Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAG - Departamento de Agricultura >
DAG - Programa de Pós-graduação >
DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1786

Título: Inovações tecnológicas para produção de alho de qualidade para o mercado brasileiro
Autor(es): Petrazzini, Lauro Luís
Orientador: Souza, Rovilson José de
Membro da banca: Silva, Ernani Clarete da
Gonçalves, Wilson Magela
Resende, Luciane Vilela
Gomes, Luis Antonio Augusto
Área de concentração: Produção Vegetal
Assunto: Alho nobre
Allium sativum
Allium ampeloprasum
Nitrogênio de liberação lenta
Vernalização
Noble garlic
Slow-release nitrogen
Vernalization
Allium ampeloprasum
Data de Defesa: 18-Jul-2013
Data de publicação: 2014
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: PETRAZZINI, L. L. Inovações tecnológicas para produção de alho de qualidade para o mercado brasileiro. 2013. 83 p. Tese (Doutorado em Agronomia/Fitotecnia - Produção Vegetal) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
Resumo: O alho (Allium sativum) é uma das mais importantes culturas produzida no Brasil. A maior dificuldade de produção de alho nobre é a bulbificação. Este material deve ser submetido ao processo de vernalização, que favorece a ocorrência de pseudoperfilhamento. Para reduzir esta anomalia é necessário efetuar adubações moderadas de nitrogênio, que causa redução na produtividade. O alho gigante (Allium ampeloprasum L.) não é cultivado no Brasil, é uma alternativa para complementar a produção de alho nobre, que apresenta limitação devido a condições climáticas desfavoráveis. O objetivo deste estudo foi de verificar a eficiência do nitrogênio de liberação lenta no allium sativum e avaliar a produção de Allium ampeloprasum submetido a diferentes períodos de vernalização e diferentes densidades de plantio. Os tratamentos constaram de cinco doses de Nitrogênio de Liberação Lenta (NLL), 100, 200, 300, 400 e 500 l ha-1, e uma testemunha contendo 100 kg de N na fonte ureia, em blocos casualisados com quatro repetições. Os tratamentos para o Allium ampeloprasum constaram de cinco períodos de vernalização (40, 60, 80, 100 e 120 dias) com quatro repetições. O segundo experimento constou de 6 densidades de planta 33,3; 41,6; 27,8; 40; 50 e 62,5 plantas por metro quadrado, com quatro repetições. O nitrogênio de liberação lenta é uma fonte eficiente de nitrogênio para a cultura do alho vernalizado. Períodos A vernalização acima de 40 dias favorece a bulbificação de alho gigante nas condições do Sul de Minas Gerais, sem comprometer a produtividade. A vernalização reduz a massa de bulbos, massa media de bulbilhos, matéria seca de bulbos e numero de bulbilhos por bulbo. A densidade de 33,3 apresenta as melhores medias de produtividade.
Garlic (Allium sativum) is one of the most important crops in Brazil. The biggest problem related to the production of noble garlic is bulbification. This material needs to be submitted to vernalization processes, which favors the occurrence of lateral shoot growing. In order to reduce this anomaly, it is necessary to perform controlled nitrogen fertilization, which reduces productivity. The elephant garlic (Allium ampeloprasum L.), not produced in Brazil, is an alternative to complement the production of noble garlic, which has limitations, due to unfavorable weather conditions . The objective of this study was to verify the efficiency of slow-release nitrogen in Allium sativum and evaluate the production of Allium ampeloprasum L., submitted to different vernalization periods and different planting densities. The treatments consisted of five slow-release nitrogen doses (SRN), 100, 200, 300, 400 and 500 l ha-1, and a control containing 100 kg of N in urea, in randomized blocks with four replications. Treatments for Allium ampeloprasum were composed of five vernalization periods (40, 60, 80, 100 and 120 days) with four replications. The second experiment consisted of six plant densities: 33.3; 41.6; 27.8; 40; 50 and 62.5, with four replications. The slow-release nitrogen is an efficient nitrogen source for the vernalized garlic culture Vernalization periods superior to 40 days favor the bulbification of elephant garlic in the conditions of Southern Minas Gerais, without reducing productivity. Vernalization reduces bulb mass,, bulbil average mass, bulb dry matter and bulbils per bulb. The density of 33.3 presents the best yield averages.
Informações adicionais: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-graduação em Agronomia/Fitotecnia, área de concentração Produção Vegetal, para a obtenção do título de Doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1786
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Inovações tecnológicas para produção de alho de qualidade para o mercado brasileiro.pdf448,4 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback