Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13350
Título : Seleção de clones de batata com resistência múltipla à pinta preta e aos vírus X e Y
Título(s) alternativo(s): Selection of potato clones for multiple resistances to early blight, PVY and PVX
Autor: Neder, Diogo Gonçalves
Pinto, César Augusto Brasil Pereira
Melo, Dheyne Silva
Lepre, Andre Luiz
Peixouto, Leandro dos Santos
Palavras-chave: Avaliação agronômica
Marcadores moleculares
Resistência genética
Batata - Melhoramento genético
Batata - Resistência à virus
Agronomic evaluation
Molecular markers
Genetic resistance
Potato - Genetic improvement
Potato - Resistance to virus
Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Data da publicação: Ago-2010
Referência: NEDER, D. G. et al. Seleção de clones de batata com resistência múltipla à pinta preta e aos vírus X e Y. Ciência Rural, Santa Maria, v. 40, n. 8, p. 1702-1708, ago. 2010.
Resumo : O objetivo do presente trabalho foi selecionar clones de batata com elevado desempenho agronômico e resistência à pinta preta e aos vírus X e Y. Para tanto, foram realizados 57 cruzamentos entre clones portadores dos alelos Ryadg e Rx1, e a cultivar 'Chiquita', resistente à pinta preta (Alternaria solani). Na safra das águas de 2004, 57 famílias clonais foram avaliadas em campo e 331 clones selecionados considerando a aparência de tubérculos. Desse total de clones, avaliados em mais dois experimentos no verão de 2005, 180 foram selecionados por meio do marcador SCAR RYSC3 como portadores do alelo Ryadg,. Também foram realizadas uma avaliação de desempenho agronômico na safra de inverno de 2006 e uma avaliação de resistência à pinta preta nas safras de verão de 2007 e 2008. Paralelamente, foi utilizado um marcador CAPS visando à seleção de clones portadores do gene Rx1. Dessa forma, combinando os resultados dos marcadores moleculares com os de campo, agrupados via índices de seleção, foi possível selecionar 20 clones de alto desempenho agronômico, resistentes à pinta preta e portadores do alelo Ryadg. Devido a problemas apresentados pelo marcador CAPS, apenas sete destes foram analisados e um identificado como portador do alelo Rx1.
Abstract: The purpose of this study was to select potato clones with high agronomic performance and resistant to early blight, Potato Virus Y (PVY) and Potato Virus X (PVX). Crossings were done among progenitors carrying the Ryadg and Rx1 alleles for resistance to PVY and PVX and the cultivar 'Chiquita', which presents high levels of resistance to early blight (Alternaria solani). In the rainy season of 2004, 57 clonal families were evaluated in the field and 331 clones were selected based on tuber appearance. These clones were field evaluated in two trials in the rainy season of 2005 and 180 clones were selected for Ryadg allele with the SCAR marker designed RYSC3. Another agronomic evaluation was done in the winter season of 2006 and early blight was evaluated in the rainy seasons of 2007 and 2008. Simultaneously a CAPS marker was used to select for the presence of Rx1 allele. Combining the results from these experiments we were able to select 20 clones presenting high agronomic performance, resistance to early blight and carrying the Ryadg allele. The use of CAPS marker has practical difficulties due to production of poor amplification products to be digested with the DdeI enzyme and should be changed for another marker which shows more efficiency.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13350
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DBI - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_Seleção de clones de batata com resistência múltipla à pinta preta e aos vírus X e Y.pdf127,57 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons