Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAG - Departamento de Agricultura >
DAG - Artigos publicados em periódicos >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1452

Título: Potencial alelopático de 2 –benzoxazolinona (BOA) e sua interação com atrazine no crescimento de plantas
Título Alternativo: Allelopathic potential of 2-benzoxazolinone (BOA) and its interactions with atrazine on plant growth
Autor(es): Souza, Itamar F.
Einhellig, Frank A.
Assunto: Ácido hidroxâmico
Alelopatia
Lentilha dágua
Lemna minor
Hydroxamic acid
Allelopathy
Duckweed
Lemna minor
Publicador: Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas
Data de publicação: 1994
Referência: SOUZA, I. F.; EINHELLIG, F. A. Potencial alelopático de 2 –benzoxazolinona (BOA) e sua interação com atrazine no crescimento de plantas. Planta Daninha, Viçosa, MG, v. 12, n. 2, p. 84-86, 1994.
Resumo: Dois experimentos de laboratório foram conduzidos na Universidade de South Dakota, Vermillion, SD, EUA, em 1990, para determinar os efeitos do ácido hidroxâmico benzoxazolinona (BOA), do herbicida atrazine e de suas misturas sobre o crescimento e teor de clorofila de lentilha dágua (Lemna minor). BOA na concentração de 0,5 mM foi aplicado em combinação com atrazine a 0,001 e 0,005 mM em caixas plásticas com 24 células de 2,5 ml, contendo 3 frondes de lentilha dágua em solução nutritiva. BOA e atrazine, aplicados isoladamente, inibiram o número, o peso seco e o teor de clorofila. Atrazine apresentou uma maior ação inibitória que BOA. A combinação BOA (0,05 mM) e atrazine à 0,001 mM foi antagonística. A inibição induzida pelo atrazine a 0,001 mM foi, em parte, neutraliza da, porém, com a dose 0,005 mM a sua ação inibitória não foi alterada.
Abstract: Two laboratoy experiments were carried out at the University of South Dakota, Vermillion, SD, USA, in 1990, to determine the effects of hydroxamic acid benzoxazolinone (BOA), the herbicide atrazine, and a mixture thereof on duckweed growth and its chlorophyll content. BOA at 0.5 mM concentration was applied in combination with atrazine at 0.001 and 0.005 mM in a 2.5 ml cell tissue cluster dish containing three fronds of duckweed in nutrient solution. Single applications of BOA and atrazine inhibited duckweed frond number, frond dry weight, and its chlorophyll content. Atrazine showed stronger inhibition effect than BOA. The combination BOA and atrazine at 0.001 mM was antagonistic where the inhibition induced by the herbicide was counteracted. Unlike atrazine at 0.001 mM, BOA added to atrazine at 0,005 mM did not counteract the inhibition caused by the herbicide.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1452
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DAG - Artigos publicados em periódicos

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
ARTIGO_Potencial alelopático.pdf167,3 kBAdobe PDFVer/abrir

Este item está licenciado com Licença Creative Commons
Creative Commons

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback