Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2473
metadata.teses.dc.title: Avaliação do teor de metais na água distribuída na cidade de Lavras-MG
metadata.teses.dc.title.alternative: Assessment of the levels of heavy metals in treated water in the city of Lavras
metadata.teses.dc.creator: Chaves, Rachele Cristina de Paula
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Guerreiro, Mário César
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Anastácio, Alexandre dos Santos
Lima, José Maria de
metadata.teses.dc.description.concentration: Agroquímica
metadata.teses.dc.subject: Água tratada
Metais pesados
Heavy metals
Treated water
metadata.teses.dc.date.issued: 11-Aug-2014
metadata.teses.dc.identifier.citation: CHAVES, R. C. de P. Avaliação do teor de metais pesados na água tratada do município de Lavras - MG. 2008. 44 p. Dissertação (Mestrado em Agroquímica)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2008.
metadata.teses.dc.description.resumo: O presente trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar e quantificar as concentrações de metais pesados na água potável distribuída em Lavras, MG. As amostras foram coletadas em agosto de 2005 e março de 2006, em 10 regiões da cidade de Lavras, tendo sido avaliados os seguintes metais Ca, Mg, Al, Ni, Zn, Cr, Cu, Pb, Fe e Cd, nas amostras tratadas nos pontos de captação. As análises exploratória e quantitativa foram feitas por espectrometria de emissão óptica, empregando-se plasma gerado por indução. As concentrações dos metais na maioria das amostras estavam abaixo do limite de detecção (LD) e os valores para todos os elementos encontrava-se abaixo dos limites aceitáveis pela resolução CONAMA 357. Apenas em algumas amostras foram encontrados valores acima do limite de quantificação, porém, abaixo dos valores limitrofes. Assim, verificou-se que os teores dos metais na água distribuída na cidade de Lavras apresentam-se abaixo dos limites aceitáveis, no que diz respeito à presença de metais tóxicos, sendo possível constatar que o sistema de distribuição não interfere na qualidade da água distribuída.
The goal of this work was to evaluate and quantify the concentration of heavy metals in drinkable water distributed in Lavras. Samples were collected in August, 2005 and March, 2006 in 10 regions of the city of Lavras, and tests were performed for the following metals: Ca, Mg, Al, Ni, Zn, Cr, Cu, Pb, Fe, Cd. Exploratory and quantitative analyses were determined by inductively coupled plasma optical emission spectrometry. The metal concentrations in most samples were under detection limits (DL), being also under the acceptable limits established by CONAMA resolution 357. Only in a few samples values above detection limits were observed, but these were within acceptable levels. Thus, it was verified that metal levels in water distributed in the city of Lavras are within acceptable limits, as regards the presence of toxic metals, and therefore it was concluded that the distribution system does not interfere in the quality of distributed water.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2473
metadata.teses.dc.publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
metadata.teses.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DQI - Agroquímica - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_Avaliação do teor de metais na água distribuída na cidade de Lavras-MG.pdf479,62 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.