Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAE - Departamento de Administração e Economia >
DAE - Artigos publicados em periódicos >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13382

Título: Repercussões socioeconômicas do curso piloto de administração da UAB na visão de egressos e coordenadores
Título Alternativo: Socioeconomic repercussions of the pilot course on administration by UAB as seen by its graduates and coordinators
Autor(es): Ferrugini, Lílian
Castro, Cleber Carvalho de
Assunto: Educação à distância
Universidade Aberta do Brasil
Curso piloto de administração
Repercussões socioeconômicas
Administração - Ensino superior
Remote/online education
Open University of Brazil
Pilot course on administration
Socioeconomic repercussions
Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Data de publicação: Out-2015
Referência: FERRUGINI, L.; CASTRO, C. C. de. Repercussões socioeconômicas do curso piloto de administração da UAB na visão de egressos e coordenadores. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 41, n. 4, p. 993-1008, out./dez. 2015.
Resumo: O objetivo deste estudo foi identificar os fatores que levaram os egressos a fazer o curso piloto de administração à distância da Universidade Aberta do Brasil (UAB), os possíveis benefícios socioeconômicos e dificuldades percebidas por eles e pelos coordenadores. A coleta de dados deu-se em duas etapas. A primeira foi quantitativa de cunho descritivo-exploratório, feita a partir de um survey aplicado aos egressos do curso. Para essa etapa, realizou-se a análise descritiva e multivariada (análise de cluster) dos dados. A segunda etapa foi qualitativa descritivo-exploratória, em que foram entrevistados coordenadores do curso, buscando identificar suas impressões acerca do curso e as possíveis dificuldades e benefícios que ele proporcionou para seus egressos. No total, 332 egressos responderam à pesquisa. Identificou-se que os fatores que mais influenciaram a realização do curso foram flexibilidade da educação à distância e a gratuidade do curso. Os benefícios sociais como maior capacidade de argumentação, aumento da autoconfiança, dentre outros, superaram os benefícios econômicos como aumento da renda e mudança de emprego. As principais dificuldades apontadas foram: falta de tempo para realizar as atividades do curso e dificuldade em aprender sozinho. Para os coordenadores, os benefícios sociais conseguidos pelos egressos também superaram os benefícios econômicos. Contudo, houve percepções opostas entre a visão dos egressos e dos coordenadores. Concluiu-se que o curso piloto tornou-se o marco para muitas Instituições Públicas de Ensino Superior (IPES) expandirem a oferta de cursos à distância, ao passo que conseguiu proporcionar educação superior para pessoas que não teriam condições nos moldes tradicionais.
Abstract: The purpose of this research was to identify the factors that led former students to take the pilot online course on Administration delivered by the Open University of Brazil (UAB), the virtual socioeconomic benefits and the difficulties that were perceived by them and by the course coordinators. Data collection took place in two phases. The first step was quantitative and of a descriptive/ exploratory nature, conducted with a survey applied to graduates. In this phase, a descriptive and multi-varied analysis was performed (cluster analysis) on the data acquired. The second phase was qualitative and also of descriptive/exploratory nature, during which the course coordinators were interviewed, in an attempt to identify their impressions about the course and any difficulties and benefits that it had provided the former students with. In total, 332 graduates responded to the study. We are able to find that the factors that mostly drew students to course were the flexibility allowed by the online education and the fact that the course was free of charge. The social benefits, including greater capacity of argumentation and increased self-confidence, exceeded the economic benefits such as increased income and a change of job. The major difficulties indicated were: lack of time to perform the course activities and difficulty to learn on one´s own. For the course coordinators, the social benefits achieved by former students also exceeded the economic advantages. However, there were contrary perceptions between the view of graduates and course coordinators. Conclusion was that the pilot course became a landmark to several public institutions of higher education so that they could expand the offering of online courses, while it managed to provide higher education to people who would not stand a chance in the traditional ways.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13382
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DAE - Artigos publicados em periódicos

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
ARTIGO_Repercussões socioeconômicas do curso piloto de administração da UAB na visão de egressos e coordenadores.pdf178,62 kBAdobe PDFVer/abrir

Este item está licenciado com Licença Creative Commons
Creative Commons

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback