Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12639

Título: Avaliação visual em braquiária: número de avaliadores e modelos de análise
Título Alternativo: Visual evaluation in brachiaria: number of evaluators and models analysis
Autor(es): Fonseca, Jales Mendes Oliveira
Lattes: http://lattes.cnpq.br/2343866318833152
Orientador: Nunes, José Airton Rodrigues
Coorientador: Souza Sobrinho, Fausto
Membro da banca: Silva Filho, João Luiz da
Membro da banca: Bueno Filho, Júlio Silvio de Souza
Assunto: Brachiaria - Avaliação visual
Acurácia seletiva
Forrageiras - Melhoramento genético
Modelo linear misto generalizado
Transformação box-cox
Inferência bayesiana
Brachiaria - Visual assessment
Selective accuracy
Forage - Genetic improvement
Generalized linear mixed model
Box-cox transformation
Bayesian Inference
Data de Defesa: 23-Fev-2017
Data de publicação: 3-Abr-2017
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: FONSECA, J. M. O. F. Avaliação visual em braquiária: número de avaliadores e modelos de análise. 2017. 83 p. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2017.
Resumo: Os programas de melhoramento genético da Urochloa ruziziensis (R. Germ. & CM Evrard) Crins. (sin. Brachiaria ruziziensis) têm adotado a sensibilidade visual como parâmetro avaliativo dos genótipos. Devido ao desconhecimento do número adequado de avaliadores no campo e a maneira de proceder as análises das notas atribuídas aos genótipos, no presente trabalho objetivou-se determinar um número otimizado de avaliadores e apresentar diferentes alternativas para analisar notas. Para isso, foram avaliados 2204 genótipos de U. ruziziensis no delineamento em blocos aumentados utilizando duas testemunhas: Marandu (U. brizantha) e Basilisk (U. decumbens). Foi mensurada a produção da massa verde e atribuído notas de vigor associada à produtividade aos genótipos pela inspeção visual efetuada por seis avaliadores. Para a determinação do número de avaliadores, os dados foram analisados usando a abordagem de modelos mistos com recuperação de informação interblocos e intergenotípica considerando a nota de um avaliador e as médias das combinações de 2, 3, 4, 5 e 6 avaliadores. Para apresentar as diferentes alternativas de análise das notas foi empregado as abordagens de modelos lineares mistos na escala original das notas, modelos lineares mistos na escala da nota transformada via Box-Cox, modelos lineares mistos generalizados e modelos lineares mistos generalizados bayesianos. Para validação das análises, em ambos os casos, foram considerados parâmetros genéticos e experimentais relevantes aos programas de melhoramento auxiliados pelo emprego da avaliação visual. Com base nos resultados, foi possível concluir que a seleção indireta de genótipos de U. ruziziensis, por meio das notas de vigor, é válida e que o número otimizado de avaliadores para proceder as avaliações visuais é três. Além disso, não foi possível detectar diferenças significativas entre as alternativas de análise das notas, porém foi possível observar a adequação de se utilizar os modelos que atentem para a escala original da nota.
Abstract: Urochloa ruziziensis (R. Germ. & CM Evrard) Crins. (sin. Brachiaria ruziziensis) breeding programs have adopted visual sensitivity as an evaluation parameter of genotypes. Due to the lack of knowledge regarding the adequate number of evaluators in the field and the way of performing the analysis of grades attributed to genotypes, the objective of this study was to determine an optimized number of evaluators and present different alternatives for analyzing grades. In order to do that, 2204 U. ruziziensis genotypes were evaluated in augmented block design using two controls: Marandu (U. brizantha) and Basilisk (U. decumbens). Green mass production was measured and six evaluator attributed vigor grades based on visual inspection. To determine the number of evaluators, data were analyzed using mixed models approach with recovery of interblock and intergenotypic information considering grades given by one evaluator and by the average of 2, 3, 4, 5 and 6 evaluator combinations. In order to present the different alternatives for grade analysis, it was used approaches based on linear mixed models in original score scale, linear mixed models in BoxCox transformed scale, generalized linear mixed models and Bayesian generalized linear mixed models. To validate the analysis, both cases considered genetic and experimental parameters used in breeding programs assisted by visual evaluation. Based on the results, it was possible to conclude that indirect selection of U. ruziziensis genotypes using grades is valid and that the optimal number of evaluators to carry out visual evaluations is three. Moreover, it was not possible to detect significant differences between the alternatives grade analysis, but it was possible to observe the adequacy offered by the usage of models that consider original grade scale.
Informações adicionais: Arquivo retido, a pedido do autor, até março de 2018.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12639
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback