Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13478
Title: Uso de polímero hidrorretentor na implantação de cafeeiros
Other Titles: Use of water retention polymers during implementation of coffee plantations
Authors: Pieve, Leonardo Miari
Guimarães, Rubens José
Assis, Gleice Aparecida
Silva Amato, Gabriel Augusto
Corrêa, Juliano Miari
Keywords: Cafeicultura
Café - Plantio
Coffee - Planting
Café - Crescimento
Coffee - Growth
Issue Date: 1-Aug-2017
Citation: PIEVE, L. M. et al. Uso de polímero hidrorretentor na implantação de cafeeiros. Coffee Science, Lavras, v. 8, n. 3, p. 314-323, jul./set. 2013.
Description: A utilização de polímeros hidrorretentores pode ser uma opção para a garantia de disponibilidade de água na fase de implantação de cafeeiros. O experimento foi conduzido na Fazenda Capão dos Óleos, município de Coqueiral, Minas Gerais, no período de 2009 a 2011. Objetivou-se, no presente trabalho, avaliar os efeitos da aplicação do polímero hidrorretentor, previamente hidratado, no crescimento de plantas de cafeeiro na fase de implantação da cultura no campo. Foi utilizado o delineamento em blocos casualizados, no esquema fatorial 4x3x2 mais um tratamento adicional, com quatro repetições, perfazendo um total de 25 tratamentos e 100 parcelas. Os tratamentos foram constituídos de quatro doses, três volumes e dois locais de aplicação do polímero hidrorretentor, além de um tratamento adicional, como testemunha, sem a utilização do hidrogel. As avaliações de crescimento foram realizadas em fevereiro de 2010 e fevereiro de 2011. A melhor forma de aplicação do polímero foi na cova de plantio no volume de 1,5 litros da solução composta por 1,5 quilos do polímero hidrorretentor diluídos em 400 litros de água. Após 476 dias da implantação da lavoura, não houve efeito do polímero hidrorretentor com aplicação em dose única no plantio, no crescimento dos cafeeiros, abrindo-se a discussão de possível viabilidade de reaplicação do polímero hidrorretentor, após a implantação da lavoura.
The use of water retention polymers may be an option for ensuring water availability during the implementation phase of the coffee plantation. The experiment was conducted at Capao dos Oleos, Coqueiral municipality, Minas Gerais, in the period from 2009 to 2011. The aim of this study was to evaluate the effects of the water-retaining polymer which was previously hydrated for a better water supply, seeking to improve the survival and growth of coffee plants during the implementation phase of the culture in the field. A randomized block design was used in a factorial 4x3x2 was used with an additional treatment with four replications, totaling 25 treatments and 100 plots. Treatments consisted of four doses, three volumes and two areasof application of water retention polymers, plus an additional treatment as a control without the use of hydrogel. Growth evaluations were conducted in February 2010 and February 2011. The best form of application of the polymer was in the planting hole at the volume of 1.5 liters of solution composed of 1.5 kg of polymer diluted in 400 liters of water. After 476 days of the crop implementation there was no effect of the polymer application with a single dose on growth and survival of trees, opening up the discussion of possible viability of the reapplication of water retention polymers after crop implementation.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/13478
Other Identifiers: http://www.coffeescience.ufla.br/index.php/Coffeescience/article/view/450
Appears in Collections:Coffee Science
DEG - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_Uso de polímero hidrorretentor na implantação de cafeeiros.pdf798,69 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons