Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/182
metadata.artigo.dc.title: Os pilares da qualidade o processo de implementação do Programa de Qualidade do café (PQC)
metadata.artigo.dc.title.alternative: Quality pillars: the implementation process of quality coffee program(QCP)
metadata.artigo.dc.creator: Leme, Paulo Henrique Montagnana Vicente
Machado, Rosa Teresa Moreira
metadata.artigo.dc.subject: Café - Qualidade
Café - Certificação
Café - Padronização
Coffee - Quality
metadata.artigo.dc.date.issued: 2010
metadata.artigo.dc.identifier.citation: LEME, P. H. M. V.; MACHADO, R. T. M. Os pilares da qualidade: o processo de implementação do Programa de Qualidade do Café (PQC). Organizações Rurais e Agroindustriais, Lavras, v. 12, n. 2, p. 234-248, 2010.
metadata.artigo.dc.description.resumo: Objetivou-se, no presente trabalho, principalmente analisar o processo de implementação do Programa de Qualidade do Café (PQC) e suas implicações nas empresas de café torrado e moído do Brasil. Buscou-se descrever a filosofia e os objetivos que sustentam a concepção do PQC por meio da construção de um modelo teórico de análise: os “pilares da qualidade”. Foram analisadas as estratégias de mercado de treze torrefadoras. Os dados obtidos com a pesquisa foram agrupados no modelo dos “pilares da qualidade”: qualidade do produto, qualidade do processo e sinal de qualidade. Verificou-se que a implementação do PQC, ao introduzir um padrão de qualidade, faz com que as empresas adotem estratégias de coordenação vertical com seus fornecedores e distribuidores, sendo que manter o padrão de qualidade é uma dificuldade comum a todo universo pesquisado. A implementação da rastreabilidade em seu sistema produtivo foi outra limitação entre as empresas que ainda não adotaram o PQC. As empresas pesquisadas que focavam seu negócio na diferenciação por atributos de qualidade precisam do alicerce da certificação ou de marcas fortes para transmitir credibilidade aos seus consumidores. O principal fator que aumentou a coordenação vertical foi a qualidade, demonstrando a importância da adoção da certificação do PQC.
metadata.artigo.dc.description.abstract: The present study had as major objective to analyze the implementation process of the coffee quality program (CQP) and its implications on the roasted and ground coffee companies in Brazil. Firstly, the philosophy and the objectives of CQP were described in the construction of a theoretical analysis model, the “quality pillars”. The marketing strategies of thirteen roasters were analyzed. Research data were analyzed with the support of the “quality pillars” model: product quality, process quality, and the quality signal. As main results, it was possible to imply that quality was the main factor that increased the vertical coordination between the researched companies. Therefore, CQP implementation leads companies to the adoption of vertical coordination strategies with their suppliers and distributors, while it is hard to maintain a quality standard for all companies. Non-adopters have difficulty to implement traceability in their productive system. Researched companies that focus their business on product differentiation by attributes of quality need, as support, a certification or strong brandmarks to transmit credibility to the consumers. The major point that enhanced vertical coordination was quality, showing the importance of the CQP certification process.
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/182
metadata.artigo.dc.language: other
Appears in Collections:DAE - Artigos publicados em periódicos
Organizações Rurais & Agroindustriais



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.