Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCS - Departamento de Ciência do Solo >
DCS - Artigos publicados em periódicos >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12608

Título: Crescimento inicial de espécies florestais de diferentes grupos sucessionais em resposta a doses de fósforo
Título Alternativo: Initial growth of forest species of different successional groups in response to phosphorus doses
Autor(es): Resende, Álvaro Vilela de
Furtini Neto, Antonio Eduardo
Muniz, Joel Augusto
Curi, Nilton
Faquin, Valdemar
Assunto: Grupos ecológicos
Crescimento de mudas
Adubação fosfatada
Ecologic groups
Seedling growth
Phosphated fertilization
Publicador: Embrapa Informação Tecnológica
Data de publicação: Nov-1999
Referência: RESENDE, A. V. de et al. Crescimento inicial de espécies florestais de diferentes grupos sucessionais em resposta a doses de fósforo. Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v. 34, n.11, p. 2071-2081, nov. 1999.
Resumo: Objetivando avaliar a resposta de espécies florestais ao fornecimento de P, conduziu-se um ensaio sob condições de casa de vegetação, cultivando-se mudas das espécies arbóreas pioneiras (aroeira - Lithraea molleoides; aroeirinha - Schinus terebinthifolius; jacaré - Piptadenia gonoacantha; sabiá - Mimosa caesalpiniaefolia; sesbânia - Sesbania virgata), clímax exigente em luz (jatobá - Hymenaea courbaril), e clímax tolerantes a sombra (guanandi - Calophyllum brasiliensis; ipê-amarelo - Tabebuia serratifolia; óleo-bálsamo - Myroxylon peruiferum). Utilizaram-se cinco doses de P, correspondentes a 0, 100, 250, 500 e 800 mg dm-3 de P. Foram avaliados o diâmetro do caule, a altura e a matéria seca de raízes, parte aérea e total das plantas. As espécies pioneiras foram mais responsivas ao fornecimento de P, indicando a necessidade do suprimento deste nutriente para o adequado desenvolvimento destas espécies. As espécies clímax mostraram-se pouco sensíveis ao suprimento de P, refletindo um baixo requerimento na fase de mudas. Diferenças em relação à taxa de crescimento e ao tamanho das sementes podem estar ligadas ao comportamento contrastante observado para espécies pioneiras e clímax.
Abstract: With the aim of evaluating the responses of forest species to phosphorus supply, an assay under greenhouse conditions was carried out, where seedlings of pioneer tree species (Lithraea molleoides, Schinus terebinthifolius, Piptadenia gonoacantha, Mimosa caesalpiniaefolia, Sesbania virgata), a light-demander climax species (Hymenaea courbaril), and the shade-tolerant climaxes species (Calophyllum brasiliensis, Tabebuia serratifolia, Myroxylon peruiferum) were cultivated. Five phosphorus doses were used, corresponding to 0, 100, 250, 500 and 800 mg dm-3 of P. Stem diameter, height, and root, shoot and total dry matter yield of the plants were evaluated. The pioneers species were more responsive to phosphorus furnishing, indicating the need of phosphorus supply for the adequate development of these species. The climaxes species showed to have low sensitivity to phosphorus supply, reflecting a lower requirement in the initial growth period. The differences in relation to growth rate and seed size may be connected to the contrasting behavior observed for pioneers and climaxes species.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12608
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DCS - Artigos publicados em periódicos

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
ARTIGO_Crescimento inicial de espécies florestais de diferentes grupos sucessionais em resposta a doses de fósforo.pdf397,96 kBAdobe PDFVer/abrir

Este item está licenciado com Licença Creative Commons
Creative Commons

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback