Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DEN - Departamento de Entomologia >
DEN - Programa de Pós-graduação >
DEN - Entomologia - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13271

Título: Defesas direta e indireta contra Tetranychus urticae Koch, 1836 (Acari: Tetranychidae) em tomateiros tratados com indutores
Título Alternativo: Direct and indirect defenses against Tetranychus urticae Koch, 1836 (Acari: Tetranychidae) in tomato plants treated with inductors
Autor(es): Silveira, Érika Carla da
Lattes: http://lattes.cnpq.br/7890600100589937
Orientador: Reis, Paulo Rebelles
Coorientador: Peñaflor, Maria Fernanda Gomes Villalba
Coorientador: Piaggio, Martín Francisco Pareja
Membro da banca: Fadini, Marcos Antonio Matiello
Membro da banca: Souza, Bruno Henrique Sardinha de
Membro da banca: Zacarias, Mauricio Sergio
Membro da banca: Kersch-Becker, Monica F.
Assunto: Jasmonato de metila
Salicilato de metila
Ácaro-rajado
Antiácaros
Ácaros - Resistência induzida
Fitohormônios
Methyl jasmonate
Methyl salicylate
Twospotted spider mite
Phytohormones
Mites - Induced resistance
Data de Defesa: 28-Abr-2017
Data de publicação: 26-Jun-2017
Agência de Fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: SILVEIRA, E. C. da. Defesas direta e indireta contra Tetranychus urticae Koch, 1836 (Acari: Tetranychidae) em tomateiros tratados com indutores. 2017. 75 p. Tese (Doutorado em Entomologia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2017.
Resumo: Os fitohormônios, ácido jasmônico (AJ) e ácido salicílico (AS), têm papel importante na regulação de respostas de defesa das plantas contra o ataque de herbívoros. Eles se mostram eficazes na potencialização das respostas defensivas induzidas das plantas. Aumentam a expressão de genes relacionados à produção de compostos tóxicos e à emissão de compostos orgânicos voláteis atraentes aos inimigos naturais dos herbívoros. No presente estudo, foi investigada a preferência hospedeira e o desempenho do ácaro-rajado Tetranychus urticae Koch (Acari: Tetranychidae) às plantas de tomate (Solanum lycopersicum L., Solanaceae) infestadas por herbívoros coespecíficos e/ou lagartas da traça Tuta absoluta (Meyrick) (Lepidoptera: Gelechiidae) e a indução de resistência direta e indireta ao ácaro-rajado, T. urticae, via aplicação exógena de jasmonato de metila (MeJA) e/ou salicilato de metila (MeSA) em tomateiro. Em ensaios com chance de escolha, fêmeas do ácaro-rajado preferiram ovipositar em plantas infestadas por T. absoluta em relação as plantas não infestadas ou infestadas com coespecíficos. Em testes sem chance de escolha, as fêmeas depositaram maior número de ovos tanto nas plantas infestadas por T. absoluta quanto pelos coespecíficos em comparação com as plantas não infestadas. Porém, o ácaro-rajado teve um desempenho superior, medido em termos de número de imaturos, somente em plantas infestadas pelos coespecíficos. Em ensaios de olfatometria, o comportamento olfativo do ácaro não explicou a preferência hospedeira para oviposição, pois as fêmeas não discriminaram os voláteis das plantas dos diferentes tratamentos. Quanto a aplicação dos indutores, ensaios comportamentais em casa de vegetação mostraram que o número de ovos e adultos do ácarorajado foi menor em plantas tratadas com MeJA e MeJA/MeSA em relação ao controle (Tween). Já em relação aos imaturos do ácaro-rajado, os números foram inferiores em plantas tratadas com os indutores comparado com o controle. Em relação às defesas indiretas, medidas em termos de atração do ácaro predador Phytoseiulus macropilis (Banks) (Acari: Phytoseiidae), as fêmeas do predador foram recapturadas em maior número nas plantas tratadas com MeSA em relação aos demais tratamentos. As fêmeas do predador também depositaram maior número de ovos nas plantas tratadas com MeSA em relação a MeJA/MeSA. A aplicação dos indutores reduziu as concentrações de fenóis totais nas plantas de tomates tratadas em relação ao controle na primeira coleta, porém, na segunda coleta houve redução somente nas plantas tratadas com MeJA. Em relação a lignina, na primeira coleta houve redução nas plantas tratadas com os indutores em relação ao Tween, entretanto na segunda coleta não houve diferença entre os tratamentos. Assim, este estudo mostrou que a seleção hospedeira por T. urticae para oviposição não está associada ao melhor desempenho da prole e que a infestação de T. urticae induz suscetibilidade aos coespecíficos. Os resultados ainda sugerem que pistas químicas não voláteis sejam responsáveis pela seleção hospedeira de T. urticae para plantas de tomate infestadas pelos coespecíficos e/ou T. absoluta. Os resultados, também, indicam que MeJA promoveu a resistência direta da planta de tomate contra T. urticae, ao passo que a resistência indireta foi induzida somente pela aplicação isolada de MeSA.
Abstract: The jasmonic acid (JA) and salicylic acid (SA) play an important role in the regulation of plant defense responses against herbivorous attack. It has been shown that JA and SA are effective in potentiating the induced defensive responses of plants. They increase the expression of genes related to the production of toxic compounds and the emission of volatile organic compounds attractive to the natural enemies of herbivores. In the present study, it was investigated the host preference and the performance of Tetranychus urticae Koch (Acari: Tetranychidae) on tomato plants (Solanum lycopersicum L., Solanaceae) infested by cospecific herbivores and/or Tuta absoluta (Meyrick) (Lepidoptera: Gelechiidae) and also, the induction of direct and indirect resistance to T. urticae, via exogenous application of methyl jasmonate (MeJA) and / or methyl salicylate (MeSA) in tomato. In test with chance of choice, the T. urticae females preferred to oviposit in plants infested by T. absoluta in relation to noninfested or infested plants with co-specific. In test with no chance of choice, the females deposited a larger number of eggs in plants infested by T. absoluta as well as by the coespecific ones in compare with as non-infested plants. However, the spider mite had a superior performance, measured in terms of the number of immature, only in plants infested by the co-specifics. In olfactometry tests, the olfactory behavior of the mite did not explain the host preference for oviposition, since females did not discriminate the volatiles of plants in the different treatments. As for the application of the inducers, behavioral tests in a greenhouse showed that the number of eggs and adults of the spider mite was smaller in plants treated with MeJA and MeJA/MeSA in comparison to the control (Tween). Regarding the immature of the spider mite, the numbers were lower in treated plants with the inductor when compared to control. In relation to the indirect defenses, measured in terms of predator mite Phytoseiulus macropilis (Banks) (Acari: Phytoseiidae) attraction, the predator females were recaptured in a greater number in plants treated with MeSA in comparison to the other treatments. The predator females also deposited a larger number of eggs in plants treated with MeSA in relation to those treated with MeJA/MeSA. The application of the inducers reduced the concentration of total phenols in treated tomato plants when compared to control in the first collect, in spite of this, in the second collect there was a reduction only in plants treated with MeJA. About the lignin, in the first collect there was a reduction in plants treated with the inductors in relation to Tween, however, in the second collect there was not any difference between treatments. Thereby, this study has shown that a host selection by T. Urticae for oviposition it is not associated with improved offspring performance, and, also showed that infestation of T. Urticae induces susceptibility to the co-specifics. As well, the results suggest that non- volatile chemical tracks are responsible for host selection of T. urticae for tomato plants infested with co- specifics and/or T. absoluta. The results also indicates that MeJA promoted direct resistance of the tomato plant against T. urticae while the indirect resistence was induced only by the isolated application of MeSA.
Informações adicionais: Arquivo retido, a pedido da autora, até junho de 2018.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13271
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções: DEN - Entomologia - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback