Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DFP - Departamento de Fitopatologia >
DFP - Programa de Pós-graduação >
DFP - Agronomia/Fitopatologia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1887

Título: Transformação genética de Colletotrichum gloeosporioides agente etiológico da mancha manteigosa em cafeeiro com o gene gfp
Título Alternativo: Genetic transformation of Colletotrichum gloeosporioides agent of blister spot of coffee with the gene gfp
Autor(es): Armesto, Cecília
Orientador: Abreu, Mário Sobral de
Coorientador(es): Machado, José da Cruz
Membro da banca: Chalfoun, Sara Maria
Figueira, Antonia dos Reis
Área de concentração: Fitopatologia
Assunto: Mancha-manteigosa
Colletotrichum gloeosporioides
GFP
Blister spot
Data de Defesa: 30-Jul-2010
Data de publicação: 31-Jul-2014
Referência: ARMESTO, C. Transformação genética de Colletotrichum gloeosporioides agente etiológico da mancha manteigosa em cafeeiro com o gene gfp. 2010. 44 p. Dissertação (Mestrado em Fitopatologia) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2010.
Resumo: A cultura do café sofre com diversos problemas fitossanitários, dentre os quais evidenciam-se doenças de natureza fúngica, como a mancha-manteigosa, causada por Colletotrichum gloesporioides Penz, cuja ocorrência vem se agravando nas regiões produtoras de café (Coffea arabica L.). A falta de informações sobre o patossistema Colletotrichum x Cafeeiro dificulta a elucidação de aspectos relacionados à patogenicidade de raças e de transmissibilidade. A utilização de microrganismos geneticamente modificados por meio de marcadores moleculares tem sido uma ferramenta importante para esses tipos de estudos. Desse modo, o presente trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a eficiência de dois sistemas de transformação genética utilizando o gene marcador gfp, assim como as características culturais, a estabilidade dos transformados e a patogenicidade dos isolados transformados de Colletotrichum gloeosporioides. Utilizando os dois sistemas de transformação (PEG e eletroporação) constatou-se a eficiência de ambos, confirmada por meio de microscopia de epifluorescência e pela resistência ao antibiótico higromicina-B, quando incorporado ao meio de cultivo. O fungo manteve suas características morfológicas e culturais quando comparado aos isolados selvagens. Ao ser inoculado em plântulas de café, verificou-se que a patogenicidade dos isolados transformados não foi alterada após a transformação.
Coffee culture has various sanitary problems, among them, showed up to order fungal diseases, such as blister spot, caused by Colletotrichum gloesporioides Penz, which has deteriorated in areas producing coffee (Coffea arabica L.). The lack of information about the Colletotrichum pathosystem x Coffee difficult to elucidate aspects of the pathogenicity of races and transmissibility. The use of genetically modified microorganisms using molecular markers has been an important tool for these types of studies. Thus our study aimed to evaluate the efficiency of two systems of genetic transformation using the marker gene gfp (Green Fluorescent Protein), as well as cultural characteristics, stability and processed, and pathogenicity of isolates of Colletotrichum gloeosporioides processed. It found success using the two processing systems, confirmed this by means of epifluorescence microscopy and resistance to the antibiotic hygromycin-B, where incorporated into the culture medium. The fungus maintained its cultural and morphological characteristics compared to the wild strains. To be inoculated on seedlings of coffee can be seen that the pathogenicity of the isolates processed were not changed after the transformation.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1887
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DFP - Agronomia/Fitopatologia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Transformação genética de Colletotrichum gloeosporioides agente etiológico da mancha manteigosa em cafeeiro com o gene gfp.pdf793,83 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback