Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DFP - Departamento de Fitopatologia >
DFP - Programa de Pós-graduação >
DFP - Agronomia/Fitopatologia - Mestrado (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1828

Title: Progresso da Ferrugem e da Cercosporiose em Cafeeiro na Transição dos Cultivos Convencional para Orgânico
Other Titles: Progress of the rust and brown eye rust in coffee plants during transition of conventional growing system to the organic
???metadata.dc.creator???: Botelho, Alex Oliveira
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Souza, Paulo Estevão de
???metadata.dc.contributor.referee1???: Guimarães, Rubens José
Pozza, Edson Ampélio
???metadata.dc.description.concentration???: Fitopatologia
Keywords: Café orgânico
Hemileia vastatrix
Cercospora coffeicola
Café - Nutrição
Coffee organic
Nutrition
???metadata.dc.date.submitted???: 28-Jul-2006
Issue Date: 30-Jul-2014
Citation: BOTELHO, A. O. Progresso da ferrugem e da cercosporiose em cafeeiro na transição dos sistemas convencional para orgânico. 2006. 71 p. Dissertação (Mestrado)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2006.
???metadata.dc.description.resumo???: O trabalho teve por objetivo estudar o progresso e o manejo da ferrugem e da cercosporiose do cafeeiro, na transição do cultivo convencional para o orgânico. O experimento foi conduzido em lavoura cafeeira da cultivar Catuaí Amarelo, em uma área de 2,2 ha da fazenda Baunilha, em Lavras, MG. O delineamento foi o látice balanceado 4x4, com cinco repetições e 16 parcelas, sendo cada parcela composta de 24 plantas, sendo 4 plantas úteis por linha. Dos dezesseis tratamentos, doze caracterizaram um fatorial 3x2x2, que correspondeu a três fontes de matéria orgânica (esterco bovino, cama de aviário e farelo de mamona) com e sem a aplicação de palha de café e com ou sem o plantio do adubo verde (Cajanus cajan L.) nas entrelinhas. Os quatro tratamentos adicionais avaliaram: o uso do esterco bovino + moinha de carvão + sulfato duplo de potássio e magnésio; a farinha de rocha Itafértil + farelo de mamona + palha de café; o uso da palha de café fermentada (20,0 L / planta), e apenas o feijão-guandu. As avaliações da intensidade da ferrugem e da cercosporiose foram realizadas a cada 30 dias e a cercosporiose em frutos foi realizada em grãos maduros, antes da colheita. O monitoramento do índice de área foliar (IAF) também foi realizado em intervalos mensais. Os resultados indicaram maior intensidade da ferrugem no manejo orgânico, enquanto a cercosporiose foi maior no cultivo convencional. O pico de intensidade da ferrugem ocorreu em junho, nos tratamentos orgânicos, enquanto que, na testemunha, foi registrado em agosto. Já o maior índice da cercosporiose ocorreu em abril nos blocos orgânicos e em maio no convencional. A área abaixo da curva de progresso (AACP) da intensidade da ferrugem não registrou resultados significativos. Com relação à AACP da incidência e severidade da cercosporiose, a aplicação do farelo de mamona propiciou a maior intensidade da doença. Com a aplicação da palha de café, houve redução da AACP da incidência e severidade da cercosporiose, porém, o plantio do guandu favoreceu o aumento da doença em folhas. Em frutos, a cercosporiose surgiu com maior intensidade nos tratamentos adubados com esterco bovino que, por sua vez não diferiu do farelo de mamona. A AACP da incidência da cercosporiose em frutos também foi maior com a utilização da adubação verde.
The aim of this work was to study the progress and the management of the coffee plant blight and brown eye spot, in the transition from the conventional culture to the organic. The experiment was performed in in a yellow Catuaí coffee culture, in 2,2 ha area at the Baunilha farm, in the district of Lavras (South of MG). The delineation used was the 4x4 balanced Látice, with five repetitions and 16 portions. Each portion was composed by 24 plants with 4 plants useful per line. These portions received cultural treatments concerning their respective systems of agricultural growing, in relation to fertilization and phytossanitario management. From the sixteen treatments, twelve characterized A 3x2x2 factorial, which correspond to three sources of organic substance (cattle manure, poultry bed and castor bean bran) with and without the use of the coffee straw on the sources of the organic substance and with and without the planting of green fertilization (Cajanus cajan L.) between the lines. The four additional treatments evaluated the use of the cattle manure + coal bran + double potassium and magnesium sulphate; Itafertil rock bran of 2,08t/ha (500g/plaant) + castor bean bran + coffee straw; and the use of yeasted coffee straw (20,01/plant) and bean green fertilization guandaú (Cajanus cajan L.) planted between the lines of the coffee plants as the only sources of fertilization. The incidence and severity evaluations of blight and brown eye spot in the leaves were performed monthly and the brown eye spot in fruits was performed in mature seeds, days before harvesting. The index management of the leave area (IAF) also was done monthly. The results indicated a higher intensity of blight in organic management while the brown eye spot was higher in the conventional culture. The blight intensity peak occurred in june in the organic treatments while in the witness was later being recorded in august. Yet the higher brown eye spot index occurred in April in the organic blocks and in May in the conventional. The statistic analysis I the factorial didn´t show differences between the fertilization sources, the use or not of coffee straw.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1828
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DFP - Agronomia/Fitopatologia - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO_Progresso da Ferrugem e da Cercosporiose em Cafeeiro na Transição dos Cultivos Convencional para Orgânico.pdf314.14 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback