Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAE - Departamento de Administração e Economia >
DAE - Programa de Pós-graduação >
DAE - Administração - Doutorado (Teses) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12171

Title: Investimento Direto Estrangeiro e a Política Industrial: um estudo dos efeitos de transbordamentos em países da América Latina
???metadata.dc.creator???: Bruhn, Nádia Campos Pereira
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Calegario, Cristina Lelis Leal
???metadata.dc.contributor.referee1???: Amal, Mohamed
???metadata.dc.contributor.referee2???: Sáfadi, Thelma
???metadata.dc.contributor.referee3???: Borges, Michelle da Silva
???metadata.dc.contributor.referee4???: Carvalho, Francisval de Melo
???metadata.dc.contributor.referee5???: Carvalho, Heloísa Rosa
Keywords: Política industrial – América Latina
Inovação
Empresas multinacionais
Tecnologia – Eficiência industrial
Transbordamento
Industrial policy – Latin America
Innovation
International business enterprises
Technology – Industrial efficiency
Spillover
???metadata.dc.date.submitted???: 10-Nov-2016
Issue Date: 20-Jan-2017
???metadata.dc.description.sponsorship???: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (FAPEG)
Citation: BRUHN, N. C. P. Investimento Direto Estrangeiro e a Política Industrial: um estudo dos efeitos de transbordamentos em países da América Latina. 2016. 320 p. Tese (Doutorado em Administração)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
???metadata.dc.description.resumo???: Durante as últimas décadas, os países da América Latina estabeleceram diversas políticas industriais buscando promover a abertura de seus mercados nacionais protegidos ao comércio internacional e ao investimento direto estrangeiro (IDE). Desde então, as políticas de atração do IDE se tornaram uma prioridade da agenda de política nesses países, especialmente devido à compreensão de que ele configura como fonte potencial de criação de novos empregos e injeção de capital na economia. O primeiro objetivo desta pesquisa consistiu em analisar os efeitos de acontecimentos históricos que identificam diferentes configurações e intensidades de intervenção estatal por meio de política industrial sobre as condições estruturais internas e inserção internacional dos países da América Latina. Para tanto, foram ajustados modelos auto-regressivos integrados de médias móveis e de intervenção para o período 1966-2014. Os resultados indicaram que as intervenções analisadas não alteraram significativamente o comportamento das séries analisadas, exceto para as séries de Crescimento Econômico. Para as demais variáveis, as intervenções se mostraram bastante pontuais e nenhum padrão de comportamento foi verificado em função dos períodos de intervenção analisados. O segundo objetivo da pesquisa consistiu em identificar os efeitos de transbordamentos de produtividade do IDE e da intervenção estatal por meio de política industrial em países da América Latina. A produtividade total dos fatores é decomposta em mudança técnica e mudança tecnológica. As análises foram feitas por meio de Análise Envoltória de Dados e o ajuste do modelo econométrico foi feito por meio do Método dos Momentos Generalizados para um painel de dados de países da América Latina no período entre 1994 a 2014. Os resultados evidenciam que o IDE contribuiu para o efeito de emparelhamento e para o deslocamento da fronteira de eficiência. Contudo, os resultados confirmam a hipótese de que os benefícios do IDE dependem da capacidade de absorção das EPLs. O terceiro objetivo da pesquisa consistiu em identificar os efeitos da presença estrangeira e da intervenção estatal por meio de política industrial sobre a capacidade de inovação das unidades de federação brasileiras. As análises econométricas de dez unidades de federação brasileiras dispostas em painel de dados no período entre 2001 a 2011 foram desenvolvidas com base no Método dos Momentos Generalizados. As evidências revelam que as economias de aglomeração são fatores importantes na determinação da capacidade de inovação das unidades de federação brasileiras e que o simples fato de participar de redes de cooperação não garante melhorias na capacidade de inovação.
Abstract: During the last decades, Latin American countries have established various policies seeking to promote the opening of their domestic markets protected by international trade and foreign direct investment (FDI). Since then, FDI attraction policies have become a priority of the political agenda in these countries, especially due to the belief that it sets up as a potential source of creating new jobs and capital injection in the domestic economy, which is usually accompanied by new technologies and innovations. The first objective of this research was to analyze the effects of historical events that identify different configurations and intensities of state intervention through industrial policy on internal structural conditions and international insertion of Latin American countries. For this, integrated, auto-regressive and moving averages (ARIMA) and intervention models for the period 1966-2014 were adjusted. The results indicate that the interventions, in most cases, did not significantly alter the behavior of the analyzed series, except for economic growth series. In addition to these cases, the interventions were quite punctual, so that no pattern of behavior could be verified for the sample of surveyed countries in terms of temporary changes in behavior of the time series due to the three analyzed interventions periods. The second objective of this research was to identify the effects of productivity spillovers of FDI and state interventions through industrial policy in Latin American countries. The total factor productivity is decomposed into technical change and technological change. The analyzes were performed using a non-parametric Data Envelopment Analysis technique and the adjustment of the econometric model was done using the Generalized Method of Moments for a panel data from Latin American countries in the period 1994-2014. The results show that FDI has contributed to the catch-up effect and for the frontier shift. However, the results confirm the hypothesis that FDI benefits depend on the absorption capacity of the EPLs in the host economies. The third objective of this research was to identify the regional aspects that can promote the effects of innovation spillovers for the Brazilian federation units. The econometric analyzes of ten Brazilian federation units arranged in a panel of data in the period 2001-2011 were developed based on the Generalized Method of Moments. Evidences show that agglomeration economies are important factors in determining the innovation capacity of Brazilian federation units and that participating in cooperation networks does not guarantee improvements in innovation capacity.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12171
Publisher: Universidade Federal de Lavras
???metadata.dc.language???: por
Appears in Collections:DAE - Administração - Doutorado (Teses)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE_Investimento Direto Estrangeiro e a Política Industrial....pdf3.35 MBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback