Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/15294
Título: Análise comparativa de procedimentos amostrais em um remanescente de floresta nativa no município de Lavras (MG)
Autor : Mello, José Márcio de
Lattes: http://lattes.cnpq.br/9805647108156583
Primeiro orientador: Scolforo, José Roberto Soares
Primeiro membro da banca: Botelho, Soraya Alvarenga
Segundo membro da banca: Oliveira Filho, Ary Teixeira
Palavras-chave: Inventário florestal
Floresta nativa
Procedimento de amostragem
Recurso florestal
Data da publicação: 31-Ago-2017
Referência: MELLO, J. M. de. Análise comparativa de procedimentos amostrais em um remanescente de floresta nativa no município de Lavras (MG). 1995. 88 p. Dissertação (Mestrado em Engenharia Florestal)- Universidade Federal de Lavras, Lavras, 1995.
Resumo: O presente trabalho teve como objetivos comparar os volumes obtidos através da amostragem casual simples, amostragem casual estratifícada, amostragem casual simples com parcelas de tamanhos desiguais, amostragem sistemática, amostragem sistemática com parcelas de tamanhos desiguais e amostragem sistemática com pós-estratificação para erros pré-estabelecidos de 10% em todas as amostragens e, 20% com exceção das amostragens estratificadas; verificar a eficiência dos procedimentos de amostragens casual simples e sistemática, a nível de espécie e mostrar como se define a distribuição espacial das espécies de uma floresta nativa; comparado método da Arvore Modelo e da Árvore Média Estratifícada, com a amostragem sistemática e com o parâmetro da população; e avaliar a eficiência dos seis procedimentos de amostragem para fins de descrição da estrutura fitossociológica de um remanescente de Floresta Estacionai Semidecídua .Montana. Os dados foram coletados em 126 parcelas.de 400ra2 cada, que foram unidas de cinco a cmco formando parcelas de 2.000 m2, através das quais aplicou-se os procedimentos de amostragem para estimar o volume médio do remanescente. A comparação entre os procedimentos de amostragem foi realizada através das medidas estatísticas dos procedimentos em relação ao parâmetro e do teste «,» de Student. A comparação dos parâmetros estimados da estrutura horizontal, foi feita a partir das Distâncias Euclidianas e da análise visual dos gráficos De acordo com o teste "t", exceto os procedimentos de amostragem com parcelas de tamanhos desiguais, os demais forneceram estimativas idênticas à média verdadeira para erro admissível de 10%. Com erro de 20% todos os procedimentos avaliados proporcionaram estimativas iguais à méd,a verdadeira. A nivel de espécie, para pequenas áreas de floresta nativa, tanto a amostragem casual simples quanto a sistemática, propiciaram médias iguais estatisticamente ao parâmetro da população. A obtenção de precisão inferior a15% só foi possível com a realização do censo na população. Verificou-se que a precisão se correlaciona positivamente com ocusto do inventário e não com a estimativa da característica de interesse. A amostragem sistemática foi respectivamente 40% e60% mais eficiente que o método da Árvore Média Estratifícada e o da Árvore Modelo. Deve-se no entanto, salientar que os volumes estimados pelos três procedimentos foram satisfatórios, uma vez que os erros máximo e mínimo de inventário foram de 6,60 e 10,38% respectivamente. Para fins de análise fítossociológica, verificou-se que os seis procedimentos avaliados representaram de forma adequada os parâmetros da estrutura horizontal. Porém as Distâncias Euclidianas obtidas para cada procedimento de amostragem, revelaram que os com base sistemática foram superiores aos que se basearam em aleatorização.
Abstract: The objectives were to: compare volumes obtained by simple random sampling, stratified random sampling, simple random sampling with unequal sample sizes, systematic sampling, systematic sampling with unequal samples sizes and systematic sampling with post stratification for pre established errors of 10% in ali samplings and 20% with exception of stratified samplings; to verify efficiency of random and systematic sampling at species level; to define species spacial distribution of anative forest; to compare the precision ofthe model tree and the mean stratified tree with asystematic sampling and with the population parameter; and to evaluate the efficiency of six sampling procedures to describe the phytosociology of atrack of semi-decidual seazonal montane forest. Data where collected from 126 parcels of400 m2 each, forming 2.000 m2 blocks by joining every five parcels, in which the sampling procedures took place. The procedures comparison used Student "t" test and the statistical procedure in relation to the parameter. The comparison ofestimated parameter from horizontal structure used Euclidean Distances and graphic visual analysis. According to "T" test, ali procedures revealed similar estimates of the true mean with a10% error except for those with unequal sizes; there was no exception with a 20% error. For small native tracks at the species levei, both random and systematic sampling yielded means statiscally similar to the population parameter. To attain less than 15% error it was necessary to census the population. There was a positive correlation between survey cost and precision but not with estimate ofinteress. Systematic sampling was 40% and 60% more efficient than the stratified mean tree method and the mean tree model respectively. It should be enfasized that volumes estimated by the there procedures were safistactory given that maximum and minimum survey errors were 6,60% and 10,38%. For phytosociology purposes, ali six procedures have adequate representation ofhorizontal' structure; however, the Euclidean Distances obtained with systematic sampling were superior to those based on randoness.
metadata.teses.dc.description: Esta dissertação/tese está disponível online com base na Resolução CEPE nº 090, de 24 de março de 2015, disponível em http://www.biblioteca.ufla.br/wordpress/wp-content/uploads/res090-2015.pdf, que dispõe sobre a disponibilização da coleção retrospectiva de teses e dissertações online no Repositório Institucional da UFLA, sem autorização prévia dos autores. Parágrafo Único. Caberá ao autor ou orientador a solicitação de restrição quanto à divulgação de teses e dissertações com pedidos de patente ou qualquer embargo similar. Art. 5º A obra depositada no RIUFLA que tenha direitos autorais externos à Universidade Federal de Lavras poderá ser removida mediante solicitação por escrito, exclusivamente do autor, encaminhada à Comissão Técnica da Biblioteca Universitária./ Arquivo gerado por meio da digitalização de material impresso. Alguns caracteres podem ter sido reconhecidos erroneamente.
URI: http://localhost:8080/jspui/handle/1/15294
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções:DCF - Engenharia Florestal - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.