Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAG - Departamento de Agricultura >
DAG - Programa de Pós-graduação >
DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1741

Title: Diversidade genética, caracterização nutricional e conteúdo de DNA de diferentes tecidos de Butia capitata
???metadata.dc.creator???: Magalhães, Hélida Mara
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Pasqual, Moacir
???metadata.dc.contributor.referee1???: Alvarenga, Ângelo Albérico
Pio, Leila Aparecida Salles
Santos, João Bosco dos
Resende, Luciane Vilela
???metadata.dc.description.concentration???: Produção Vegetal
Keywords: Arecaceae
Coquinho-azedo - Diversidade genética
Coquinho-azedo - Caracterização nutricional
Citometria de fluxo
Diversidade genética
Caracterização nutricional
Genetic diversity
Nutritional characterization
Flow Cytometry
???metadata.dc.date.submitted???: 15-Jan-2014
Issue Date: 2014
???metadata.dc.description.sponsorship???: Conselho Nacional de Pesquisa Científica (CNPq)
Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Citation: MAGALHÃES, H. M. Diversidade genética, caracterização nutricional e conteúdo de DNA de diferentes tecidos de Butia capitata. 2014. 128 p. Tese (Doutorado em Fitotecnia) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2013.
???metadata.dc.description.resumo???: Butia capitata é uma palmeira nativa do cerrado popularmente conhecida por coquinho-azedo, ameaçada de extinção. Seus frutos são amplamente consumidos na região norte de Minas Gerais principalmente in natura e na forma de sucos sorvetes e picolés. Entretanto, muitos aspectos como a quantificação da diversidade, aspectos nutricionais do coquinho-azedo não foram estudados. Diante do exposto objetivou-se com este trabalho identificar e quantificar a diversidade genética de quatro populações naturais e fragmentadas de B. capitata no norte de Minas Gerais, Brasil e uma coleção situada no ICA (Instituto de Ciências Agrárias), utilizando marcadores ISSR (Inter Simple Repeat). Avaliar a composição nutricional de frutos maduros dessa palmeira em diferentes regiões e grupos de plantas do norte de Minas Gerais. Determinar o conteúdo de DNA e avaliar a qualidade das análises de citometria de fluxo em B. capitata de diferentes estruturas originadas a partir de várias fases da germinação in vitro de embriões zigóticos, bem como caracterizar morfológica e anatomicamente o material estudado. Para tanto, foram realizados três estudos: no primeiro foram demarcadas cinco populações de coquinho-azedo, o DNA foi extraído das folhas e analisado por meio de marcadores ISSR. No segundo estudo foram coletados frutos maduros de quatro localidades do norte de Minas e de 24 plantas por localidade, onde se formaram grupos de plantas e os frutos foram caracterizados quanto à composição nutricional. Por fim, no último estudo o conteúdo de DNA e o coeficiente de variação foram determinados de estruturas formadas durante o processo germinativo de B. capitata, para tanto, foi montado um experimento com 16 tratamentos sendo embrião, pecíolo cotiledonar avaliados aos 8, 16 e 27 dias, haustório aos 8, 16 e 27 dias, radícula aos 16, 27 e 37 dias, e bainha aos 16, 27, e 37 dias, folha aos 37 dias e folha da planta adulta. Os resultados do primeiro estudo permitiram inferir que há maior diversidade dentro das populações, observou-se a formação de três grandes grupos, o primeiro com plantas das populações de Bonito de Minas, ICA e Abóboras, o segundo com plantas de ICA e Cristália e o terceiro com plantas de Cristália e Mirabela. No segundo estudo verificou-se que a polpa de B. capitata é bastante ácida e apresenta elevado teor de vitamina C, compostos fenólicos totais e capacidade antioxidante, entretanto, possui baixa quantidade de açúcares totais. A polpa de B. capitata possui elevada umidade e fibras e valores medianos de proteínas. O potássio e o ferro estão presentes em maiores quantidades na polpa de B. capitata. No último ensaio as estruturas pecíolo cotiledonar e haustório aos 8 dias do cultivo in vitro tiveram seu conteúdo de DNA alterados ao longo dos períodos de avaliação, apresentando altos coeficientes de variação. A bainha, pecíolo cotiledonar e radícula apresentam os menores coeficientes de variação e quantidades iguais de DNA, sendo essas estruturas as mais confiáveis para análise do tecido em B. capitata.
Abstract: Butia capitata is an endangered native palm of Cerrado popularly known as coquinho-azedo. Its fruits are widely consumed in the northern region of Minas Gerais mainly fresh and as juice, ice cream and popsicles. However, many aspects such as the quantification of genetic diversity and nutritional contents of coquinho-azedo were not studied. Given the above the aim of this work was to identify and quantify the genetic diversity of four natural and fragmented populations of Butia capitata in Northern Minas Gerais, Brazil and one collection located at the Institute of Agricultural Sciences (ICA) using ISSR markers. Evaluate the nutritional composition of ripe fruits of this palm in different regions and groups of plants in northern Minas Gerais. To determine DNA content and evaluate the quality of the analysis in flow cytometry of different structures originated from various stages of in vitro germination of zygotic embryos as well as characterize morphologically and anatomically the studied material. To this end, three studies were performed: in the first five populations of coquinho-azedo- were delimited, DNA was extracted from leaves and analyzed by ISSR markers. In the second study ripe fruit of 24 plants per location from four locations in northern Minas were collected and the nutritional composition was characterized. Finally, in the last study the DNA content and the coefficient of variation were determined from structures formed during the germination of Butia capitata, therefore, was set up an experiment with 16 treatments, cotyledon petiole evaluated at 8, 16 and 27 days, haustorium at 8, 16 and 27 days, primary root at 16, 27 and 37 days, the sheath 16, 27, and 37 days, leaves at 37 days and leaves of the adult plant. The results of the first study allowed to infer that there is greater diversity within populations , we observed the formation of three major groups; one with plants of the populations of Bonito de Minas, ICA and Abóboras, a second with plants of ICA and Cristália and a third one with plants of Mirabela and Cristália . In the second study it was found that the pulp of Butia capitata is quite acid and has a high concentration of vitamin C, total phenolics and antioxidant capacity, however, has low amount of total sugars. The pulp of Butia capitata has high humidity and median values of fiber and protein. The potassium and iron are present in larger amounts in pulp B. capitata. In the last essay cotyledon petiole structures and haustorium after 8 days of in vitro culture had its DNA contents changed over the evaluated periods showing high variation coefficients. The sheath, petiole and cotyledon radicle have lower coefficients of variation and equal amounts of DNA, being these structures the most reliable for tissue analysis in Butia capitata.
Description: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do programa de Pós-graduação em Agronomia/Fitotecnia área de concentração em Produção Vegetal, para a obtenção do título de Doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1741
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE_Diversidade genética, caracterização nutricional e conteúdo de DNA de diferentes tecidos de Butia capitata.pdf851.08 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback