Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCS - Departamento de Ciência do Solo >
DCS - Programa de Pós-graduação >
DCS - Ciência do Solo - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12792

Título: Efeito do uso e manejo sobre a erosão e atributos de solos da sub-bacia das Posses, Extrema-MG
Título Alternativo: Land use and management effects on erosion and attributes of soils from Posses catchment, Extrema-MG
Autor(es): Bispo, Diêgo Faustolo Alves
Lattes: http://lattes.cnpq.br/5982051540114924
Orientador: Silva, Marx Leandro Naves
Membro da banca: Marques, João José Granate de Sá e Melo
Membro da banca: Avanzi, Júnior Cézar
Membro da banca: Oliveira, Marcelo Silva de
Membro da banca: Rocha, Humberto Ribeiro da
Assunto: Solos – Manejo
Solos – Erosão hídrica
Solos – Teor de fósforo
Água – Teor de fósforo
Índice P
Soil management
Soil – Water erosion
Soil – Phosphorus content
Água – Phosphorus content
P index
Data de Defesa: 30-Mar-2017
Data de publicação: 2-Mai-2017
Agência de Fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: BISPO, F. A. B. Efeito do uso e manejo sobre a erosão e atributos de solos da sub-bacia das Posses, Extrema-MG. 2017. 91 p. Tese (Doutorado em Ciência do Solo)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2017.
Resumo: A presente pesquisa foi realizada com o intuito de estudar os impactos do uso e manejo sobre a erosão hídrica e sobre atributos do solo, bem como empregar o modelo “índice P” na avaliação do risco ambiental de transferência de P do solo para os cursos hídricos da sub-bacia hidrográfica das Posses, Extrema, Minas Gerais. As perdas de solo, água e constituintes do solo, em função de diferentes sistemas de manejo, foram avaliadas através de parcelas de erosão. Os resultados obtidos demonstram que o reflorestamento e o manejo das pastagens são estratégias que minimizam os efeitos da erosão hídrica e que a manutenção da mata nativa, principalmente sobre Neossolo Litólico, é essencial para a conservação dos pedoambientes, sobretudo em declives acentuados. O efeito do manejo sobre a qualidade do solo foi verificado pela quantificação das frações do carbono orgânico estocadas no solo e do índice de manejo do carbono. O índice de manejo do carbono comprovou o efeito positivo dos reflorestamentos, do manejo da pastagem e da conservação da vegetação sobre a qualidade do solo e, tanto este índice, como o C orgânico particulado, apresentam grande potencial para serem usados como ferramentas na gestão de bacias hidrográficas. O modelo índice P foi testado, de forma pioneira, para avaliar o risco de transferência de P do solo para os cursos hídricos da Posses, bem como prever o efeito das mudanças no uso da terra sobre essa transferência. Os resultados obtidos permitiram concluir que, apesar de quase toda a sub-bacia apresentar baixo índice P, as áreas de eucalipto e agricultura devem receber maior atenção quanto ao uso de fertilizantes. Também, as simulações realizadas permitiram prever que a incorporação de “Áreas de Proteção Ambiental” pode diminuir, consideravelmente, o risco de transferência do P para as águas, mesmo em áreas de pastagem que foram adubadas. Os resultados desse estudo podem servir como ferramenta de incentivo e gestão do uso criterioso de fertilizantes e de práticas de conservação na sub-bacia hidrográfica das Posses.
Abstract: The present research was carried out with the purpose of studying the impacts of land use and management on soil attributes and on water erosion, as well as to use the P index model in the environmental risk assessment of P transference from soil to the streams in the Posses catchment, Extrema, Minas Gerais. The losses of soil, water and soil constituents were evaluated through erosion plots installed in several management systems. The results showed that reforestation and well-managed pastures are strategies that minimize the effects of water erosion and that safeguarding native forest mainly in Litholic Neosols is essential for the conservation of the pedoenvironments, especially in steep slopes. The effect of management on soil quality was verified by the quantification of the organic carbon fractions stored in the soil and the carbon management index. The positive effect of reforestation, well-managed pastures and conservation of vegetation on soil quality is evidenced by the carbon management index. This index and the particulate organic carbon have great potential as watershed management tools. The P index model was tested in a pioneering way to evaluate the P transfer risk form soil to the Posses streams, as well as to predict the impacts of land use changes on this transfer. The results obtained lead to the conclusion that, although almost all of the catchment has a low P index, eucalyptus and agricultural areas should receive greater attention regarding the use of fertilizers. Also, the simulations allowed predicting that creating “Environmental Protection Areas” can reduce the P transfer risk to stream waters, even in pasture areas that were fertilized. The results of this study can serve as incentive and management tool for the judicious use of fertilizers and conservation practices in the Posses catchment.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12792
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DCS - Ciência do Solo - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Efeito do uso e manejo sobre a erosão e atributos de solos ....pdf1,7 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback