Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DEG - Departamento de Engenharia >
DEG - Artigos publicados em periódicos >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12390

Title: Classificação de áreas irrigadas por pivôs centrais utilizando como base a segmentação
???metadata.dc.creator???: Ferreira, Elizabeth
Dantas, Antonio Augusto Aguilar
Toledo, Joice Hermenegildo de
Keywords: Agricultura - Irrigação
Processamento de imagens
Image processing
Agriculture - Irrigation
Publisher: Universidade Estadual Paulista
Issue Date: Apr-2011
Citation: FERREIRA, E. et al. Classificação de áreas irrigadas por pivôs centrais utilizando como base a segmentação. Irriga, Botucatu, v. 16, n. 2, p.145-152, abr. 2011.
???metadata.dc.description.resumo???: O uso de técnicas de análise de dados de sensoriamento remoto, baseadas na segmentação de objetos homogêneos, abre novas perspectivas para a estimativa de áreas irrigadas por pivôs centrais, pois elas possuem formas bem definidas. O objetivo deste trabalho foi comparar e avaliar mapas de áreas irrigadas por pivôs centrais gerados a partir de dois métodos: interpretação visual e classificação por regiões. As etapas do trabalho envolveram o georreferenciamento e correção geométrica da imagem de imagens de satélite CCD/CBERS- 2B, a interpretação visual das áreas irrigadas, a segmentação e a classificação por região para extração das feições. As áreas irrigadas apresentaram-se em diferentes cores e tonalidades, representando culturas agrícolas em diferentes estádios e solo exposto. Os valores totais das áreas irrigadas foram de 631,38 ha, para o método manual e de 669,12 ha utilizando-se o método baseado na segmentação. Conclui-se que houve uma concordância excelente entre as áreas delimitadas manualmente e as áreas extraídas com base na segmentação, com índice kappa de 94%. O método baseado na segmentação não individualizou os pivôs centrais, mas permitiu identificar e estimar o total das áreas irrigadas. A extração das áreas irrigadas por pivôs centrais, utilizando o processo de segmentação, dependeu da distribuição espacial dos mesmos.
Abstract: The use of techniques of analysis of remote sensing data based on homogeneous regions segmentation opens new perspectives for center pivots irrigated areas estimation, because of their well-defined shapes. The goal of this work was to compare and assess maps of irrigated areas by center pivots using two interpretation methods: visual interpretation and a classification based on segmentation techniques. The thematic maps were generated from CCD/CBERS-2B satellite images. The steps of the work involved the geo-reference and the image geometric correction, the visual interpretation of irrigated areas, segmentation, and supervised classification for extraction of features. The irrigated areas were presented in different colors and shades, representing agricultural crops in different stages and soil exposed. The total values of irrigated areas were 631.38 ha, for the manual method and 669.12 ha for the segmentation method. It was concluded that there was an excellent agreement between the areas that were delineated manually and the areas extracted with the method based on segmentation, with kappa index of 94%. The method based on segmentation did not separate the center pivots, but allowed to identify and estimate the total irrigated areas. The extraction of irrigated areas by center pivots, using the process of segmentation, depended on the spatial distribution of the objects.
URI: http://irriga.fca.unesp.br/index.php/irriga/article/view/199
http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12390
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DEG - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:

There are no files associated with this item.

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback