Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCF - Departamento de Ciências Florestais >
DCF - Artigos publicados em periódicos >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12453

Título: Estabelecimento de mata ciliar às margens do reservatório da Usina Hidrelétrica de Camargos, MG
Título Alternativo: Establishment of riparian forest at the margins of the reservior of the Camargos Hydroeletric plant, Minas Gerais
Autor(es): Ferreira, Wendy Carniello
Botelho, Soraya Alvarenga
Davide, Antonio Claudio
Faria, José Márcio Rocha
Assunto: Mata ciliar
Recuperação de áreas degradadas
Florestas - Regeneração natural
Silvicultura
Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Data de publicação: Jan-2009
Referência: FERREIRA, W. C. et al. Estabelecimento de mata ciliar às margens do reservatório da Usina Hidrelétrica de Camargos, MG. Ciência Florestal, Santa Maria, v. 19, n. 1, p. 69-81, jan. 2009.
Resumo: Este trabalho teve como objetivo analisar o crescimento e o vigor de espécies arbóreas e arbustivas plantadas na margem do reservatório da UHE Camargos, em Minas Gerais, e verificar o processo de sucessão secundária em função da distância do reservatório e ao longo da área de plantio. Decorridos 150 meses, foi realizado o inventário das espécies arbóreas, medindo-se todos os indivíduos plantados e os provenientes de regeneração natural com DAP ≥ 5cm. Foram atribuídas notas que variaram de 1,0 a 5,0 para avaliação do vigor das árvores. Para o levantamento da regeneração natural, foram demarcados quatro transecções e estabelecidas três parcelas de 1 x 15 m em cada transecção, orientadas no sentido do declive. Os resultados mostram que algumas espécies pioneiras demonstram sinais de senescência após 13 anos de plantio. Foram identificadas na regeneração natural 55 espécies de 27 famílias. Espécies da família Asteraceae predominaram nas áreas mais alteradas, pois são adaptadas a essas condições. Houve predominância da dispersão zoocórica para as espécies regenerantes. Próximo ao reservatório, foram encontradas as maiores densidades de regeneração, enquanto a maior diversidade e altura média foi encontrada do lado da pastagem.
Abstract: The object of this survey was to analyze the growth and vigor of arboreal and shrub species planted in a reservoir shore of the Camargos Hydroeletric Plant, in the state of Minas Gerais, and to verify the processes of natural regeneration in function of the reservoir distance and along the planted area. At 150 months, in the arboreal species inventory, all the planted and the natural regenerations with diameter at breast height ≥ 5 cm were measured. Grades (1.0 to 5.0) were attributed for the evaluation of the tree vigor. For the natural regeneration survey, four transects were demarcated and three 1 x 15 m plots were established in each transect, following the slope. Results showed that some of the pioneer species displayed senescence signs after 13 years of planting. In the natural regeneration, 55 species of 27 families were identified. Species of the Asteraceae family predominated in the more disturbed areas, because they are adapted to these conditions. There was predominance in zoochoric dispersion among the regenerating species. The greater regeneration density was found near the reservoir, whereas the bigger diversity and average height were found in the opposite side of the planted area.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12453
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DCF - Artigos publicados em periódicos

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
ARTIGO_Estabelecimento de mata ciliar às margens do reservatório da Usina Hidrelétrica de Camargos, MG.pdf220,55 kBAdobe PDFVer/abrir

Este item está licenciado com Licença Creative Commons
Creative Commons

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback