Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DFP - Departamento de Fitopatologia >
DFP - Artigos publicados em periódicos >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1457

Título: Identificação biológica e molecular de vírus detectados em espécies de cucurbitáceas provenientes do Estado do Tocantins
Título Alternativo: Molecular biological identification of detected viruses in cucurbit species from the State of Tocantins
Autor(es): Alencar, Nara Edreira
Figueira, Antônia dos Reis
Almeida, João Eduardo Melo de
Lucas, Maurício Antônio
Santos, Luniara Bastos dos
Nascimento, Ildon Rodrigues do
Assunto: Vírus do mosaico amarelo
DASELISA
RT-PCR
Zucchini yellow mosaic virus
Publicador: Universidade Federal do Tocantins
Data de publicação: 2012
Referência: ALENCAR, N. E. et al. Identificação biológica e molecular de vírus detectados em espécies de cucurbitáceas provenientes do Estado do Tocantins. Journal of Biotechnology and Biodiversity, [S.l.], v. 3, n. 1, p. 32-37, Fev. 2012.
Resumo: As cucurbitáceas podem ser afetadas por várias doenças, dentre elas as viróticas, as quais podem provocar perdas de até 100% da produção. Devido às condições climáticas, serem favoráveis a ocorrência de viroses, o estado do Tocantins tem apresentado grande incidência dessas doenças no campo. Este trabalho foi realizado com a finalidade de identificar sorológica e molecularmente 25 isolados de abóbora e melancia coletados em diversos municípios do estado que apresentavam sintomas característicos de viroses. Catorze dos 25 isolados estudados, ou seja, 56%, foram identificados como Squash mosaic virus (SqMV), tendo sete deles sido provenientes de abóbora ‘Caserta’ e sete de melancia. Os demais isolados foram identificados como Zucchini yellow mosaic virus (ZYMV). Ao contrário do que ocorre em outras regiões brasileiras, o SqMV foi o vírus com maior incidência nas amostras coletadas em Tocantins, indicando a sua importância para a região.
Abstract: Cucurbit crops may be affected by several virus diseases, which might cause up to 100% of yield losses. Due to its environmental conditions, favorable to the emergence of viruses, the state of Tocantins has shown a high incidence of virus diseases in the field. The main objective of this study was to identify and characterize, serological. Biological and molecularly, 25 virus isolates from pumpkin and watermelon collected in some regions of this state showing characteristic symptoms of viruses. Fourteen (56%) of the 25 isolates studied, were identified as Squash mosaic virus (SqMV). Seven of them were detected in Caserta squash and another seven in watermelon. The remaining isolates were identified as Zucchini yellow mosaic virus (ZYMV). SqMV showed higher incidence when compared to the other Brazilian States, where it normally either have not been detected or detected in very low incidence. It shows the importance of SqMV for Tocantins region.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1457
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DFP - Artigos publicados em periódicos

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
ARTIGO_Identificação biológica e molecular de vírus.pdf306,65 kBAdobe PDFVer/abrir

Este item está licenciado com Licença Creative Commons
Creative Commons

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback