Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1888

Título: Superexpressão do ADP/ATP translocase em milho submetido aos estresses salino e de alumínio
Título Alternativo: Superexpression of the ADP/ATP Translocase in Maize Under Saline and Aluminum Stresses
Autor(es): Petrillo, Caroline Pereira
Orientador: Alves, José Donizeti
Membro da banca: Purcino, Antônio Álvaro Corsette
Carneiro, Andrea Almeida
Área de concentração: Fisiologia Vegetal
Assunto: Stress abiótico
Milho
Transformação genética
Cultura de tecidos
ADP/ATP translocase
Genetic transformation
Abiotic stress
Data de Defesa: 13-Jul-2007
Data de publicação: 31-Jul-2014
Referência: PETRILLO, C. P. Superexpressão do ADP/ATP translocase em milho submetido aos estresses salino e de alumínio. 2007. ii, 104 p. Dissertação (Mestrado em Agronomia/Fisiologia) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2007.
Resumo: O Cerrado brasileiro ocupa uma área com cerca de 207 milhões de hectares distribuídos em 12 estados Nessa região os solos são ácidos com pouca matéria orgânica e altos teores de alumínio Sob a forma de íons livres o alumínio se torna tóxico para as plantas e afeta o crescimento e o desenvolvimento das mesmas O milho considerado uma importante cultura dessas regiões sofre diversas injúrias causadas pela toxidez do Al presente nessas áreas Nesse estudo plantas de milho da linhagem L3 foram transformadas geneticamente com o gene ADP/ATP translocase previamente isolado em ápice de raízes de milho sob estresse de Al objetivando a produção de genótipos mais tolerantes a estresses abióticos Análises fisiológicas dessas plantas sob estresse de Al e estresse salino sugerem que esse gene não confere tolerância ao Al mas pode estar relacionado com tolerância à salinidade Pressupõe-se que a superexpressão do gene ADP/ATP translocase controle os níveis de ATP celular mantendo o equilíbrio energético durante o estresse
The Brazilian Cerrado occupies an area with about 207 million hectares distributed in 12 states In this region the soils are acid with little organic substance and high aluminum levels Under the form of free ions the aluminum becomes toxic for the plants and affects their growth and development Maize considered an important culture in these areas suffers several injuries caused by the toxicity of the present Al in these areas In this study plants of maize of the L3 line were genetically changed with the ADP/ATP translocase gene previously isolated in apex of maize roots under Al stress with the objective of production of genotypes more tolerant to abiotic stresses Physiological analyses of these plants under Al stress and salinity stress suggest that this gene does not have tolerance to Al but can relate to salinity tolerance It is estimated that the superexpression of the ADP/ATP translocase gene controls the levels of cellular ATP keeping the energy balance during the stress
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/1888
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Superexpressão do ADP-ATP translocase em milho submetido aos estresses salino e de alumínio.pdf1,95 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback