees. We observed that species with larger numbers of individuals are exotic to the region (Caesalpinia peltophoroides and Licania tomentosa), the predominance of few species contributed to the reduction of diversity, and that the use of more species, preferably native the region, to replace the exotic species is an alternative to increase species diversity.
URI: http://www.revsbau.esalq.usp.br/artigos_cientificos/artigo71sn-publicacao_ingles.pdf
http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12154
Idioma: en_US
Aparece nas coleções: DCF - Artigos publicados em periódicos

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback