Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCS - Departamento de Ciência do Solo >
DCS - Programa de Pós-graduação >
DCS - Ciência do Solo - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12465

Título: Coinoculação de bactérias promotoras de crescimento em feijão-fava e feijão-comum
Título Alternativo: Co-inoculation of growth promoting bacteria in common bean and lima bean
Autor(es): Ferreira, Linnajara de Vasconcelos Martins
Lattes: http://lattes.cnpq.br/5311834578323579
Orientador: Moreira, Fatima Maria de Souza
Membro da banca: Oliveira, Dâmiany Pádua
Membro da banca: Medeiros, Flávio Henrique de Vasconcelos
Membro da banca: Nóbrega, Rafaela Simão Abraão de
Membro da banca: Michereff, Sami J.
Assunto: Phaseolus lunatus
Phaseolus vulgaris
Rhizoctonia solani
Bactérias endofíticas
Rizóbio
Endophytic bactéria
Rhizobia
Data de Defesa: 18-Nov-2016
Data de publicação: 10-Mar-2017
Agência de Fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: FERREIRA, L. de V. M. Coinoculação de bactérias promotoras de crescimento em feijão-fava e feijão-comum. 2017. 94 p. Tese (Doutorado em Ciência do Solo)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2016.
Resumo: Um número significativo de espécies bacterianas, principalmente, aquelas presentes na rizosfera, pode exercer um efeito benéfico sobre o crescimento e desenvolvimento das plantas. Este grupo de bactérias é conhecido como rizobactérias promotoras do crescimento de plantas (RPCPs). Foram realizados dois estudos de inoculação e coinoculação de RPCPs nas culturas do feijoeiro (Phaseolus vulgaris) e feijão-fava (Phaseolus lunatus). O primeiro teve como objetivos identificar, geneticamente, isolados de nódulos de feijão -comum, oriundos de solos de pastagem da Amazônia e verificar sua capacidade de nodular e de promover o crescimento do feijoeiro quando inoculadas ou coinoculadas com a CIAT 899 (Rhizobium tropici). Foram conduzidos dois experimentos, em casa de vegetação, em condições axênicas, utilizando a cultivar de feijão -comum Talismã. O sequenciamento do gene 16S rRNA mostrou predominância do gênero Pseudomonas em 35% das estirpes sequenciadas. Outros gêneros como: Rhizobium, Burkholderia, Pseudomonas, Variovorax, Xanthomonas e Bacillus, também, foram identificado s, demonstrando a elevada diversidade genética de estirpes bacterianas sob sistema de pastagem, com estirpes dos gêneros Bacillus e Pseudomonas com potencial para uso como promotoras do crescimento vegetal. A inoculação das sete estirpes com a CIAT 899 promoveu crescimento variado , nas diferentes formas de fornecimento de N. O segundo objetivou-se avaliar o efeito da inoculação por estirpes de Bacillus, Paenibacillus, Burkholderia, e Pseudomonas, individualmente e em combinação com Rhizobium tropici, quanto ao potencial de biocontrole da rizoctoniose e de promoção de crescimento em plantas de feijão-comum e feijão-fava. Para isso, foram conduzidos experimentos, em casa de vegetação em condições axênicas, utilizando o feijão-comum cultivar Perola e sementes crioulas de feijão -fava. A primeira etapa se constituiu de experimentos, em que se avaliou o potencial de 14 estirpes no controle da R. solani inoculadas, individualmente e em conjunto, com estipe CIAT 899; a segunda etapa, em experimentos, para avaliação a capacidade dessas 14 estirpes, em prover crescimento vegetal, em três formas de fornecimento de nitrogênio. Os resultados demonstraram que uso de rizobactérias combinadas com R. tropici contribuem de forma sinergística para a promoção de crescimento e controle da rizoctoniose em feijão -fava e feijão-comum. O fornecimento de N na forma mineral pode ser substituído pela coinoculação da CIAT 899 com as estirpes promotoras do crescimento vegetal UFLA 02-281, UFLA 02-286, UFLA 02-293 na cultura do feijão-comum. Há incremento na biomassa do feijão-fava quando coinoculada com as estirpes UFLA 02-286, UFLA 02-293, UFLA 04-195, UFLA 02-281 e UFPI B3-9.
Abstract: A great number of bacterial species, especially those present in the rhizosphere, plays an important role on the growth and development of plants. This group of bacteria is often referred to as plant growth promoting rhizobacteria (RPCPs). Herein, two stud ies of inoculation and co -inoculation of RPCPs in common bean ( Phaseolus vulgaris) and lima bean (Phaseolus lunatus) were carried out. The first study aimed to genetically identify isolates of common bean nodules from Amazonian pasture soils, verifying their ability to nodulate as well as to promote bean growth when inoculated or co-inoculated with CIAT 899 (Rhizobium tropici). Two experiments were carried out under axenic conditions at the greenhouse using the Talisman common bean cultivar. The sequencing of the 16S rRNA gene showed predominance of the Pseudomonas genus in 35% of the sequenced strains. Other genera such as Rhizobium, Burkholderia, Pseudomonas, Variovorax, Xanthomonas and Bacillus were also identified, which demonstrates the great genetic diversity of bacterial strains under pasture systems with strains of the Bacillus and Pseudomonas genera. Those strains have great potential as plant growth promoters. The inoculation of the seven strains with CIAT 899 promoted a wide growth range in the different forms of nitrogen supply. The second study aimed at evaluating the effect of inoculation by strains of Bacillus, Paenibacillus, Burkholderia, and Pseudomonas – either individually or in combination with Rhizobium tropici – considering the potential for rhizoctoniosis biocontrol as well as the growth promotion in common bean and lima bean. Greenhouse experiments were carried out in axenic conditions using the Pérola common bean cultivar and creole seeds of lima bean. In the first stage of the exper iment the potential of 14 strains in the control of R. solani that was both individually inoculated and inoculated in conjunction with the CIAT 899 was assesed. For the second stage, strains were assessed for their ability to improve plant development in p lants growing in three different nitrogen supply media. The results demonstrated that the use of rhizobacteria combined with R. tropici synergistically contributes to growth development and control of rhizoctoniosis in lima bean and common bean. The mineral form of nitrogen can be replaced by the co-inoculation of CIAT 899 with the following plant growth promoting strains: UFLA 02-281, UFLA 02-286, UFLA 02-293 in the common bean culture. There was an increase in lima bean biomass when media was co-inoculated with the following strains: UFLA 02-286, UFLA 02-293, UFLA 04-195, UFLA 02-281 and UFPI B3-9.
Informações adicionais: Arquivo retido, a pedido da autora, até março de 2018.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12465
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DCS - Ciência do Solo - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback