Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1493
Título: Nutrição e desenvolvimento do trigo em função de doses de Mn e Cu e efeitos residuais para a soja
Título(s) alternativo(s): Effect of different doses of Mn and Cu on the nutrition and development of wheat and evaluation of the residual effects for soybeans
Autor : Pereira, Núbia Micheli Zavaglia
Primeiro orientador: Carvalho, Janice Guedes de
Primeiro membro da banca: Resende, Álvaro Vilela de
Carvalho, Ruy
Silva, Carlos Alberto
Bastos, Ana Rosa Ribeiro
Área de concentração: Ciência do Solo
Palavras-chave: Micronutriente
Translocação
Toxidez
Micronutrient
Translocation
Toxicity
Data da publicação: 2013
Agência(s) de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: PEREIRA, N. M. Z. Nutrição e desenvolvimento do trigo em função de doses de Mn e Cu e efeitos residuais para a soja. 2010. 101 p. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2010.
Resumo: Os trabalhos sobre disponibilidade de nutrientes, particularmente micronutrientes, em solos têm apresentado resultados discordantes. O objetivo geral deste trabalho foi: a) verificar a composição mineral do trigo e da soja (efeito residual) em relação à disponibilidade de manganês e de cobre em diferentes doses; b) quantificar o manganês e cobre disponíveis em solo pelo método Mehlich-1. O experimento foi conduzido em casa de vegetação. O solo utilizando foi um Latossolo Vermelho-Amarelo. As doses de Mn foram: 0,0; 1,5; 3,0 e 6,0 mg dm-3; e as doses de Cu foram: 0,0; 0,75; 1,5 e 3,0 mg dm-3, aplicadas antes do cultivo do trigo. Determinou-se o teor de todos os macronutrientes e micronutrientes. Foi avaliado o efeito das doses de Mn e Cu sobre a produção de grãos de trigo. A concentração de Mn e Cu extraível das amostras de solo foi determinada pelo método Mehlich-1. Na primeira pesquisa durante todo o desenvolvimento do trigo ocorreram sintomas de toxidez de Mn. O Mn apresentou remobilização dos tecidos mais velhos para os mais novos. O Cu foi pouco redistribuído para a casca e o grão de trigo. Os teores de Mn e de Cu no solo extraídos pelo Mehlich-1 ficaram acima do nível crítico, após o cultivo do trigo. Na segunda pesquisa o Mn apresentou remobilização dos tecidos mais velhos para os mais novos. Os teores de Mn nas folhas da soja ficaram acima da faixa de suficiência. Os teores de Cu nas folhas da soja ficaram abaixo da faixa de suficiência. Ocorreu maior acúmulo de Mn e de Cu nas folhas em relação ao caule da soja. Os teores de Mn residual no solo ficaram abaixo do nível crítico, enquanto que, os teores de Cu residuais ficaram acima do nível crítico.
Work on the availability of nutriens, particulary micronutrients in solis have shown conflicting results. Objective: a) to determine the mineral composition of wheat and soybeans (residual effect) submitted to different doses of manganese end copper; b) to quantify the amount of manganese and copper available in the soil through the Mehlich-1 method. Oxisol soil was used for cultivation. Mn doses were: 0.0; 1.5; 3.0 and 6.0 mg dm-3; Cu doses were: 0.0; 0.75; 1.5 and 3.0 mg dm-3. These doses were applied before wheat was cultivated. Macronutrient and micronutrient contents were determined. The effect of the different doses of Mn and Cu on the production of wheat grains was evaluated. The concentration of Mn and Cu in the soil samples was determined through the Mehlich-1 method. The experiment was conducted in a greenhouse. In the first evaluation, during the wheat development phase, Mn toxicity symptoms were noticed. Mn presented remobilization from the older tissues to the younger. There was a small Cu redistribution to wheat husks and grains. Mn and Cu contents in the soil extracted through Mehlich-1 were above critical level, after wheat cultivation. In the second evaluation, Mn presented remobilization from the older to the younger tissues. Mn contents in the soybean leaves were above the sufficiency level. Cu contents in the soybean leaves were below the sufficiency level. There was a larger deposition of Mn and Cu in the soybean leaves than in the stems. Residual Mn contents in the soil were below critical level, whereas residual Cu contents were above critical level.
metadata.teses.dc.description: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo, área de concentração em Fertilidade do Solo e Nutrição de Planta, para a obtenção do título de Doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1493
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DCS - Ciência do Solo - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE Nutrição e desenvolvimento do trigo em função de doses de Mn e Cu e efeitos residuais para a soja.pdf247,47 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.