Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCF - Departamento de Ciências Florestais >
DCF - Programa de Pós-graduação >
DCF - Ciência e Tecnologia da Madeira - Mestrado (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2294

Title: Amostragem não destrutiva e qualidade da madeira em clones de Eucalyptus spp.
???metadata.dc.creator???: Oliveira, Adalberto Caldas
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Trugilho, Paulo Fernando
???metadata.dc.contributor.referee1???: Lima, José Tarcísio
Volpato, Margarete Marin Lordelo
???metadata.dc.description.concentration???: Madeira como Matéria Prima
Keywords: Madeira
Eucalyptus
Wood
Tecnologia e utilização de produtos florestais
???metadata.dc.date.submitted???: 24-Sep-2009
Issue Date: 6-Aug-2014
Citation: OLIVEIRA, A. C. Amostragem não destrutiva e qualidade da madeira em clones de eucalyptus spp. 2008. 91 p. Dissertação (Mestrado em Ciência e Tecnologia da Madeira)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2008.
???metadata.dc.description.resumo???: A madeira de eucalipto tem se prestado a uma série de finalidades. Além dos usos tradicionais, como lenha, estacas, moirões, dormentes, carvão vegetal, celulose e papel, chapas de fibras e de partículas, há uma forte tendência em utilizá-la, também, para outros usos, como fabricação de casas, móveis e estruturas. Para se obter produto com maior valor agregado é necessário o conhecimento das propriedades tecnológicas do material genético, as quais devem estar relacionadas ao uso pretendido. As avaliações tecnológicas podem ser realizadas de forma destrutiva ou não destrutiva do material. O importante do uso das técnicas não destrutivas é a possibilidade de se fazer inúmeras determinações em um curto espaço de tempo, o que permite uma pré-classificação do material, ainda em campo, reduzindo significativamente as avaliações destrutivas no âmbito dos laboratórios. Dessa forma, reduzem-se drasticamente o tempo e o custo das avaliações nos laboratórios. Apesar das vantagens das técnicas não destrutivas de avaliação, deve-se, inicialmente, fazer uma calibração, a qual visa conhecer a sua relação com a propriedade de interesse, relacionada à melhor forma de utilização da madeira. O presente trabalho foi realizado com o objetivo de aplicar diferentes métodos de avaliação destrutiva e não destrutiva da madeira, visando obter uma classificação dos clones de Eucalyptus, estabelecer a relação existente entre os métodos não destrutivos e os destrutivos e verificar o efeito da idade. Foram utilizados clones instalados em um teste clonal da empresa Agrotora, localizada na cidade de Andrelândia, MG. Foram selecionados 21 clones mais produtivos de um total de 64. A avaliação não destrutiva foi realizada nas idades de três e quatro anos, enquanto a destrutiva somente foi feita na idade de três anos. Na avaliação não destrutiva foram utilizados os aparelhos Resistograph®, Pilodyn®, Extensômetro e "stress wave timer". A avaliação destrutiva objetivou determinar a densidade básica, as dimensões de fibras, a análise química e o poder calorífico superior. Os clones 58, 7026 e 4057 foram os de maior aptidão para a produção de sólidos devido à sua menor magnitude de tensões de crescimento, enquanto os clones 7025, 4195, 7023, e 7053 foram os de menor aptidão para este uso. O clone 4080, devido às suas características físicas, químicas e térmicas, foi o de maior potencial para uso energético. As principais correlações encontradas entre os ensaios não destrutivos e destrutivos foram: Pilodyn com a densidade básica da madeira (-0,7780); deformação residual longitudinal (DRL) com o comprimento da fibra da madeira (0,5937); deformação residual tangencial (DRT) e espessura da parede (-0,5304). A amplitude e as velocidades de propagação da onda de tensão não apresentaram correlação satisfatória com as propriedades da madeira. A idade não influenciou significativamente a medição da DRL e DRT, porém, a interação clone x idade foi significativa para a amplitude e Pilodyn, indicando a existência de dependência entre os dois fatores.
The eucalypts wood has been using to several purposes. Besides the traditional uses, as firewood, stakes, fense post, railway sleepers, charcoal, cellulose and paper, fibers and particle board, there is a strong tendency in using it, also, for another uses, as production of houses, wood furniture and structures. To obtain product with larger value attaché it is necessary the knowledge of the technological properties of the genetic material, which should be related to use. The technological evaluations can be accomplished in destructive or non destructive way of the material. The important of the use of the techniques non destructive is the possibility to do countless determinations in a short time, what allows a pre-classification of the material, still in field level, reducing the destructive evaluations significantly in the laboratories. Like this, it is reduced the time and the cost of the evaluations drastically in the laboratories. In spite of the advantages of the techniques non destructive of evaluation, it is due initially to do a calibration, which seeks to know your relationship with the property of interest, related to the best form of use of the wood. The aimed of this paper was to apply different methods of evaluation destructive and non destructive of the wood, seeking to obtain a classification of the Eucalyptus clones, to establish the relationship between the methods non destructive and the destructive ones and to verify the effect of the age. The used clones were of a clonal test of the Agrotora Company, located in Andrelândia-MG city. Twenty one more productive clones of a total of 64 were selected. The evaluations non destructive were made in the three and four ages, while the destructive method was only accomplished in the three year-old age. For the evaluation non destructive the following equipments were used, Resistograph®, Pilodyn®, Growth Strain and Stress Wave Timer. The destructive evaluation was the basic density, dimensions of fibers, chemical analysis and to heating value. The Clones 58, 7026 and 4057 were the most suitable for the production of solid due to your smallest magnitude of growth stress, while the clones 7025, 4195, 7023, and 7053 were the ones of smaller aptitude for this use. The clone 4080 due your physical, chemical and thermal characteristics it has potential for energy use. The main correlations found between the destructive and destructive method were: pilodyn with the wood basic density (- 0,7780); longitudinal residual strain (DRL) with the fiber length (0,5937); tangential residual strain (DRT) and wall thickness (-0,5304). The amplitude and the speeds stress wave propagation didn't present satisfactory correlation with the properties of the wood. The age didn't influenced the measurement of DRL and DRT significantly, however the interaction clone x age was significant for the amplitude and pilodyn, indicating the dependence between the two factors.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2294
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DCF - Ciência e Tecnologia da Madeira - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO_Amostragem não destrutiva e qualidade da madeira em clones de Eucalyptus spp..pdf460 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback