Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAE - Departamento de Administração e Economia >
DAE - Programa de Pós-graduação >
DAE - Administração - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2507

Título: Circuitos turísticos de Minas Gerais: análise à luz de uma perspectiva relacional
Título Alternativo: Tourist circuits in Minas Gerais: analysis under the light of a relational perspective
Autor(es): Mendonça, Maria Cristina Angélico
Mafra, Flavia Luciana Naves
Assunto: Circuitos turísticos
Políticas públicas de turismo
Redes sociais
Articulação
Atores sociais
Tourist circuits
Public policies
Social networks
Articulation
Social actor
Data de publicação: 11-Ago-2014
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Referência: KNUPP, M. Eduardo C. G. Circuitos turísticos de Minas Gerais: análise à luz de uma perspectiva relacional. 2010. 188 p. Dissertação (Mestrado em Administração)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2010.
Resumo: Este estudo se realizou sob a ótica dos atores que compõem os Circuitos Turísticos de Minas Gerais: como eles funcionam e quais as dinâmicas que os caracterizam. O estado de Minas Gerais, atualmente, atua no sentido de regionalizar e descentralizar o setor, integrando diversos municípios que possuem características em comum, por meio de circuitos turísticos. Tal política se justifica devido à sua grande extensão territorial e à grande quantidade de municípios, bem como por priorizar um modelo de gestão que privilegia o desenvolvimento integrado da atividade. Minas Gerais tem 58 circuitos turísticos que abrangem todas as regiões do estado, sendo 45 deles certificados pela Secretaria de Estado do Turismo de Minas Gerais. Os circuitos são formados por municípios de determinada região, que se agrupam para desenvolver o turismo local, caracterizando um formato organizacional muito próximo às definições de redes. O presente estudo foi realizado com o objetivo de caracterizar a dinâmica entre os atores que compõem os circuitos turísticos de Minas Gerais. Portanto, o referencial teórico deste trabalho foi construído por meio de três temáticas fundamentais que seriam as redes sociais, as políticas públicas e o turismo, ainda pouco abordadas conjuntamente na literatura acadêmica brasileira atual. Na primeira etapa da pesquisa, foi realizada uma macroanálise dos circuitos mineiros por meio do método survey e, além disso, utilizou-se o programa Pajek de análise de redes para a obtenção de um sociograma desses circuitos. Os dados foram obtidos por meio dos órgãos gestores dos circuitos turísticos. Na segunda etapa, foram realizadas entrevistas com os atores-chave da Secretaria de Estado do Turismo de Minas Gerais e da Federação dos Circuitos Turísticos de Minas Gerais que apareceram na primeira etapa, para aprofundar nas análises sobre o inter-relacionamento desses atores. Dessa forma, abrange o poder público, por meio da secretaria, e a iniciativa privada, por meio da federação, construindo, assim, uma perspectiva relacional específica para o contexto desse estudo. Os resultados obtidos sugerem a existência de uma grande diversidade dos circuitos, bem como a existência de uma incipiente atuação em rede. É identificado um novo ator que, apesar de pouco tempo de existência, apresenta ter uma importância fundamental para os circuitos, como também os interesses comuns e conflitantes dos atores e seus espaços de negociação. Finalmente, considera-se que existem estratégias conjuntas entre os circuitos, mas que ainda são muito embrionárias e que a percepção de alguns atores sociais a respeito de redes é um tanto quanto superficial.
This study was developed based on the vision of the actors who are part of the Tourist Circuits in Minas Gerais: how they operate and which dynamics characterize them. The state of Minas Gerais currently acts towards regionalization and decentralization of the sector, integrating several municipalities that share characteristics, through Tourist Circuits. Such policy is justified by the great territorial extension and large amount of municipalities, as well as by the preference for a management model which privileges the integrated development of the activity. There are 58 Tourist Circuits in Minas Gerais covering all regions in the state and 45 of these are certified by the Secretaria de Estado do Turismo de Minas Gerais. The circuits are formed by municipalities of a certain region that are grouped in order to develop local tourism, thus characterizing an organizational format which is very close to that of a network. The objective of this study is to characterize the dynamics among the actors who set the Tourist Circuits in Minas Gerais. Therefore, the theoretical reference of this paper is built through three fundamental themes which are the social networks, the public policies and the tourism, still very little approached in a single group by the current Brazilian academic literature. In the first stage of the survey, a macro analysis of the mineiros circuits was carried out through the survey method and, the Pajek network analysis program was also used in order to obtain a sociogram of these circuits. The data were obtained in the Tourist Circuits management organs. In the second phase interviews were made with the key actors in the Secretaria de Estado do Turismo de Minas Gerais and the Federação dos Circuitos Turísticos de Minas Gerais, identified in the first phase, in order to deepen the analysis of the interrelationship among those actors. Notwithstanding, it involves the government, through the Secretaria, and the private enterprise, through the Federação, thus building a specific relational perspective for the study. The results obtained suggest the existence of great diversity among the circuits, as well as an incipient network action. A new actor was identified who, despite its recent existence, presents fundamental importance for the circuits. The existence of common and conflicting interests among actors and their negotiation spaces was also identified. Finally, it is considered that there are combined strategies among the circuits, but they are still very embryonic and that the perception of some social actors regarding the networks is very superficial.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2507
Aparece nas coleções: DAE - Administração - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Circuitos turísticos de Minas Gerais.pdf1,44 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback