Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCS - Departamento de Ciência do Solo >
DCS - Programa de Pós-graduação >
DCS - Ciência do Solo - Mestrado (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1719

Title: Fitoextração, fitoestabilização e análise ultraestrutural de Gomphrena claussenii Moq. exposta a Cu e Pb
???metadata.dc.creator???: Pedroso, Rodolfo Guimarães Alexandre Vasques
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Guilherme, Luiz Roberto Guimarães
???metadata.dc.contributor.referee1???: Labory, Cláudia Regina Gontijo
Oliveira, Cynthia de
???metadata.dc.description.concentration???: Recursos Ambientais e Uso da Terra
Keywords: Fitorremediação
Elementos traços
Microscopia
Phytoremediation
Trace element and microscopy
???metadata.dc.date.submitted???: 25-Sep-2013
Issue Date: 2014
???metadata.dc.description.sponsorship???: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Citation: PEDROSO, R. G. A. V. Fitoextração, fitoestabilização e análise ultraestrutural de Gomphrena claussenii Moq. exposta a Cu e Pb. 2014. 56 p. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2013.
???metadata.dc.description.resumo???: A preocupação com o ambiente evoluiu ao longo dos anos e parte disso deve-se a contaminação dos diferentes ecossistemas por elementos os mais diversos, dentre os quais estão os elementos-traço, os quais, que por vezes, são denominados metais pesados. As atividades mineradoras foram, são e serão sempre importantes para o desenvolvimento da humanidade, porém, podem resultar em contaminação do solo por esses elementos, o que requer o uso de práticas as mais diversas para mitigar os eventuais efeitos negativos dessa contaminação. Diante disso, esse assunto tem sido debatido mundialmente. Uma técnica emergente é a fitorremediação, que tem baixo custo e faz o uso de plantas que têm a habilidade em concentrar ou tolerar altas concentrações de elementos-traço, podendo ser utilizadas para remediar áreas contaminadas. Nas áreas de mineração onde ocorrem impactos negativos oriundos da atividade podem ser encontradas espécies apropriadas para a fitorremediação. O presente estudo objetivou-se avaliar o potencial fitoextrator de Cu e Pb, bem como o acúmulo, teor, translocação e tolerância desses elementos em Gomphrena claussenii e a identificação das alterações celulares da planta por meio da microscopia eletrônica de transmissão (MET). O estudo foi conduzido em casa de vegetação, na Universidade de Lavras, em Lavras, MG, Brasil. As plantas foram cultivadas em vasos com solução de Clark com concentrações crescentes de Cu (0,5; 2,5; 5,0;10; 25; 50; 75 e 100 µmol L-1) e Pb (0; 50; 100; 200; 400; 600 e 800 µmol L-1). Após 35 dias de cultivo, raízes e parte aérea foram coletadas determinando-se a matéria seca e a concentração de Cu e Pb. Os resultados demonstram que as plantas de Gomphrena claussenii mostraram-se sensíveis às doses crescentes de Cu e Pb em solução nutritiva, mostrando sintomas de fitotoxidez. As plantas de Gomphrena claussenii mostraram-se sensíveis às doses crescentes de Cu e Pb em solução nutritiva, mostrando sintomas de fitotoxidez e redução na produção de matéria seca. Mesmo em altas concentrações de doses de Cu e Pb, as plantas sobreviveram, podendo ser usadas para programas de fitorremediação, pois com o primeiro elemento-traço apresentou características de planta fitoextratora, e o segundo de fitoesbilização.
Abstract: Environmental issues have increased concern throughout the years and part of this can be related to heavy metals contamination. Mining activities are, and will always be, important for the outcome of the country and for the community. However, these activities can create huge amounts of soil contaminants and it has been debated worldwide recently. Phytoremediation techniques, which use plants with high capacities of uptaking and tolerate trace metals, are important, low costs tools that can be used to remedy a contaminated area. In the vicinities of mining areas it can be found some plant species that are appropriate for remediation. This study aims at investigating the phytoextracting potential of Cu and Pb, as well as its accumulation, the total contents, the translocation indexes and Cu and Pb tolerance capacity in Gomphrena claussenii. Cellular changes were investigated using transmission electron microscopy (TEM). The study was conducted in the greenhouse at the Federal University of Lavas, MG, Brazil. The plants were cultivated in buckets with Clark solution with Cu concentrations ranging from 0,5; 2,5; 5,0;10; 25; 50; 75 to 100 µmol L-1 and Pb from 50; 100; 200; 400; 600 to 800 µmol L-1. After 35 days of cultivation, roots and shoots system were collected and dried and the contents of Cu and Pb were evaluated. The plants of Gomphrena claussenii were sensitive to increasing doses of Cu and Pb in nutrient solution, showing phytotoxicity symptoms and reduction in dry matter production. Even at high concentrations of Cu and Pb doses, the plants survived and can be used for phytoremediation programs, because with the first trace element characteristics presented fitoextratora plant, and the second fitoesbilização.
Description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo, área de concentração em Recursos Ambientais e Uso da Terra, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1719
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DCS - Ciência do Solo - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO_Fitoextração, fitoestabilização e análise ultraestrutural de Gomphrena claussenii Moq. exposta a Cu e Pb.pdf4.69 MBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback