Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DMV - Departamento de Medicina Veterinária >
DMV - Programa de Pós-graduação >
DMV - Ciências Veterinárias - Mestrado (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1528

Title: Diluidores e volumes de sêmen destinados à inseminação artificial intra-uterina em suínos.
Other Titles: Diluents and semen volumes destined for swine intrauterine artificial insemination.
???metadata.dc.creator???: Alvarenga, Ana Luísa Neves
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Murgas, Luis David Solis
???metadata.dc.contributor.referee1???: Zangerônimo, Márcio Gilberto
Lima, José Augusto de Freitas
Almeida, Fernanda Radicchi Campos Lobato de
???metadata.dc.description.concentration???: Fisiopatologia e Biotecnologia da Reprodução
Keywords: Reprodução
Androstar
BTS
Doses inseminantes
Merck
Porcas
Reproduction
Semen dosis
Sows
???metadata.dc.date.submitted???: 2008
Issue Date: 2013
Citation: ALVARENGA, A. L. N. Diluidores e volumes de sêmen destinados à inseminação artificial intra-uterina em suínos. 2008. 71 p. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2008.
???metadata.dc.description.resumo???: Dois experimentos foram conduzidos com o objetivo de avaliar as características espermáticas de diferentes volumes de sêmen suíno, conservados em diferentes diluentes e analisar o desempenho reprodutivo de fêmeas suínas, em condições comerciais, após a inseminação artificial intra-uterina. No experimento 1, foram utilizados 12 ejaculados de 3 reprodutores suínos, diluídos em partes iguais, com os diluentes Androstar, BTS e Merck III nos volumes de 15, 20, 25 e 30 mL. As doses inseminantes, contendo 1,5 bilhão de espermatozóides cada, foram incubadas em geladeira, a 15ºC e avaliadas com relação à motilidade e ao vigor espermáticos, e teste de termorresistência no dia da coleta e nos tempos 24 e 48 horas após a coleta. A morfologia, o teste de resistência osmótica (TRO) e o teste de viabilidade espermática (porcentagem de espermatozóides vivos) foram realizados no dia da coleta e no tempo de 48 horas. Não foram observadas influências dos diluentes sobre a motilidade e vigor espermáticos após a diluição (0h). Às 24 horas, as amostras de sêmen diluídas em Androstar e BTS apresentaram motilidades semelhantes, porém, melhores em relação às amostras diluídas em Merck III (P<0,05). Quarenta e oito horas após a coleta, o Androstar foi o diluente que apresentou os maiores valores de motilidade (P<0,05). Com relação às demais variáveis, não foram encontradas diferenças entre os diluentes e os volumes inseminantes testados (P>0,05). Dessa forma, o Androstar preserva a qualidade do sêmen até 48 horas após a coleta e o BTS e o Merck III, até 24 horas, nos volumes de doses inseminantes entre 15 e 30 mL com 1,5 bilhão de espermatozóides. Para avaliação da fertilidade, 72 fêmeas suínas (ordem de parto de 2 a 5) foram inseminadas pela técnica de inseminação artificial intra-uterina. As doses inseminantes foram preparadas com os mesmos diluentes utilizados no experimento 1 (Androstar, BTS e Merck III), porém, utilizando-se somente os volumes de 15 e 30 mL. Foram analisados a taxa de parto, o índice de retorno ao estro, o número total de leitões nascidos, o número de leitões nascidos vivos, mumificados e natimortos e o peso da leitegada ao nascimento. Não foram observadas diferenças entre as taxas de parto e as taxas de retorno ao estro das fêmeas inseminadas (P>0,05). O percentual de fêmeas paridas variou de 75,00% a 91,70%. As maiores médias de número total de leitões nascidos, nascidos vivos e peso de leitegada ao nascimento foram de fêmeas inseminadas com doses diluídas em BTS e Merck III (P<0,05). Não houve diferenças entre os volumes inseminantes dentro dos diluentes BTS e Merck III em nenhuma das variáveis (P>0,05). Para o Androstar, o volume que proporcionou maior tamanho de leitegada e número de leitões nascidos vivos foi de 15 mL (P<0,05). Com relação ao número de natimortos e mumificados, os valores não diferiram (P>0,05) entre os diluentes e os volumes utilizados e estão dentro dos valores preconizados, tanto para natimortos quanto para mumificados. A inseminação intra-uterina de fêmeas suínas de ordem de parto dois a cinco, com doses inseminantes de 15 ou 30 mL diluídas em BTS ou Merck III, permite índices satisfatórios de desempenho reprodutivo. Em casos da utilização do diluente Androstar na inseminação intra-uterina, em detrimento dos diluentes de curta duração, recomenda-se a utilização de volume inseminante de 15 mL.
Two experiments were conducted with the objective of evaluating the spermatic characteristics of different volumes of swine semen conserved in different diluents and to analyze the reproductive performance of swine females, in commercial conditions, after the intrauterine artificial insemination. In the Experiment 1, twelve ejaculates from three boars, equally diluted in the Androstar, BTS and Merck III diluents were used to evaluate the characteristics of different semen volumes (15, 20, 25 and 30 mL) destined for intrauterine artificial insemination. The semen dosis, containing 1.5 billion spermatozoids each, were incubated in the refrigerator at 15ºC and evaluated in relation to spermatic motility and vigor, and thermoresistance test on day of the collection and 24 and 48 hours afterwards. Spermatic morphology, osmotic resistance test (ORT) and spermatic viability test (alive spermatozoids percentage) were evaluated on day of collection and on 48 hours afterwards. The influences of the diluents were not observed on spermatic motility and vigor after dilution (0h). At 24 hours, the Androstar and the BTS presented similar motilities, but these values were significantly better in relation to Merck III (P<0.05). Forty eight hours after the collection, the Androstar presented the largest motility values (P<0.05). In relation to other variables, it did not found statistical differences between the diluents and the semen volumes tested (P>0.05). In that way, the Androstar preserves the semen quality until 48 hours after the collection and, the BTS and the Merck III until 24 hours, in the volumes between 15 and 30 mL of the semen dosis with 1.5 billion of spermatozoids. For evaluation of the fertility, seventy two sows (two to five parities) were inseminated through the technique of intrauterine artificial insemination. The semen dosis were prepared with the same diluents used in the experiment 1 (Androstar, BTS and Merck III), however the used volumes were only the volumes of 15 and 30 mL. The analyzed variables were farrowing rate, indexes of return to estrus, total number of piglets born, number of piglets born alive, mummified and stillborn piglets and litter weight at birth. It was not observe differences between the farrowing rates and the indexes of return to estrus of the inseminated females (P>0.05). The percentage of females that farrowed varied from 75.00% to 91.70%. The largest averages of total number of piglets born, number of piglets born alive and litter weight at birth were of females inseminated with semen dosis diluted in BTS and Merck III (P<0.05). There were not differences among the semen volumes inside of the diluents BTS and Merck III for none of the variables (P>0.05). For Androstar, the volume that provided the largest litter size and number of piglets born alive was of 15 mL (P<0.05). In relation to the number of stillborn and mummified piglets, the values did not differ (P>0.05) between the used diluents and volumes and they are inside of the values extolled so for stillborn as to mummified. The intrauterine insemination of swine females of two to five parities, with semen dosis of 15 and 30 mL diluted in BTS or Merck III allow satisfactory indexes of reproductive performance. In cases of using the diluent Androstar for intrauterine insemination, instead of the diluents of short duration, the use of semen volume of 15 mL is recommended.
Description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, área de concentração em Fisiopatologia e Biotecnologia da Reprodução, para obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1528
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DMV - Ciências Veterinárias - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO_Diluidores e volumes de sêmen destinados à inseminação artificial intra-uterina em suínos.pdf457.93 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback