Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAG - Departamento de Agricultura >
DAG - Artigos publicados em periódicos >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1297

Title: Influência de leguminosas no controle de fitonematóides no cultivo orgânico de alface americana e de repolho
Other Titles: Influence of legumes in the control of nematodes in organic crisphead lettuce and cabbage crops
???metadata.dc.creator???: Moraes, Sylvia R. G.
Campos, Vicente P.
Pozza, Edson A.
Fontanetti, Anastácia
Carvalho, Gabriel J.
Maximiniano, Cleber
Keywords: Planta antagonista
Leguminosas
Manejo de fitodoenças
Antagonistic plants
Leguminosae
Plant disease management
Publisher: Sociedade Brasileira de Fitopatologia
Issue Date: 2006
Citation: MORAES, S. R. G. et al. Influência de leguminosas no controle de fitonematóides no cultivo orgânico de alface americana e de repolho. Fitopatologia Brasileira, Brasília, v. 31, n. 2, mar./ abr. 2006.
???metadata.dc.description.resumo???: A demanda por produtos orgânicos é crescente devido às restrições ao uso dos agroquímicos sintéticos. Para verificar o efeito das plantas antagonistas no controle de fitonematóides na cultura da alface americana (Lactuca sativa) e do repolho (Brassica oleracea var. capitata), em cultivo orgânico, instalou-se um experimento na Universidade Federal de Lavras, no período de dezembro de 2001 a agosto de 2002. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados em esquema fatorial 4 x 2, com três repetições. O primeiro fator foi constituído pelas leguminosas mucuna-preta (Stizolobium aterrimum), feijão-de-porco (Canavalia ensiformis), crotalária (Crotalaria juncea) em cultivo orgânico e por uma testemunha (vegetação espontânea) em cultivo convencional. O segundo, pelas culturas de alface americana cultivar Raider e repolho, cultivar Kenzan. Os tratamentos foram constituídos por todos em cultivo orgânico e testemunha (vegetação espontânea) em cultivo convencional. As populações de Meloidogyne spp. e de Helicothylenchus dihystera foram avaliadas empregando-se a técnica de Jenkins. As amostras de solo utilizadas para quantificar os nematóides foram retiradas aos 45 dias após o plantio das leguminosas; aos 30 e 60 dias após o plantio da alface americana e aos 30, 60 e 90 dias após o plantio do repolho. A incorporação das leguminosas mucuna-preta e crotalária, em cultivo orgânico, reduziu a população de Meloidogyne spp. em 42 e 51%, respectivamente, nessas hortaliças. A leguminosa feijão-de-porco causou redução da população de nematóide apenas nas parcelas com repolho apos 90 dias.
Abstract: The demand for organic products is increasing because of restrictions on the use of synthetic agrochemicals. In order to verify the effect of antagonistic plants on the control of phytonematodes in the culture of crisphead lettuce (Lactuca sativa) and cabbage (Brassica oleracea var. capitata), an experiment was installed at the Federal University of Lavras, between December 2001 and August 2002. The experimental design was of randomized blocks in a factorial scheme with three replications and four treatments. The treatments consisted of black velvet bean (Stizolobium aterrimum), jack bean (Canavalia ensiformis), sunn hemp (Crotalaria juncea) and a control plot with spontaneous vegetation. The populations of Meloidogyne spp. and Helicothylenchus dihystera were evaluated using the Jenkins technique. The soil samples used to quantify the nematodes were taken 45 days after seeding the leguminous plants, 30 and 60 days after seeding the crisphead lettuce and 30, 60 and 90 days after planting the cabbage. The incorporation of the black velvet bean and sunn hemp legumes reduced the population of Meloidogyne spp. by 42 and 51%, respectively; in the area previously planted with jack bean, the nematode populations on cabbage were reduced at 90 days.
URI: http://www.sbfito.com.br/
http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1297
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DAG - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:

There are no files associated with this item.

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback