Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13144
Título: Concentração, acumulação de P, K. Ca e Mg e crescimento da soja(Glycine max (L.) Merrill) em diferentes estadios de desenvolvimento
Autor : Moraes, Ednan Araújo
Lattes: http://lattes.cnpq.br/4699721128800681
Primeiro orientador: Lima, Luiz Augusto de Paula
Primeiro membro da banca: Silva, João Batista Soares da
Segundo membro da banca: Nogueira, Francisco Dias
Palavras-chave: Soja
Nutriente
Crescimento
Absorção (Fisiologia)
Fertilizante mineral
Data da publicação: 5-Jun-2017
Referência: MORAES, E. A. Concentração, acumulação de P, K. Ca e Mg e crescimento da soja(Glycine max (L.) Merrill) em diferentes estadios de desenvolvimento. 1983. 139 p. Dissertação (Mestrado em Agronomia/Fitotecnia)-Escola Superior de Agricultura de Lavras, Lavras, 1983.
Resumo: Este trabalho foi. realizado com o objetivo de se estudar a concentração, acumulação de P, K, Ca e Mg e crescimento da planta nas suas diversas partes, em vários estádios de desenvol vimento das cultivares de soja UFV-1 e UFV-4. 0 experimento foi conduzido na Escola Superior de Agricultura de Lavras, no municí pio de Lavras-Minas Gerais, a princípio em casa de vegetação para maior facilidade da emergência e estabelecimento da planta, para 35 dias após, ser exposto ao ar livre, utilizando-se um Latossolo Roxo Distrofico, textura argilosa, no período de dezembro de 1981 a maio de 1982. 0 delineamento experimental foi o dê blocos casualizados em esquema fatorial 2x7, com quatro repetições. Os tratamentos compreenderam 2 cultivares submetidas a 7 épocas de amostragens (20, 40, 60, 80, 100, 120 e 140 dias apôs a germinação), efetuadas com número/variável de plantas. Nestas amostras foram avalia dos o peso verde da planta, produção de matéria seca e os teores de P, K, Ca é Mg. Os resultados evidenciaram que as quantidades, máximas de peso verde para as cultivares UFV-1 e UFV-4, ocorreram respecti vamente aos 100 e 103 dias, e as de matéria seca, aos 107 e 114 dias, enquanto que as curvas das quantidades de P, K, Ca e Mg na matéria seca apresentaram modelo similar às curvas de produ - ção da matéria seca das diferentes partes da planta. As concentrações de P, K, Ca e Mg variaram em função dos estádios de desenvolvimento da planta. Destes nutrientes, houve maior concentração de Ca nas folhas e de Mg nas partes vegetativas da planta, com decréscimo das quantidades acumuladas no fi nal do ciclo. Em geral, os teores de P dos grãos são superiores aos encontrados nas demais partes da planta, enquanto que os teo res de K, Ca e Mg são maiores na parte aérea vegetativa e nas raízes. Em relação às cultivares testadas, verifica-se que a UFV4. apresentou quantidades mais elevadas de P, K, Ca e Mg do que a UFV-4 ao atingir o crescimento máximo da planta. A UFV-1 e UFV-4 atingiram acumulações máximas de nutrientes nas seguintes épocas, em dias :P (88), K (82-86), Ca (108-116) e Mg (90-92), enquanto as quantidades máximas acumuladas encontravam-se nos seguintes li mites, em mg/planta: P (4,49 - 5,53), K (30,56-43,05), Ca (57,46 -59,53) e Mg (4,29-4,90). Já ao final do ciclo da planta, o acu mulo de nutrientes nas cultivares UFV-1 e UFV-4, obedeceu à se guinte- ordem : K> Ca> P> Mg.
Abstract: This work was performed with the objective of studying the concentration^accumulation of P, K, Ca and Mg and plant grow th in various parts of the soybeans UFV-1 and UFV-4 cultivars , at diverse stages of development. The experimental work was conducted at Escola Superior de Agricultura de Lavras, Minas Gerais State, Brazil, at the beginning in greenhouse seeking better conditions for emergence, and 35 days after that it was exposed to the natural conditions, using samples of a very clayey Dusky Red Latosol (Typic Acrorthox) , from Deceiaber 1981 to May 1982. It was a completely randomiz ed blocks in a factorial design 2x7 with four replications .The various treatments in cluded two cultivars submit ed to seven periods of sampling (20, 40, 60, 80, 100, 120 e 140 days after germination) , using a variable number of plants . In these plants the fresh weight of the plant, dry matter production and the amounts of P, K, Ca and Mg weie evaluat ed . The results evidenced that themaximum amounts of fresh weight for the UFV-1 and UFV-4 cultivars respectively ocurred at 100 and 103 days, and the ones of dry matter, at 107 and 114 days,whereas the curves of the amounts of P, K, Ca and Mg in dry matter revealed a similar model to the those of dry matter production of diff erent parts of plant . The P, K, Ca and Mg concentrations vari ed as a function of development st ages of plant . Ca was more concentrai ed in the leaves and Mg in th e veg etative parts of plant, with decrea se of the amounts accumulated at the end of the growing season In general, the ouantities cf P in the grains are higher than those found in the other parts of plant, whiüe the K, Ca and Mg amounts are higher in the shoots and roots . In order to reach the maximum growth of the plant, the UFV-1 presented higher amounts of P, K, Ca and Mg than did UFV-4 . Both cultivars had maximum accumulation of nutrients at the following growing stages (days): P (88) ,K (82-86), Ca(108 - 116) and Mg (90-92), whereas maximum accumulated quantities were at the following limits (mg/plant) : P (4,49-5,53), K(30 , 56-43,0 5), Ca (57,46 - 59,53) and Mg (4,29 - 4,90). At the end of the grow ing season, th* accumulation of nutri erts in the UFV-1 and UFV-4 cultivars, was in the following order : K>Ca>P>Mg.
metadata.teses.dc.description: Esta dissertação/tese está disponível online com base na Resolução CEPE nº 090, de 24 de março de 2015, disponível em http://www.biblioteca.ufla.br/wordpress/wp-content/uploads/res090-2015.pdf, que dispõe sobre a disponibilização da coleção retrospectiva de teses e dissertações online no Repositório Institucional da UFLA, sem autorização prévia dos autores. Parágrafo Único. Caberá ao autor ou orientador a solicitação de restrição quanto à divulgação de teses e dissertações com pedidos de patente ou qualquer embargo similar. Art. 5º A obra depositada no RIUFLA que tenha direitos autorais externos à Universidade Federal de Lavras poderá ser removida mediante solicitação por escrito, exclusivamente do autor, encaminhada à Comissão Técnica da Biblioteca Universitária./ Arquivo gerado por meio da digitalização de material impresso. Alguns caracteres podem ter sido reconhecidos erroneamente.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13144
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções:DAG - Agronomia/Fitotecnia - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.