Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DQI - Departamento de Química >
DQI - Programa de Pós-graduação >
DQI - Agroquímica - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13085

Título: Propriedades físico-químicas e atividades biológicas de óleos essenciais de Mentha pulegium L., Corymbia citriodora e Cymbopogon citratus, incorporados em géis antissépticos
Título Alternativo: Physical-chemical properties and biological activities of essential oils of Mentha pulegium L., Corymbia citriodora and Cymbopogon citratus, incorporated in antisseptic gels
Autor(es): Silva, Lucilene Fernandes
Lattes: http://lattes.cnpq.br/8830278688556570
Orientador: Cardoso, Maria das Graças
Coorientador: Batista, Luís Roberto
Membro da banca: Abreu, Celeste Maria Patto de
Membro da banca: Batista, Luís Roberto
Membro da banca: Nelson, David Lee
Membro da banca: Albuquerque, Luiz Roberto Marques
Assunto: Óleo essencial – Propriedade antimicrobiana
Antissépticos
Essential oil – Antimicrobial properties
Antiseptics
Data de Defesa: 3-Abr-2017
Data de publicação: 31-Mai-2017
Referência: SILVA, L. F. Propriedades físico-químicas e atividades biológicas de óleos essenciais de Mentha pulegium L., Corymbia citriodora e Cymbopogon citratus, incorporados em géis antissépticos. 2017. 85 p. Tese (Doutorado em Agroquímica)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2017.
Resumo: Os óleos essenciais constituem um importante grupo fitoquímico constituído por metabólitos secundários utilizados nas indústrias com ênfase nas áreas alimentícia, cosmética e farmacêutica. Os atributos aromáticos e as atividades biológicas dessas substâncias os colocam atualmente em posição de destaque. Os objetivos deste trabalho foram caracterizar quimicamente os óleos essenciais de Mentha pulegium L., Corymbia citriodora e Cymbopogon citratus, desenvolver formulações antissépticas de uso tópico na forma de gel com adição dos óleos essenciais incorporados às bases hidroxietilcelulose e carboxipolimetileno, bem como a avaliação das atividades físico-química, antibacteriana, fosfolipásica e os efeitos sobre eritrócitos humanos. Os óleos essenciais foram obtidos das folhas frescas de Mentha pulegium L., Corymbia citriodora e Cymbopogon citratus e extraídos por hidrodestilação empregando o aparelho de Clevenger modificado. Foram caracterizados e quantificados por CG/EM e CG/DIC, respectivamente. As avaliações físicoquímicas foram realizadas avaliando-se o pH, testes de liberação, espalhabilidade, estabilidade em centrífuga e densidade; além de estudar as atividades antibacteriana (Escherichia coli e Staphylococcus aureus), irritação cutânea, fator de proteção solar, atividade fosfolipásica, efeito sobre eritrócitos e avaliação da atividade microbiológica (contaminação dos géis). O óleo essencial de M. pulegium apresentou como constituintes majoritários pulegona, mentol e mentona e os óleos essenciais de C. citridora e C. citratus apresentaram geranial e neral. Os resultados mostraram que os géis de carboxipolimetileno incorporados com óleos essenciais apresentaram menores variações nas propriedades físicoquímicas. Comparando o efeito da incorporação dos óleos essenciais aos géis, foi possível observar que os géis sem a adição de óleos mantiveram por mais tempo a característica referente ao pH. No teste de liberação, a diálise mostrou que o gel M. pulegium hidroxietilcelulose apresentou resultados mais expressivos, seguido dos géis C. citriodora-carboxipolimetileno e C. citratus-carboxipolimetileno. A viscosidade dos géis até 30 dias apresentou decréscimo reduzindo a espalhabilidade, contudo a partir de 60 dias todos se tornaram mais viscosos. O pH apresentou redução para todas as formulações testadas, também mostrando perda de estabilidade dos géis. Diante dos ensaios biológicos foi possível observar que comparados ao antisséptico comercial, álcool em gel, as formulações apresentaram irritação em menor grau e pelos testes de hemólise e fosfolipase, não foi verificada toxicidade dos produtos. Os géis não apresentaram fator de proteção solar e a atividade antibacteriana frente à S. aureus e E. coli foi significativa e superior que a do álcool em gel, além desses parâmetros, os géis não apresentaram contaminação. Os géis a base de óleos essenciais de M. pulegium, C. citriodora e C. citratus apresentaram características de interesse para a produção de novos produtos e com potencial antisséptico.
Abstract: The essential oils constitute an important phytochemical group composed of secondary metabolites used in the industries with emphasis in the alimentary, cosmetic and pharmaceutical areas. The aromatic attributes and the biological activities of these substances put them today in a prominent position. The objectives of this work were to chemical characterize the essential oils of Mentha pulegium L., Corymbia citriodora e Cymbopogon citratus, develop topical antiseptic formulations in the form of gel with the addition of the essential oils incorporated into the hydroxyethylcellulose and carboxypolymethylene bases, as well as the evaluation of physicochemical, antibacterial, phospholipase activities and effects on human erythrocytes. The essential oils were obtained from the fresh leaves of Mentha pulegium L., Corymbia citriodora e Cymbopogon citratus and extracted by hydrodistillation using the modified Clevenger apparatus. They were characterized and quantified by CG / MS and CG / DIC, respectively. The physico-chemical evaluations were performed by evaluating the pH, release tests, spreadability, centrifugal stability and density; in addition to studying the antibacterial activities (Escherichia coli and Staphylococcus aureus), skin irritation, sun protection factor, phospholipase, effect on erythrocytes and evaluation of microbiological activity (contamination of gels). The essential oil of M. pulegium presented as main constituents pulegone, menthol and menthone and the essential oils of C. citridora and C. citratus presented geranial and general. The results showed that carboxypolymethylene gels incorporated with essential oils had lower variations in physico-chemical behavior. Comparing the effect of the incorporation of the essential oils to the gels, it was possible to observe that the gels without the addition of oils maintained for longer the characteristic referring to the pH. In the release test, dialysis showed that the M. pulegium hydroxyethylcellulose gel presented more expressive results, followed by gel C. citriodora-carboxypolymethylene and C. citratus-carboxypolymethylene. The viscosity of the gels up to 30 days showed a decrease reducing the spreadability, however from 60 days all became more viscous. The pH presented reduction for all formulations tested, also showing loss of stability of the gels. Before the biological tests it was possible to observe that, compared to the commercial antiseptic,gel alcohol, the formulations presented irritation to a lesser degree and by the hemolysis and phospholipase tests, no toxicity of the products was verified. The gels did not present a sun protection factor and the antibacterial activity against S. aureus and E. coli was significant and superior than that of alcohol in gel, besides these parameters, the gels did not present contamination. The essential oils gels of M. pulegium, C. citriodora and C. citratus presented characteristics of interest for the production of new products with antiseptic potential.
Informações adicionais: Arquivo retido, a pedido da autora, até maio de 2018.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13085
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DQI - Agroquímica - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback