Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCF - Departamento de Ciências Florestais >
DCF - Artigos publicados em periódicos >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12965

Title: Florística e estrutura do estrato arbustivo-arbóreo de uma floresta restaurada com 40 anos, Viçosa, MG
Other Titles: Floristic and structure of the shrub-tree layer of a forest restored to 40 years, Viçosa, MG
???metadata.dc.creator???: Miranda Neto, Aurino
Martins, Sebastião Venâncio
Silva, Kelly de Almeida
Gleriani, José Marinaldo
Keywords: Fitossociologia
Restauração florestal
Indicadores de restauração
Phytosociology
Forest restoration
Restoration indicators
Publisher: Sociedade de Investigações Florestais
Issue Date: 2012
Citation: MIRANDA NETO, A. et al. Florística e estrutura do estrato arbustivo-arbóreo de uma floresta restaurada com 40 anos, Viçosa, MG. Revista Árvore, Viçosa, MG, v. 36, n. 5, set./out. 2012.
???metadata.dc.description.resumo???: Este estudo teve como objetivo avaliar o estrato arbustivo-arbóreo de uma floresta restaurada por meio de plantio, após 40 anos de sua implantação, no Município de Viçosa, MG. Foram alocadas na área total de 1 ha 16 parcelas contíguas de 25 x 25 m para avaliação do estrato arbustivo-arbóreo, registrando todos os indivíduos com CAP >15 cm. Também se realizou a classificação quanto à classe sucessional e à síndrome de dispersão, bem como a análise física e química do solo da floresta restaurada. Registraram-se 1.432 indivíduos, 112 espécies e 36 famílias, sendo 95 espécies nativas e 16 exóticas, com maior VI para espécie Guarea guidonia e família Fabaceae, alta diversidade (H'=3,51) e baixa dominância ecológica (J'=0,743), maior porcentagem da classe sucessional secundária inicial, em nível de espécie (34,82%), e de secundária tardia, em nível de indivíduos (34,29%), e predomínio de síndrome de dispersão zoocórica. A área basal foi de 47,8 m2/ha e a altura média de 10,6 m, variando de 2,2 m a 27,2 m. A camada de 0-20 cm do solo apresentou média saturação de bases (V = 43,40%) e a camada de 20-40 cm baixa saturação de bases (V = 34,70%), com densidades do solo (1,08 e 1,07 kg/m3) dentro da faixa ideal para solos com textura argilosa. A floresta restaurada, após 40 anos, alcançou patamar semelhante às Florestas Estacionais Semideciduais, em estádio avançado de sucessão, da região de Viçosa, MG, em termos dos parâmetros fitossociológicos no estrato arbustivo-arbóreo.
Abstract: The objective of this study was to evaluate the woody shrub layer of a restored forest through planting after 40 years of its implementation, in Viçosa, MG. It was allocated in the total area of one hectare, 16 contiguous plots of 25 x 25 m to assess the woody shrub layer, recording all individuals with PBH > 15 cm.It was recorded 1,432 individuals, 112 species and 36 families, of which 95 were native and 16 were exotic species, with higher Importance Value for Guarea guidonia and Fabaceae family, high diversity (H'= 3.51) and low ecological dominance (J'= 0.743), higher percentage of early secondary successional class at the species level (34.82%), and late secondary at the level of individuals (34.29%), and predominance of syndrome of seed dispersal by animals. The basal area was 47.8 m2/ha and the average height of 10.6 m, ranging from 2.2 m to 27.2 m. The 0-20 cm layer soil had a an average base saturation (V = 43.40%) and 20-40 cm layer of low base saturation (V = 34.70%), with soil density (1.08 and 1.07 kg / m3) within the ideal range for clay soils. The restored forest after 40 years reached a level similar to semideciduous seasonal forests in advanced stages of succession, in Viçosa, MG, in terms of phytosociological parameters.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12965
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DCF - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ARTIGO_Florística e estrutura do estrato arbustivo-arbóreo de uma floresta restaurada com 40 anos, Viçosa, MG.pdf1.11 MBAdobe PDFView/Open

This item is licensed under a Creative Commons License
Creative Commons

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback