Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCF - Departamento de Ciências Florestais >
DCF - Programa de Pós-graduação >
DCF - Tecnologias e Inovações Ambientais - Mestrado Profissional (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12265

Título: Influência do alagamento na vegetação arbórea em uma planície inundável no Médio São Francisco, MG, Brasil
Título Alternativo: Influence of flooding in the arboreal vegetation in a flood plain in the Intermediate São Francisco, MG, Brazil
Autor(es): Miranda, Kaline Fernandes
Lattes: http://lattes.cnpq.br/3373614710261657
Orientador: Santos, Rubens Manoel dos
Coorientador: Morel, Jean Daniel
Membro da banca: Apgaua, Deborah Mattos Guimarães
Membro da banca: Morel, Jean Daniel
Assunto: Florestas – Rio São Francisco, MG
Florestas inundáveis
Saturação hídrica
Forests – São Francisco River, State of Minas Gerais, Brazil
Flood forests
Water saturation
Data de Defesa: 15-Set-2016
Data de publicação: 14-Fev-2017
Referência: MIRANDA, K. F. Influência do alagamento na vegetação arbórea em uma planície inundável no Médio São Francisco, MG, Brasil. 2017. 67 p. Dissertação (Mestrado em Tecnologias e Inovações Ambientais)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
Resumo: As florestas inundáveis são tipos de vegetação sujeitas à inundação sazonal. Situadas em planícies de inundação, são sistemas que mudam continuamente devido aos pulsos de inundação, alternando sempre a medida do curso d´água. Entretanto, faltam publicações que relatem a estrutura florística nas planícies de inundação, especialmente no Sudeste do Brasil. O presente estudo objetivou caracterizar a composição, estrutura e diversidade da comunidade arbórea no gradiente de inundação, comparando-as com formações adjacentes não inundáveis, na Foz do rio Paracatu no Rio São Francisco, Minas Gerais. Para a realização do levantamento estrutural da comunidade arbórea foi utilizado o método de parcelas, sendo instaladas nos dois lados do Rio Paracatu. Os indivíduos foram identificados a nível de espécie. As medidas da circunferência foram aferidas com o auxílio de uma fita métrica. Indivíduos com mais de um fuste (perfilho) a 1,30 m do solo foram incluídos no registro desde que a raiz quadrada da soma dos quadrados dos fustes fosse superior ou igual ao critério de inclusão. Foram amostrados 1.276 indivíduos, pertencentes a 85 espécies, de 32 famílias. O índice de Shannon (H´) referente à amostragem total foi 3,40 ind.nat, com índice de equabilidade de Pielou (J´) de 0,76. Em termos de importância das espécies, as seis principais espécies mais importantes eram compostas por 46% do índice total de valor de importância. Por meio da análise de similaridade em uma ordenação foi possível notar o agrupamento das espécies ao longo das geoformas, mostrando a substituição das espécies ao longo dos habitats, resultado da diferença temporal do alagamento nos ambientes. Conclui-se que o regime de alagamento, a frequência e a intensidade determinam a ecologia nas planícies do rio.
Abstract: Flood forests are vegetation subject to seasonal floods. Situated in flood plains, they are systems under continuous changes due to the pulses of flooding, always alternating following the watercourse. However, there are little publications that report the floristic structure in flood plains, especially in Southeastern Brazil. This study aimed at characterizing the composition, structure and diversity of the arboreal community flooding gradient, comparing them with the non-flood adjacent formations, at the mouth of the River Paracatu in River São Francisco, Minas Gerais, Brazil. For the structural survey of the arboreal community, we used the plot method, installed on both sides of River Paracaty. The individuals were identified at the species level. The circumference measures were gauged with a measuring tape. Individuals with more than one stem (support) at 1.30 m of the soil were included in the registry, provided the square root of the square sum of the stems be superior or equal to the inclusion criterion. We sampled 1,276 individuals belonging to 85 species, of 32 families. The Shannon Index (H`) regarding the total sampling was of 3.40 ind.nat, with Pielou equability index (J`) of 0.76. In terms of species importance, the six most important species were comprised of 46% of the total index of importance value. By means of similarity analysis, it was possible to verify the grouping of species along the geoforms, demonstrating the substitution of species along habitats, resulting in the temporal difference of the flooding in the environments. In conclusion, the flooding regimes, frequency and intensity determine the ecology of the river plains.
Informações adicionais: Arquivo retido, a pedido da autora, até fevereiro de 2018.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12265
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DCF - Tecnologias e Inovações Ambientais - Mestrado Profissional (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback