Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2565

Título: Desempenho e crescimento alométrico de cordeiros Santa Inês e Lacaune X Santa Inês.
Título Alternativo: Performance and allometric growth of Santa Inês and Lacaune x Santa Inês lambs.
Autor(es): Ribeiro, Fabrício Leonardo Alves
Orientador: Pérez, Juan Ramón Olalquiaga
Membro da banca: Alves, Nadja Gomes
Geraseev, Luciana Castro
Muniz, Joel Augusto
Garcia, Íraides Ferreira Furusho
Área de concentração: Nutrição de Ruminantes
Assunto: Cruzamento
Ovinos
Produção animal
Crossing
Sheep
Livestock
Data de Defesa: 23-Fev-2010
Data de publicação: 12-Ago-2014
Referência: RIBEIRO, F. L. A. Desempenho e crescimento alométrico de cordeiros Santa Inês e Lacaune X Santa Inês. 2010. 76 p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2010.
Resumo: Com o objetivo de avaliar o efeito do genótipo e do peso de abate, foi conduzido um experimento, utilizando 34 cordeiros (17 mestiços Lacaune x Santa Inês e 17 Santa Inês), arranjados em delineamento experimental inteiramente casualizado em esquema fatorial 2x4, dois grupos genéticos e 4 pesos de abate (15; 30; 45 e 60 kg de peso vivo). Foram avaliadas as seguintes variáveis: ganho médio diário, dias de confinamento, conversão alimentar, consumo de nutrientes, peso, porcentagens e crescimento alométrico dos componentes corporais. No estudo das variáveis de desempenho, foram utilizados 24 animais e três fases de crescimento (15-30; 15-45; 15-60 kg de peso vivo). Os cordeiros mestiços apresentaram maiores ganhos médios (0,259 x 0,234g/dia) e menores valores para dias de confinamento (120 x 134 dias) e conversão alimentar (4,281 x 4,691 kgMS/kg de ganho). A porcentagem de rúmen/retículo, intestino delgado, rins, gordura omental, perirrenal e pélvica foi afetada pelo grupo genético (P<0,05). O peso absoluto do conteúdo do TGI, do rúmen/retículo e dos intestinos foi maior nos animais mestiços e o peso dos depósitos de gordura omental, perirrenal e pélvica foi maior nos animais puros. Os cordeiros mestiços apresentaram maiores porcentagens de pernil e lombo e menor peso absoluto da carcaça fria. O peso de abate alterou o peso e o rendimento de todos os componentes corporais. O crescimento alométrico da maioria dos órgãos internos foi considerado precoce. O crescimento dos depósitos de gordura foi considerado tardio. O crescimento do braço anterior, braço posterior e pernil, em função do peso da carcaça, foi classificado como precoce, enquanto costeleta, lombo e paleta tiveram crescimento classificado como intermediário. O músculo teve crescimento precoce na costeleta e costela/fralda e intermediário para no lombo. Para a paleta e o pernil o crescimento do músculo foi considerado precoce nos animais mestiços e intermediário nos animais puros. O crescimento da gordura foi classificado como tardio em todos os cortes comerciais. O tecido ósseo teve crescimento precoce na maioria dos cortes estudados. O cruzamento promoveu melhores resultados de desempenho e os cordeiros mestiços apresentam menores pesos dos depósitos internos de gordura e maiores proporções de cortes nobres.
Aiming to evaluate the effect of genotype and slaughter weight, an experiment was conducted using 34 lambs (17 crossbred Lacaune x Santa Inês and 17 purebred Santa Inês), arranged in a completely randomized design (factorial 2x4) two genetic groups and four slaughter weights (15, 30, 45 and 60 kg live weight). We evaluated the following variables: average daily gain, days on feed, feed:gain ratio, nutrient intake, weight, percentages and allometric growth of body components. In the variables of performance were used 24 animals and three growth phases (15-30, 15-45, 15-60 kg live weight). Crossbred lambs had higher gain averages (0.259 x 0.234 g/day), lower values for days on feed (120 x 134 days) and feed:gain ratio (4.281 x 4.691 kgMS/kg gain). The percentage of rumen/reticulum, small intestine, kidneys, omental, perirenal and pelvic fat was affected by genotype (P<0.05). The absolute weight of the contents of the GI tract, rumen/reticulum and intestines was higher in crossbred lambs and weight of omental, perirenal and pelvic fat depots was higher in purebred animals. Crossbred lambs had higher percentages of leg and loin, and lower cold carcass weight. The slaughter weight increased the size and the yield of all the body parts. The allometric growth of most internal organs was considered precocious. The growth of fat deposits was considered late. The growth of the anterior arm, posterior arm and leg, according to carcass weight, was classified as precocious, shortribs, loin and shoulder was classified as intermediary. The muscle grew earlier in the shortribs and rib/flank and intermediate for the loin. For the shoulder and leg the muscle growth was earlier for crossbred and intermediary for purebred lambs. Fat growth was classified as late in all commercial cuts. In the majority cuts, bone tissue grew earlier. The crossing has promoted better performance results, crossbred lambs had lower weights of internal fat deposits and higher proportions of cuts.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2565
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Desempenho e crescimento alométrico de cordeiros Santa Inês e Lacaune X Santa Inês.pdf366,25 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback